Marinha do Brasil obtém navios de apoio oceânico

10/04/2018

 

 
No dia 4 de abril, no prédio sede da Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON), foi assinado o protocolo de compra de três navios de apoio oceânico adquiridos pela Marinha do Brasil. Os navios foram vendidos pela empresa norueguesa Deep Sea Supply, que venceu a licitação realizada na modalidade de pregão eletrônico internacional.
 
Representantes da Marinha, da EMGEPRON e da Deep Sea Supply assinam o protocolo de compra dos navios de apoio oceânico
 
Estiveram presentes para assinatura do contrato o Diretor de Gestão de Programas da Marinha, Vice-Almirante Petronio Augusto Siqueira de Aguiar; o Diretor-Presidente da EMGEPRON, Vice-Almirante (Ref°) Francisco Antônio de Magalhães Laranjeira; o Diretor Técnico-Comercial da Emgepron Vice-Almirante (RM1) Rodrigo Otavio Fernandes de Hônkis; e, pela Deep Sea, o Diretor Presidente, Felipe Rodrigues Alves Meira; o Diretor-Técnico, Cruz Lima; e o Diretor Financeiro, Joaquim Jordão Saboia.
 
Os navios, construídos em série nos anos 2010 e 2011, na Índia, classificados como embarcações de apoio marítimo offshore do tipo Anchor Handling Tug Supply (AHTS), serão transformados pela Marinha em Navios de Apoio Oceânico (NApOc).
 
Os NApOc têm 63 metros de comprimento, 15,8 metros de boca, 5,5 metros de calado máximo, deslocamento aproximado de 2.000 toneladas e cerca de 90 toneladas de tração estática.
 
A data de incorporação desses novos meios à Marinha será oportunamente divulgada.
 
Os três navios de apoio oceânico, atracados no AMRJ, ainda nas cores do ex-proprietário