Capitania dos Portos do Amapá realiza mais de 350 abordagens durante etapa da Operação “Ágata”

09/09/2021
Fonte: Centro de Comunicação Social da Marinha
Agência Escola Flutuante “Ajuri” empregada nas localidades de Vitória do Jari (AP)
 
A Capitania dos Portos do Amapá (CPAP), com apoio da Agência Brasileira de Inteligência (ABIN), do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), da Agência de Defesa e Inspeção Agropecuária do Estado do Amapá, das Polícias Civil e Militar do Estado do Amapá e do Conselho Tutelar, realizou mais uma etapa da Operação “Ágata-2021”, de 27 de agosto a 5 de setembro. Na ocasião, foram realizadas 359 abordagens, 44 notificações, 12 apreensões e 18 testes com etilômetro.
 
A operação abrangeu localidades dos municípios de Macapá, Santana, Mazagão e Vitória do Jari, no Amapá, reforçando as ações de fiscalização do tráfego aquaviário por meio de inspeções navais, a fim de assegurar a salvaguarda da vida humana no mar, rios e lagos, a segurança da navegação e a prevenção da poluição hídrica oriunda de embarcações.
 
Foram distribuídos folders educativos de segurança da navegação e sobre a Covid-19, além de repassadas orientações aos comandantes, tripulantes e passageiros de forma educativa, reforçando a importância de não trafegarem com embarcações irregulares, que colocam em risco, não somente a segurança do tráfego aquaviário, como também a segurança dos passageiros.