Há um ano, Forças Armadas unem esforços nas Regiões Norte e Nordeste no combate à Covid-19

25/03/2021
 
Aeronave da Marinha participa da logística de distribuição e aplicação de vacinas contra a Covid-19 nas aldeias indígenas Ywyrareta e Mukuru, no Amapá

A Marinha completou, no dia 20 de março, um ano de atuação na Operação “Covid-19”, que une, por meio do Comando Conjunto Norte, em Belém (PA), o Comando do 4º Distrito Naval, o Comando Militar do Norte e a Ala 9. Todas as ações ocorrem nos estados do Pará, Amapá, Maranhão e norte do Tocantins, em conjunto com órgãos públicos de segurança, saúde e apoio social.
 
Em 365 dias, os militares atuaram na linha de frente de hospitais, em mais de três mil desinfecções de áreas públicas, transporte de pacientes e materiais de saúde; realizaram a logística de vacinação em áreas remotas; doaram sangue; distribuíram alimentos e kits higiene; produziram equipamentos de proteção individual; e promoveram campanhas de conscientização.
 
Mais de 580 toneladas de materiais foram transportadas por militares para vacinação em aldeias indígenas e comunidades ribeirinhas e para abastecimento de hospitais e espaços de saúde dos estados. Ainda foram realizadas ações de logística e segurança para distribuição de 63.500 cestas básicas e kits higiene, bem como doadas mais de 650 unidades de alimentação pronta para o consumo.
 
Operação “Covid-19” realizou mais de três mil ações de desinfecção
em espaços civis e militares com grande circulação de pessoas
 
As Forças Armadas também produziram e distribuíram mais de 11.200 unidades de máscaras de uso individual. Militares que atuam na área da saúde salvaram mais de 2.800 pessoas em leitos clínicos e de UTI. Na área educativa, foram promovidas 2.700 campanhas de conscientização sobre propagação do vírus, alcançando 180 mil pessoas, por ocasião de mais de 2.480 inspeções navais.