Marinha forma 3ª turma do Estágio de Operações de Paz para Mulheres

09/10/2019
 
Dra. Najla palestra para alunas do estágio
 
Foi realizado o encerramento do 3º Estágio de Operações de Paz para Mulheres (III EOpPazFem), no dia 4 de outubro, no Centro de Operações de Paz de Caráter Naval (COpPazNav). Na ocasião, estiveram presentes o Vice-Almirante (FN) Cesar Lopes Loureiro; a Contra-Almirante (Engenheiro Naval) Luciana Mascarenhas da Costa Marroni; a Promotora da Justiça Militar, Dra. Najla Nassif Palma; a Capitão de Mar e Guerra (Quadro Técnico) Mônica de Araujo Thuler; a Capitão de Mar e Guerra (Quadro Técnico) Zuleika Regina Duarte de Souza; a Major Christiane Lima; a Conselheira do Ministério das Relações Exteriores, a diplomata Viviane Rios; o Prof. Gustavo Macedo, da Rede Brasileira de Pesquisa sobre Operações de Paz; e a Profª. Dra. Karla Pinhel, da UniCuritiba.
 
O 3º Estágio de Operações de Paz para Mulheres foi iniciado no dia 25 de setembro com a aula ministrada pela Contra-Almirante Médica Dalva Maria Carvalho Mendes, primeira brasileira a ser promovida a Oficial-General. O estágio contou com a participação de 47 mulheres da Marinha do Brasil, das demais Forças Singulares e Auxiliares e de integrantes civis do meio acadêmico.
 
Realizado uma vez por semestre, o curso tem como objetivo contribuir para atingir, pelo Brasil, a meta estabelecida pelas Nações Unidas, por meio da Resolução nº 2242/2015 de sua Assembleia Geral, de ampliar até o ano de 2020 a participação feminina em operações de manutenção da paz para o total de 15% do efetivo total presente em missões.
 
 
O estágio busca disseminar conhecimentos sobre operações de paz entre o público feminino, além de contribuir para a participação das mulheres nas missões de paz, para que tomem postos de liderança, reforcem o empoderamento feminino e colaborem com a não violência contra a mulher como um todo. O curso é uma iniciativa do Comando de Operações Navais (CON), em coordenação com o Comando-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais (CGCFN).
 
O COpPazNav, estabelecido no Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC), é a unidade de treinamento da Marinha para Operações de Paz, particularmente aquelas de caráter naval, como a executada pela Força-Tarefa Marítima na Força Interina das Nações Unidas no Líbano (FTM-UNIFIL), e vem contribuindo para a consolidação dos valores da Força e das Nações Unidas. A encarregada do COpPazNav e coordenadora do evento é a Capitão de Corveta Marcia Andrade Braga, que recebeu o prêmio de Defensora Militar da Igualdade de Gênero da ONU, em Nova York, neste ano.
 
Turma do 3º Estágio de Operações de Paz para Mulheres