Comando do 4º Distrito Naval inspeciona mais de cinco mil embarcações durante Operação “Verão 2019/2020”

04/02/2020
 
Militares fazem checagem de documentação de embarcação no Piauí
 
As Organizações Militares subordinadas ao Comando do 4º Distrito Naval (Com4ºDN) realizaram, no período de 20 de dezembro de 2019 a 20 de janeiro de 2020, a Operação “Verão 2019/2020”, reforçando as ações de fiscalização do tráfego aquaviário por meio de inspeções navais, a fim de assegurar a salvaguarda da vida humana no mar, rios e lagos, a segurança da navegação e a prevenção da poluição hídrica oriunda de embarcações.
 
Na área de jurisdição da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental, no Pará, foram realizadas 1715 abordagens em embarcações, sendo 24 delas notificadas e 16 apreendidas. Foram instaurados também 4 inquéritos de acidentes e fatos da navegação, realizadas 15 vistorias em embarcações e repassadas orientações aos passageiros nos procedimentos de embarque e desembarque, bem como distribuídos panfletos educativos de segurança da navegação. “A operação teve saldo positivo, pois houve um aumento considerável do número de abordagens, bem como não houve registros de acidentes graves no período. Vamos continuar com as ações de fiscalização do tráfego aquaviário e de prevenção de escalpelamento”, ressaltou o Capitão dos Portos da Amazônia Oriental.
 
Ainda no Pará, a Capitania Fluvial de Santarém manteve o foco na fiscalização de embarcações de Passageiros, bem como nas de Esporte e Recreio no balneário de Alter do Chão-PA, ampliando a sua área de atuação até a cidade de Oriximiná-PA. Durante a operação, foram abordadas 605 embarcações, realizadas 7 coberturas de eixos, ministradas 25 palestras, para cerca de 904 pessoas sobre Segurança do Tráfego Aquaviário, prevenção de incêndio a bordo, uso de coletes salva-vidas e prevenção ao escalpelamento. Foram doados 261 coletes salva-vidas aos ribeirinhos de baixa renda.
 
Na área da Capitania dos Portos do Amapá, as Equipes de Inspeção Naval vistoriaram 809 embarcações, das quais 72 foram notificadas e 33 apreendidas. Durante as abordagens, os comandantes e suas tripulações foram orientados sobre importância de não trafegar com embarcações irregulares, que colocam em risco, não somente a segurança do tráfego aquaviário, como também a segurança dos passageiros.
 
A Agência da Capitania dos Portos no Oiapoque-AP atuou na Operação “Verão” em complemento à fiscalização rotineira que realiza nos municípios do Oiapoque e de Calçoene, tendo realizado 432 abordagens e 4 notificações.
 
A Capitania dos Portos do Maranhão (CPMA) promoveu campanhas de conscientização para criar um maior comprometimento dos condutores em relação ao uso do colete salva-vidas e à segurança da navegação, além de ter realizado palestras em colônias de pescadores, entidades náuticas e marinas. A CPMA inspecionou 1.128 embarcações, sendo 55 notificadas, 10 apreendidas, foi registrado um acidente e aberto um inquérito administrativo.
 
Na Capitania dos Portos do Piauí, o foco das ações foi o combate a poluição que atingiu o litoral Nordestino. Durante a operação, foram realizadas 371 abordagens a embarcações em todo o Estado, com cinco notificações para comparecimento à Capitania, uma apreensão por irregularidade constatada, sendo registrado um acidente de navegação com abertura de um Inquérito Administrativo de Acidentes de Fatos de Navegação.
 
No Oiapoque-AP, foram realizadas 432 abordagens a embarcações