Comandante da Marinha

Bate-papo com o Comandante da Marinha

Bate-papo com o Comandante da Marinha - Entrevista SO-BA Esteves


 

 

 

Biografia

Almirante de Esquadra ALMIR GARNIER SANTOS

 

O Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos nasceu em 22 de setembro de 1960, em Cascadura, no Rio de Janeiro. Orgulha-se de sua longa relação com a Marinha do Brasil, tendo ingressado, aos dez anos de idade, como aluno do curso de formação de operários, na extinta Escola Industrial Comandante Zenethilde Magno de Carvalho.  

 

Graduou-se Técnico em Estruturas Navais, na Escola Técnica do Arsenal de Marinha (AMRJ), em 1977, tendo estagiado nas Fragatas “Independência” e “União”, à época em construção na carreira do AMRJ. No mesmo ano iniciou o Curso de Formação de Oficiais da Reserva da Marinha.

 

Em 1978 ingressou na Escola Naval (Rio de Janeiro-RJ) formando-se em 1981, na primeira colocação no Corpo da Armada. Ainda em 1981, participou do Cruzeiro de Instrução do Veleiro-Escola “Capitán Miranda”, da Armada do Uruguai. No regresso da viagem de instrução, a bordo do Navio-Escola “Custódio de Mello”, em 1982, foi nomeado Segundo-Tenente, vindo a servir na Fragata “Independência”, como Ajudante da Divisão de Operações.

 

Foi promovido ao posto de Primeiro-Tenente em 31 de agosto de 1984; e em seguida iniciou o Curso de Aperfeiçoamento em Eletrônica para Oficiais, no Centro de Instrução “Almirante Wandenkolk”, localizado no Rio de Janeiro-RJ, o qual concluiu, em 1985, com distinção, tendo obtido o primeiro lugar.

 

Entre os anos de 1982 e 1991, o então Tenente Garnier, desenvolveu suas habilidades operativas servindo a bordo dos navios mais modernos da Esquadra brasileira à época: a Fragata “Independência”, a Fragata “União” e o Navio-Escola “Brasil”, onde ocupou os cargos de Chefe do Departamento e de Encarregado da Divisão de Operações, de Encarregado da Manutenção do Material Eletrônico, de Oficial de Defesa Aérea e Guerra Eletrônica e de Instrutor de Operações de Guardas-Marinhas.

 

Em 1991, como Capitão-Tenente, foi voluntariamente designado para realizar o Curso de Mestrado em Pesquisa Operacional e Análise de Sistemas, em Monterey, CA-EUA. Após a conclusão do Mestrado, serviu em funções técnicas por cerca de dez anos, quando gerenciou várias equipes, desenvolvendo projetos de otimização de recursos, de emprego de Poder Naval, de jogos para treinamento de Guerra Naval e de implantação de sistemas de tecnologia da informação e comunicações.

 

O então Capitão de Corveta Garnier concluiu o Curso de Estado-Maior para Oficiais Superiores em 1998, obtendo a primeira colocação. Possui ainda o curso de Master of Business Administration (MBA) em Gestão Internacional pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - COPPEAD (2008) e o Curso de Política e Estratégia Marítimas da Escola de Guerra Naval, concluído com menção honrosa, em 2008.

 

Em 31 de março de 2010 foi promovido ao posto de Contra-Almirante, em 31 de março de 2014 ao posto de Vice-Almirante e em 25 de novembro de 2018 ao posto de Almirante de Esquadra.

 

Em 2014 foi incluído no seleto rol dos alunos distintos (Distinguished Alumni) da Naval Postgraduate School, prestigiada instituição de ensino da Marinha dos Estados Unidos da América, onde cursou seu mestrado entre 1991 e 1993.

 

Ao longo de sua carreira comandou o Navio-Tanque “Almirante Gastão Motta”, o Centro de Apoio a Sistemas Operativos, o Centro de Análises de Sistemas Navais, a Escola de Guerra Naval e, por dois anos, o Comando do 2º Distrito Naval onde foi agraciado pelas sociedades baiana e sergipana com diversas condecorações, além dos títulos de cidadão baiano, cidadão sergipano e cidadão soteropolitano, que muito o lisonjeiam.

 

No Ministério da Defesa, teve a oportunidade de servir por três ocasiões, totalizando 6 anos e 1 mês, sendo a primeira como Chefe de Gabinete do Chefe do Estado-Maior de Defesa, Almirante de Esquadra João Afonso Prado Maia de Faria, de 2009 a 2010, a segunda entre 2014 e 2017 como Assessor Especial Militar do Ministro de Estado da Defesa, tendo servido com os Ministros Celso Amorim, Jaques Wagner, Aldo Rebelo e Raul Jungmann, e a terceira entre 2019 e 2021, por pouco mais de dois anos, quando exerceu o importante cargo de Secretário-Geral do Ministério da Defesa.

 

Nesse período, concebeu, contratou e participou da avaliação e validação do Sistema de Apoio à Decisão para otimização do Orçamento (SAD-ORC), um sistema desenvolvido utilizando técnicas de programação matemática e multicriteriais de otimização de decisão com foco na eficiência da distribuição orçamentária para as Forças Armadas. Em seu primeiro ano de funcionamento, o referido sistema trouxe 15% de economia na alocação orçamentária dos recursos afetos à parcela de investimentos da Marinha do Brasil.

 

No cargo de Secretário-Geral, foi designado como Representante da Presidência da República no Comitê-Executivo de Gestão (GECEX), da Câmara de Comércio Exterior (CAMEX), atribuição que continua exercendo até os dias atuais, tendo participado de importantes realizações, como por exemplo: a Publicação da Resolução CAMEX nº 218/2021, encerrando incidência do imposto de exportação sobre armas e munições; a aprovação de operações de Seguro de Crédito à Exportação do Setor de Defesa totalizando apoio às exportações em aproximadamente US$ 3 bilhões para o ano de 2022; e a criação, no âmbito da CAMEX, de Grupo-Tarefa específico de DEFESA para definir os moldes da Reforma do Sistema de Apoio Oficial (COFIG).

 

Ainda como Secretário-Geral do Ministério da Defesa, foi eleito Conselheiro de Administração da AMAZUL, como representante dessa Pasta, no período de abril de 2019 a julho de 2021. Neste período, foram aprovadas as Regras Gerais de Governança para execução indireta de atividades finalísticas e a adoção da Política de Transação entre Partes Relacionadas, da Política de Conformidade e Gestão de Riscos e da Política de Qualidade, Saúde e Segurança, Meio Ambiente e Responsabilidade Social, que estabeleceram importantes diretrizes para a Empresa.

 

Houve, ainda, além de outras iniciativas, a assunção, pela Empresa, de novas responsabilidades no Programa Nuclear da Marinha (PNM), principalmente no que tange à construção do Laboratório de Geração de Energia Nucleoelétrica (LABGENE), parte vital do protótipo, em terra, da Planta Nuclear do futuro Submarino Convencional com Propulsão Nuclear Brasileiro (SCPN), além de outros contratos referentes ao empreendimento. O volume de investimentos realizados nos Programas Nuclear da Marinha e Desenvolvimento de Submarinos pela AMAZUL, foi da ordem de R$ 147 milhões de reais, representando um incremento de cinco vezes o montante anteriormente aplicado pela Empresa nesses Programas. Isto denota a importância e o protagonismo da Empresa em atividades que compõem alguns de seus objetivos, em conformidade com a sua Lei de criação, a Lei nº 12.706/2012.

 

Com relação aos investimentos próprios, a AMAZUL, ampliou de R$ 31 milhões para cerca de R$ 43 milhões, com incremento de 40%, expandindo seu patrimônio imobilizado por meio da conclusão das obras de readequação da sede da Empresa.

 

Com relação à produções acadêmicas, além da publicação de diversos trabalhos, é coautor de dois livretos na área de gestão de logística e da cadeia de suprimentos. Atuou como palestrante convidado de logística e gerenciamento de projetos, por mais de doze anos, nos programas de graduação e de pós-graduação da Fundação Getúlio Vargas.

 

Após aproximadamente 50 anos na Marinha, assumiu, em 9 de abril de 2021 o mais nobre e desafiante cargo de sua carreira, o de Comandante da Marinha do Brasil.

 

Filho de Wilson Santos (in memorian) e de Sulayr Garnier, marido da Dra. Selma Foligne, pai de Almir Junior e avô de Laurinha, o Almirante Garnier possui mais de 950 dias de mar, tendo sido condecorado com a Medalha Mérito Marinheiro (duas âncoras). Possui ainda vários prêmios e condecorações, incluindo-se a Medalha Ordem do Mérito da Defesa (Grã-Cruz); a Medalha Ordem do Mérito Naval (Grã-Cruz); a Medalha Ordem do Mérito Militar (Grande-Oficial); a Medalha Ordem do Mérito Aeronáutico (Grande-Oficial); a Medalha Ordem de Rio Branco (Grã-Cruz); a Medalha Mérito Judiciário Militar (Grã-Cruz); a Medalha do Mérito Mauá; a Medalha Mérito Desportivo Militar; a Medalha da Vitória; a Medalha Mérito Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas; a Medalha do Mérito Marechal Cordeiro de Farias; a Medalha Exército Brasileiro; a Medalha Militar de Ouro com Passador de Platina (por possuir mais de 40 anos de bons serviços prestados à Marinha do Brasil em Serviço Ativo); a Medalha do Pacificador; a Medalha Mérito Santos Dumont; a Medalha Mérito Tamandaré; as Medalhas-Prêmio Escola de Guerra Naval, Conde de Anadia e Almirante Marques de Leão, por suas primeiras colocações no Curso de Estado-Maior, na Escola Naval e no Curso de Aperfeiçoamento em Eletrônica; e a Medalha Mérito Saúde Naval, entre outras Medalhas concedidas por Marinhas amigas, tais como: Medalha da Cruz Naval a los Servicios Distinguidos (Cruz Naval Laureada) da Armada da Argentina; Medalha Estrela das Forças Armadas do Equador; Medalha Francisco José Caldas (Colômbia); Medalha Mérito Facultativo Naval de 1ª Classe (México); Medalha Mérito Militar de 3ª Classe (Portugal); Medalha Militar da Cruz Naval - 1ª Classe (Portugal); Medalha Naval de Honra ao Mérito do Peru; Medalha Ordem do Mérito Naval (Espanha); Medalha Ordem do Mérito Naval Boliviano; Medalha de Ouro do Estado-Maior da Marinha Italiana; Medalha-Prêmio Escola Naval do Chile; e Medalha Vermeil - Ordem Infante Dom Henrique. Adicionalmente, possui as seguintes condecorações federais, estaduais e municipais: Medalha ao Mérito Militar da Associação de Adidos Militares Acreditados no Brasil; Comenda 2 de Julho (Assembleia Legislativa da Bahia); a Medalha Thomé de Souza (Câmara Municipal de Salvador); a Comenda da Ordem do Mérito do Descobridor (Câmara Municipal de Porto Seguro); a Medalha Washington Luis – Polícia Rodoviária Federal; a Medalha do Mérito Policial-Militar do Estado da Bahia; a Medalha do Mérito Policial Civil do Estado da Bahia; a Medalha Alferes Joaquim José da Silva Xavier – Tiradentes (Polícia Militar do Distrito Federal); a Comenda da Ordem do Mérito Bombeiro Militar do Distrito Federal (Imperador Dom Pedro II – Comendador); a Medalha da Associação Nacional de Desembargadores (ANDES); a Medalha Especial de Mérito da Magistratura da Bahia - TJBA 410 anos; a Medalha Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho da Bahia - Comenda Ministro Coqueijo Costa; a Medalha Devocional do Senhor Bom Jesus do Bonfim; a Comenda da Cidadania Desembargador Jatahy Fonseca; e a Ordem do Mérito Industrial São Paulo (Comendador).

 

 

 

 

 

 

 

CURRICULUM VITAE

 

1. DADOS PESSOAIS
 

- Nascimento: 22 de Setembro de 1960; e

- Naturalidade: Rio de Janeiro-RJ.

 

2. CARREIRA
 

- Aspirante: 09 de fevereiro de 1978;

- Guarda-Marinha: 13 de dezembro de 1981;

- Segundo-Tenente: 31 de agosto de 1982;

- Primeiro-Tenente: 31 de agosto de 1984;

- Capitão-Tenente: 31 de agosto de 1987;

- Capitão de Corveta: 31 de agosto de 1993;

- Capitão de Fragata: 30 de abril de 1999;

- Capitão de Mar e Guerra: 25 de dezembro de 2004;

- Contra-Almirante: 31 de março de 2010;

- Vice-Almirante: 31 de março de 2014; e

- Almirante de Esquadra: 25 de novembro de 2018.

 

3. COMISSÕES
 

Escola Naval
(Ciclo Escolar – Período de: 09/02/1978 a 11/03/1982)

 

Veleiro-Escola “Capitán Miranda”, da Armada do Uruguai;
(Ciclo Escolar – Período de: 20/12/1981 a 28/02/1982)

 

NE “Custódio de Mello”
(Ciclo Escolar – Período de: 11/03/1982 a 20/09/1982)

 

Fragata “Independência”
(Ajudante da Divisão de Operações - Período de: 21/09/1982 a 21/12/1984)

 

Centro de Instrução “Almirante Wandenkolk”
(Aluno do Curso de Aperfeiçoamento de Eletrônica para Oficiais, o qual concluiu com “Distinção” - Período de: 21/12/1984 a 02/01/1986)

 

Fragata “Independência”
(Ajudante da Divisão de Operações - Período de: 15/01/1986 a 23/11/1987)

 

Navio Escola “Brasil”
(Instrutor de Operações Navais e Encarregado da Divisão de Operações - Período de: 23/11/1987 a 28/11/1989)

 

Fragata “União”
(Encarregado da Divisão “O-2” - Período de: 05/01/1990 a 12/06/1991 e Chefe do Departamento de Operações - Período de: 20/02 a 29/03/1990)

 

Comissão Naval Brasileira em Washington
(Aluno do Curso de Mestrado em “Operations Research Systems Analisys”, em MontereyEUA - Período de: 08/07/1991 a 29/09/1993)

 

Centro de Análises de Sistemas Navais
(Gerente do Projeto “Tática para Proteção a Comboio ou Força Naval” - Período de: 08/06/1994 a 27/11/1997; Gerente do Projeto – Controle de Área Marítima – SAD-CAM - Período de: 30/12/1996 a 27/11/1997; e
Assessor do Departamento de Análises de Sistemas - Período de: 27/11/1997 a 13/02/1998)

 

Escola de Guerra Naval
(Aluno do Curso de Estado-Maior para Oficiais Superiores - Período de: 13/02/1998 a 16/12/1998)

 

Centro de Análises de Sistemas Navais
(Assessor Militar do Departamento de Análises de Sistemas - Período de: 17/12/1998 a 01/11/2002; Gerente do Projeto – Sistema de Simulação de Guerra Naval - Período de: 01/07/2000 a 27/02/2002; e Gerente do Projeto – Sistema de Apoio a Decisão – Cobertura Radar na Amazônia – SAD-CRAm - Período de: 27/02/2002 a 01/11/2002)

 

Navio Tanque “Almirante Gastão Motta”
(Comandante - Período de: 10/02/2003 a 01/03/2004)

 

Diretoria de Telecomunicações da Marinha
(Superintendente de Sistemas - Período de: 15/03/2004 a 30/01/2006)

 

Centro de Apoio a Sistemas Operativos
(Comandante - Período de: 09/02/2006 a 30/01/2008)

 

Escola de Guerra Naval
(Curso de Política e Estratégia Marítima - Período de: 25/02/2008 a 17/12/2008)

 

Ministério da Defesa
(Chefe de Gabinete do Chefe de Estado-Maior de Defesa - Período de: 13/02/2009 a 16/04/2010)

 

Comando de Operações Navais
(Subchefe de Inteligência Operacional - Período de: 07/04/2010 a 11/04/2012)

 

Centro de Análises de Sistemas Navais
(Diretor - Período de: 21/03/2012 a 16/04/2013)

 

Escola de Guerra Naval
(Diretor - Período de: 04/04/2013 a 28/04/2014)

 

Ministério da Defesa
(Assessor Especial Militar do Ministro de Estado da Defesa - Período de: 18/06/2014 a 05/01/2017)

 

Comando do 2º Distrito Naval
(Comandante - Período de: 09/01/2017 a 23/01/2019)

 

Ministério da Defesa
(Secretário-Geral do Ministério da Defesa - Período: 15/01/2019 - 13/04/2021)

 

Comando da Marinha
(Comandante da Marinha - Período de: 09/04/2021 - atualmente)

 

4. CURSOS
 

- Curso de Política e Estratégia Marítimas - Escola de Guerra Naval (Menção “Muito Bom”).

- Curso de Master of Business Administration (MBA) em Gestão Internacional pela UFRJ -  (COPPEAD 2008)

- Curso de Mestrado em “Operations Research Systems Analisys” (Monterey, CA-EUA);

- Curso de Estado-Maior para Oficiais Superiores - Escola de Guerra Naval (Distinção);

- Curso de Aperfeiçoamento de Eletrônica para Oficiais (Distinção);

- Escola Naval (Distinção);

- CBINC/OF (Distinção);

- Assuntos Gerais para Oficiais de Quarto;

- Tática Anti-Submarino;

- Tática para Oficiais;

- Manutenção do 1º Escalão do Sistema de Simulação Tática e Treinamento (Distinção);

- Sistema de Direção de Tiro de Armas Acima D’água das Fragatas MK-10 (Distinção);

- Curso Básico da Escola de Guerra Naval; e

- Curso Expedito de Atualização para Comandantes;

 

5. DESIGNAÇÕES E TÍTULOS
 

- Representante da Presidência da República no Comitê-Executivo de Gestão (GECEX), da Câmara de Comércio Exterior (CAMEX);

- Conselheiro de Administração da Amazônia Azul Tecnologias de Defesa S.A. (AMAZUL) no período de abril de 2019 a junho de 2021;

- Participou de Estágio Técnico no Laboratório de Pesquisas Navais na cidade de Monterey-EUA, onde conduziu análise de sensibilidade em algoritmo de propagação radar;

- Pela Portaria Ministerial nº 119/1994, foi designado para apresentar sua Tese de Mestrado no “TIMS/ORSA JOINT NATIONAL MEETING” na cidade de Boston-EUA;

- Em 2014 foi incluído no seleto rol dos alunos distintos (Distinguished Alumni) da Naval Postgraduate School;

- Título de Cidadão Baiano;

- Título de Cidadão Sergipano; e

- Título de Cidadão Soteropolitano.

 

6. CONDECORAÇÕES
 

- Ordem do Mérito da Defesa (Grã-Cruz);

- Ordem do Mérito Naval (Grã-Cruz);

- Ordem do Mérito Militar (Grande-Oficial);

- Ordem do Mérito Aeronáutico (Grande-Oficial);

- Ordem de Rio Branco (Grã-Cruz);

- Ordem do Mérito Judiciário Militar (Grã-Cruz);

- Medalha do Mérito Mauá;

- Medalha Mérito Desportivo Militar;

- Medalha da Vitória;

- Medalha Mérito Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas;

- Medalha do Mérito Marechal Cordeiro de Farias;

- Medalha Exército Brasileiro;

- Medalha Militar de Ouro com Passador de Platina;

- Medalha do Pacificador;

- Medalha Mérito Santos Dumont;

- Medalha Mérito Tamandaré;

- Medalha-Prêmio Escola de Guerra Naval;

- Medalha-Prêmio Conde de Anadia;

- Medalha-Prêmio Almirante Marques de Leão;

- Medalha Mérito Marinheiro (duas âncoras);

- Medalha Mérito Saúde Naval;

- Medalha da Cruz Naval a los Servicios Distinguidos (Cruz Naval Laureada) - Armada Argentina;

- Medalha Estrela das Forças Armadas do Equador;

- Medalha Francisco José de Caldas (Colômbia);

- Medalha Mérito Facultativo Naval de 1ª Classe (México);

- Medalha Vermeil - Ordem Infante Dom Henrique (Portugal);

- Medalha Mérito Militar de 3ª Classe (Portugal);

- Medalha Militar da Cruz Naval - 1ª Classe (Portugal);

- Medalha Naval de Honra ao Mérito do Peru;

- Ordem do Mérito Naval (Espanha);

- Ordem do Mérito Naval Boliviano;

- Medalha de Ouro do Estado-Maior da Marinha Italiana;

- Medalha-Prêmio Escola Naval do Chile;

- Comenda 2 de Julho - Assembleia Legislativa da Bahia;

- Medalha Thomé de Souza - Câmara Municipal de Salvador;

- Comenda da Ordem do Mérito do Descobridor - Câmara Municipal de Porto Seguro;

- Medalha Washington Luis - Polícia Rodoviária Federal;

- Medalha do Mérito Policial Militar do Estado da Bahia;

- Medalha do Mérito Policial Civil do Estado da Bahia;

- Medalha Alferes Joaquim José da Silva Xavier - TIRADENTES - Polícia Militar do Distrito Federal;

- Comenda da Ordem do Mérito Bombeiro Militar do Distrito Federal “Imperador Dom Pedro II” (Comendador);

- Medalha da Associação Nacional de Desembargadores - ANDES;

- Medalha Especial de Mérito da Magistratura da Bahia - TJBA 410 anos;

- Medalha Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho da Bahia;

- Comenda Ministro Coqueijo Costa;

- Medalha Devocional do Senhor Bom Jesus do Bonfim;

- Comenda da Cidadania Desembargador Jatahy Fonseca;

- Ordem do Mérito Industrial São Paulo (Comendador); e

- Medalha ao Mérito Militar “Terceira versão” da Associação de Adidos Militares Acreditados na República Federativa do Brasil.