Capitania dos Portos de Pernambuco apoia realização da 32ª Regata Recife - Fernando de Noronha

06/10/2021
 
Militares da CPPE garantem a segurança da navegação na largada da Regata Recife-Fernando de Noronha no Marco Zero, na capital pernambucana
 
A Capitania dos Portos de Pernambuco (CPPE) apoiou a realização da 32ª edição da Regata Internacional Recife-Fernando de Noronha (Refeno), que ocorreu entre os dias 25 e 29 de setembro. Considerada a maior regata oceânica do Brasil, a travessia de 541 quilômetros reuniu 77 veleiros e 650 tripulantes.
 
Antes da Regata, a CPPE atuou na inspeção de todas as embarcações inscritas na competição, com o objetivo de garantir o cumprimento das condições de segurança da navegação, de salvaguarda da vida humana no mar e de prevenção da poluição hídrica. Equipes de inspeção naval da CPPE verificaram coletes e balsas salva-vidas, extintores de incêndio, documentação regularizada das tripulações e embarcações, equipamentos de navegação e comunicações, entre outros itens.
 
A CPPE prestou apoio aos velejadores e realizou inspeção
em todas as embarcações inscritas na competição
 
A Refeno é promovida pelo Cabanga Iate Clube de Pernambuco. A largada ocorreu no dia 25 de setembro, no Marco Zero, em Recife (PE), com a participação da Banda de Música da Escola de Aprendizes-Marinheiros de Pernambuco. O vencedor desta edição foi o veleiro “Patoruzú”, que conquistou o troféu Fita Azul ao chegar no Mirante do Boldró, no Arquipélago de Fernando de Noronha.