Nomar Online

Navio de Apoio Oceânico “Purus” e o Navio-Escola “Brasil” realizam exercício de reboque por ocasião da CIAsA

13/07/2020
 
NApOc “Purus” durante exercício de reboque com o NE “Brasil”
 
O Navio de Apoio Oceânico (NApOc) "Purus”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Sudeste, realizou, em 7 de julho, exercício de reboque em alto-mar com o Navio-Escola (NE) “Brasil”, ao sul da Ilha Rasa, no Rio de Janeiro-RJ. A atividade fez parte do treinamento conduzido pela Comissão de Inspeção e Assessoria de Adestramento (CIAsA), coordenada pelo Centro de Adestramento Almirante Marques de Leão, com o propósito de preparar a tripulação do NE "Brasil" para a 34a Viagem de Instrução de Guardas-Marinha.
 
Além do reboque, militares do NApOc "Purus" realizaram exercícios com o intuito de elevar os níveis de adestramento, como controle de avarias; fora de leme e de giro; avarias operacionais; preparação do dispositivo de reboque; e fundeio de precisão.
 
Adestramento fez parte da CIAsA, coordenada pelo
Centro de Adestramento Almirante Marques de Leão

 

Comando Conjunto RN-PB desinfecta Varas do Tribunal Regional do Trabalho no interior do Rio Grande do Norte

13/07/2020
 
TRT de Goianinha-RN foi desinfectado por militares habilitados
para descontaminação de ambientes
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba realizou, nos dias 9 e 10 de julho, ações de desinfecção nas Varas do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) nas cidades de Goianinha-RN e Currais Novos-RN.
 
Nas ações, foram empregados militares habilitados em estágios de capacitação, ministrados pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 3º Distrito Naval.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba é um dos dez Comandos Conjuntos ativados pelo Ministério da Defesa, em março deste ano, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
 
Militares do Comando Conjunto RN-PB durante desinfecção
do TRT de Currais Novos-RN
 

 

1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral do Norte realiza campanha de doação de alimentos

13/07/2020
 
Militar entrega cestas básicas ao Centro de Valorização da Criança
 
O 1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral do Norte realizou a doação de 17 cestas básicas, no dia 8 de julho, à instituição Centro de Valorização da Criança (CVC), localizada no bairro do Tapanã, em Belém-PA, que atende 27 crianças, entre 8 e 12 anos de idade, promovendo atividades que contribuem para o desenvolvimento psicossocial.
 
Os alimentos foram arrecadados durante campanha realizada pela organização militar, durante o mês de junho. As doações serão repassadas às famílias das crianças inscritas nos projetos do CVC, que neste momento de pandemia teve as atividades educativas e esportivas suspensas.
 

 

Escola de Aprendizes-Marinheiros de Santa Catarina realiza doação de agasalhos a imigrantes

13/07/2020
Entrega dos agasalhos na Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus
 
Como parte das comemorações alusivas à Batalha Naval do Riachuelo – Data Magna da Marinha, a Escola de Aprendizes-Marinheiros de Santa Catarina realizou, em 8 de julho, a doação de roupas de frio para a Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus, localizada na Prainha, em Florianópolis-SC. Foram arrecadadas e doadas 400 peças de roupas, agasalhos e calçados.
 
A Paróquia conduz um trabalho de acolhimento dos imigrantes que chegam à capital catarinense, em especial, os venezuelanos.
 

 

Comando do 8º Distrito realiza ação de desinfecção preventiva no município de Sete Barras-SP

13/07/2020
 
Militares em ação de desinfecção na Unidade de Saúde
da Família, no município de Sete Barras-SP
 
No dia 9 de julho, o Comando 8º Distrito Naval, em conjunto com o Exército Brasileiro (EB), realizou a desinfecção preventiva de áreas de grande circulação no município de Sete Barras-SP. Foram contempladas as instalações da Prefeitura, Rodoviária, Unidade de Saúde da Família e Posto de Atendimento/ESF – Estratégia de Saúde da Família.
 
A ação, fruto da interoperabilidade entre as Forças no estado de São Paulo, conduzida pelo Comando Conjunto Sudeste dentro do contexto da Operação “Covid-19”, foi realizada por um Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais e militares do EB, qualificados em defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica.
 
Militares em ação de desinfecção na Prefeitura de Sete Barras-SP
 

 

Capitania Fluvial de Porto Velho presta apoio na ação “Mapeia Rondônia”

13/07/2020
 
Militar da Capitania durante a ação que ocorreu em Porto Velho-RO
 
No dia 4 de julho, a Capitania Fluvial de Porto Velho prestou apoio logístico ao Governo do Estado de Rondônia na ação “Mapeia Rondônia”, que aconteceu nas proximidades do Complexo da Ponta da Armação, em Porto Velho-RO.
 
A ação teve como objetivo realizar testes rápidos de detecção da Covid-19 no modo drive thru em pacientes que apresentaram algum sintoma gripal, como febre, tosse, perda de olfato e paladar. O intuito é diminuir o número de casos e evitar a proliferação da doença no estado.
 
Uma equipe médica que estava no local realizou o primeiro atendimento aos que testaram positivo, com a entrega de medicação e orientações em relação quanto à prevenção e ao tratamento.
 
Durante a operação, mais de 1.543 testes foram realizados, dos quais 261 testaram positivo para a Covid-19.

 

Capitanias e Agências Fluviais da Amazônia Ocidental somam mais de nove mil inspeções navais no período da pandemia

13/07/2020
 
Agência Fluvial de Parintins durante as inspeções navais
 
As Capitanias e Agências Fluviais subordinadas ao Comando do 9º Distrito Naval realizaram, nos meses de maio a junho, mais de nove mil inspeções navais em capitais e municípios que compõem a Amazônia Ocidental.

Dentre as embarcações fiscalizadas, estão as de esporte e recreio, transporte de cargas, transporte de passageiros e atividades de pesca. As inspeções navais e vistorias observam as exigências previstas na Lei de Segurança do Trafego Aquaviário Nº 9.537/97 e normas decorrentes.
 
Durante as atividades, foram realizadas ações de conscientização a tripulantes e passageiros das embarcações sobre as medidas preventivas da proliferação da Covid-19.
 
Inspetor naval durante orientação a ribeirinhos, em Caracaraí-RR

 

Companhia de Apoio ao Desembarque realiza o exercício “ABIQUEX”

13/07/2020
 
Lançamento da esteira Mobi-Mat
 
A Companhia de Apoio ao Desembarque realizou o exercício “ABIQUEX”, na Praia do Imbuhy, em Niterói-RJ, nos dias 8 e 9 de julho. A ação teve o apoio do Batalhão Logístico de Fuzileiros Navais, da Base de Fuzileiros Navais da Ilha das Flores, da Unidade Médica Expedicionária da Marinha, das Embarcações de Desembarque de Carga Geral “Marambaia” e “Guarapari” (Comando do 1º Esquadrão de Apoio), cujo o propósito foi de preparar os militares em operações de desembarque em praias de águas não abrigadas.
 
Foram empregados 40 militares, 1 trator D6, 1 trator pá carregadeira, 1 viatura pesada, 1 viatura leve, diversos equipamentos de balizamento e uma esteira Mobi-Mat.
 
O destacamento de praia, por meio de seus Grupos de Apoio ao Desembarque, balizou a praia com colocação de painéis, facilitou o desembarque de meios das embarcações, por meio do lançamento de esteiras, e guiou o tráfego de viaturas e tropa para as saídas de praia.
 
Desembarque de viatura

 

PHM “Atlântico” realiza adestramento de operações aéreas noturnas e medições da iluminação para uso de OVN

10/07/2020
 
 
Pégasus acionado no convoo do PHM “Atlantico”
 
O Porta-Helicópteros Multipropósito (PHM)  “Atlântico” suspendeu, no dia 9 de julho, para realizar operações aéreas noturnas e medir a iluminação do convoo, com foco na operação com Óculos de Visão Noturna (OVN). A avaliação do sistema de iluminação do navio contou com a participação de um oficial do Grupo de Ensaios em Voo, do Comando de Aviação do Exército.
 
Durante a comissão, foram realizadas operações aéreas diurnas e noturnas, com o propósito de manter as qualificações dos pilotos e das equipes de bordo. As medições do sistema de iluminação tiveram a finalidade de avaliar a segurança do Capitânia da Esquadra para o início das operações aéreas com o emprego do OVN.
 
Após a avaliação do navio, uma aeronave SH-16, do 1º Esquadrão de Helicópteros Antissubmarinos, realizou circuitos de pouso com arremetida, com uso de OVN pelos pilotos.
 
Durante a comissão, foram cumpridos rigorosos procedimentos de prevenção à contaminação pela Covid-19, estabelecidos pelo Comando em Chefe da Esquadra, com base nas diretrizes do Comando de Operações Navais e da Diretoria de Saúde da Marinha.
 
Major de Infantaria Fatorelli, do Comando de Aviação do Exército
 

2° Batalhão de Operações Ribeirinhas realiza descontaminação em centros de assistência social, em Belém-PA

10/07/2020
 
Centro Popular do Distrito de Icoaraci-PA já passou
por duas descontaminações da Marinha
 
No dia 3 de julho, o Centro Popular do Distrito de Icoaraci, em Belém-PA, passou por descontaminação preventiva da Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica, do Comando do 4º Distrito Naval. Já nos dias 5 e 6, foram realizadas descontaminações em dois polos do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), nos bairros da Cremação e do Guamá, na capital paraense.
 
O Centro Popular é um órgão público especializado no atendimento a população moradora de rua. O CRAS é uma instituição que atua na inserção de pessoas aos benefícios previstos em lei, com o objetivo criar de ambientes para socialização de jovens e adultos na Região Metropolitana de Belém-PA.
 
As desinfecções foram realizadas em salas administrativas, recepção, armários, banheiros, cozinha, consultório médico e áreas externas dos prédios, dando sequência à operação das Forças Armadas, em coordenação com o Ministério da Defesa, para mitigar ao máximo os impactos causados pelo novo coronavírus no estado do Pará.

Capitania dos Portos da Amazônia Oriental entrega doações de computadores e material escolar

10/07/2020
 
Capitão dos Portos faz entrega de materiais doados
 
No dia 8 de julho, a Capitania dos Portos da Amazônia Oriental (CPAOR), em parceria com a empresa de praticagem Pará River Pilot e com a cooperativa de práticos Unipilot, realizou a entrega de doações de computadores e material escolar para o Espaço Acolher da Santa Casa, que atua na área de assistência social às vítimas de escalpelamento, em Belém-PA.
 
A iniciativa tem como objetivo apoiar a instituição nesse momento em que houve aumento das demandas causadas pela pandemia do novo coronavírus, contribuindo para atenuar dificuldades financeiras sociais.

Marinha do Brasil recebe segunda aeronave UH-17 para Operação “Antártica”

10/07/2020
 
Chegada da segunda aeronave UH-17 N-7091 no
1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral
 
A Marinha do Brasil recebeu, no dia 10 de julho, a segunda aeronave UH-17 no 1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral (EsqdHU-1). Com a aeronave N-7091, conclui-se mais uma fase do Contrato de Obtenção de Aeronaves para a Operação “Antártica”.
 
A obtenção das aeronaves UH-17 tem como objetivo principal evitar uma lacuna nas operações aéreas embarcadas nos navios que apoiam o Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR). Esse novo meio soma-se à aeronave N-7090 para trazer novas capacidades operacionais ao EsqdHU-1, em face da sua cabine ampla e de fácil acesso, do maior peso máximo de decolagem, da maior capacidade de carga do gancho, e de novos e mais confiáveis equipamentos aviônicos compatíveis com Óculos de Visão Noturna (OVN).
 
O aumento da disponibilidade de aeronaves com sistemas modernos, apoiadas por um Contrato de Suporte Logístico com a fabricante da aeronave e dos motores, é resultado das tratativas entre a Marinha do Brasil, Helibras e Safran.
 
Helibras entrega novo UH-17 no 1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral

Batalhão “Humaitá” realiza adestramento de manobras com helicóptero

10/07/2020
 
Segunda Companhia de Infantaria de Fuzileiros Navais
 
No período de 30 de junho a 3 de julho, o 2º Batalhão de Infantaria de Fuzileiros Navais (Batalhão “Humaitá”), a Companhia de Apoio ao Desembarque, o Batalhão de Operações Especiais de Fuzileiros Navais e o Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais realizaram o Adestramento de Zona de Desembarque, na Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia-RJ.
 
Durante a ação, que contou com o apoio dos 1º e 2º Esquadrões de Helicópteros de Emprego Geral, os militares realizaram exercícios com manobras com helicópteros; regras de segurança atinentes à atividade; embarque e desembarque de heliequipes; movimentos helitransportados; desembarque em zona de desembarque com assunção de zona de responsabilidade tática; balizamento, embarque e desembarque em zona de desembarque com visibilidade reduzida com o uso de óculos de visão noturna pelos pilotos do 2º Esquadrões de Helicópteros de Emprego Geral, pelas equipes da Companhia de Apoio ao Desembarque e pelos militares do 2º Batalhão de Infantaria de Fuzileiros Navais; como também a execução de técnicas de desembarque de helicópteros UH-15 por rapel e fast rope, com ênfase na requalificação de mestres de lançamento dos militares integrantes do Pelotão de Reconhecimento e Vigilância.
 
Técnicas de desembarque de  helicópteros por fast rope

Delegacia Fluvial de Presidente Epitácio realiza ações de inspeção naval em Cândido Mota-SP

10/07/2020
 
Equipe durante ações de inspeção naval
 
A Delegacia Fluvial de Presidente Epitácio realizou ações de inspeção naval, no período de 26 a 28 de junho, na cidade de Cândido Mota–SP. Além de fiscalizar o ordenamento do tráfego aquaviário, durante as inspeções, os militares orientaram a comunidade marítima quanto aos métodos de prevenção da transmissão do novo coronavírus, como lavagem das mãos, uso de máscaras de proteção, desinfecção de objetos e superfícies, com especial atenção aos grupos de risco.
 
A Delegacia Fluvial de Presidente Epitácio tem como atribuição zelar pela segurança da navegação, salvaguardar a vida humana e prevenção da poluição hídrica proveniente de embarcações na área de sua jurisdição, que compreende os rios Paraná e Paranapanema, no oeste paulista.

Capitania dos Portos da Amazônia Oriental inicia Operação “Verão Amazônico 2020”

09/07/2020
 
Militares do Corpo de Bombeiros e da Capitania na Orla de Icoaraci-PA
 
A Capitania dos Portos da Amazônia Oriental iniciou, no final de junho, a Operação “Verão Amazônico 2020” nos municípios paraenses de Belém, Salinas, Icoaraci, incluindo a orla de Belém e Terminal Hidroviário de Belém. A ação tem como objetivo reforçar as ações de fiscalização em travessias e praias do estado do Pará por meio de inspeções navais, a fim de assegurar a salvaguarda da vida humana no mar, nos rios e nos lagos; a segurança da navegação; e a prevenção da poluição hídrica oriunda de embarcações.
 
Durante a operação, estão sendo realizadas abordagens em embarcações e fornecidas orientações aos passageiros sobre procedimentos de embarque e desembarque, bem como distribuição de panfletos educativos. As atividades vão ser promovidas também em outras cidades paraenses, sob a jurisdição da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental, respeitando às restrições de abertura de praias e terminais hidroviários constantes nos decretos municipais relativos à pandemia da Covid-19.
 

 

Capitania dos Portos de Macaé fiscaliza embarcações de apoio offshore

09/07/2020
 
Capitania fiscaliza embarcações de apoio marítimo fundeadas em Macaé-RJ
 
No dia 26 de junho, A Capitania dos Portos de Macaé realizou, na área de fundeio de Macaé-RJ, ações de fiscalização referentes à segurança do tráfego aquaviário em embarcações de apoio marítimo, ou offshore”, que prestam assistência logística às unidades de exploração e produção de petróleo e gás na Bacia de Campos.
 
Realizadas, diariamente, pelas equipes de inspeção naval da Capitania, essas ações têm o propósito de garantir a segurança da navegação, a salvaguarda da vida humana no mar e a prevenção da poluição hídrica proveniente de embarcações, plataformas ou suas instalações de apoio.
 
Durante as inspeções navais, os militares verificam a habilitação dos condutores; a documentação e o estado de manutenção das embarcações; e as condições dos equipamentos de segurança, como: balsas salva-vidas, luzes de navegação, coletes, boias, extintores de incêndio e artefatos pirotécnicos.
 
Os inspetores navais também transmitem orientações aos tripulantes das embarcações quanto aos cuidados a serem adotados, a fim de evitar a disseminação do novo coronavírus.
 

 

1º Batalhão de Operações Ribeirinhas realiza 14° Estágio Básico de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica, com ênfase no combate à Covid-19

09/07/2020
 
Militares durante as instruções do estágio no Batalhão
 
No período de 29 de maio a 2 de julho, foi realizado, no 1º Batalhão de Operações Ribeirinhas (1°BtlOpRib), o 14° Estágio Básico de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica. O propósito é habilitar militares das Forças Armadas no exercício de atividades básicas de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (NBQR), com foco nas ameaças biológicas, relacionadas à Covid-19.
 
A atividade foi desenvolvida por meio de aulas teóricas e práticas de primeiros socorros, ambientação com os equipamentos de proteção individual e descontaminação de pessoal, material e instalações. A equipe de instrução foi composta por militares das organizações militares subordinadas ao Comando do 9° Distrito Naval, que fazem parte da Equipe de Resposta NBQR.
 
Ao final, 14 alunos concluíram o estágio, tornando-se elementos multiplicadores de conhecimento em suas unidades de origem no combate à Covid-19.
 
Oestágio contou com aulas teóricas e práticas

 

1º Batalhão de Operações Ribeirinhas realiza descontaminação nas instalações da Secretaria de Administração do Estado do Amazonas

09/07/2020
 
Militares da Equipe NBQR na SEAD
 
No dia 3 de julho, o 1º Batalhão de Operações Ribeirinhas, por meio da Equipe de Resposta, Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (NBQR) do Comando do 9º Distrito Naval, realizou a descontaminação do espaço de atendimento ao público e áreas comuns de atividades laborais dos servidores da Secretaria de Administração do Estado do Amazonas (SEAD).
 
Durante o processo de descontaminação, os funcionários receberam orientações sobre o processo de higienização adequada de ambientes e as formas de conter à proliferação da Covid-19.
 
A SEAD tem o papel de formular e estabelecer as Políticas de Gestão de Recursos Humanos, de Documentos, de Bens Patrimoniais e de Gastos Públicos no âmbito estadual.
 

 

Comando Conjunto RN-PB desinfecta instituições no Rio Grande do Norte

09/07/2020
 
Militares habilitados em desinfecção de ambientes atuam no
Centro de Atendimento Socioeducativo de Parnamirim-RN
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba realizou, no dia 6 de julho, ações de desinfecção no Centro de Atendimento Socioeducativo de Parnamirim-RN e no Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Natal-RN.
 
Nas ações, foram empregados militares habilitados em estágios de capacitação, ministrados pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 3º Distrito Naval.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba é um dos dez Comandos Conjuntos ativados pelo Ministério da Defesa, em março deste ano, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do coronavírus no Brasil.
 
Equipe do Comando Conjunto RN-PB em ação no Instituto de
Previdência Social do Município de Natal-RN
 

 

Comando Conjunto RN-PB realiza desinfecção de unidades de saúde no interior do Rio Grande do Norte

09/07/2020
 
Centro de Saúde de Caiçara do Norte é desinfectado
por militares do Comando Conjunto RN-PB
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba realizou, nos dias 7 e 8 de julho, ações de desinfecção em unidades de saúde localizadas nos municípios de Rio do Fogo e Caiçara do Norte-RN.
 
Foram desinfectadas a Unidade Mista de Saúde José Lucas Régis e a Unidade Básica de Saúde Irmã Assunta Chancerelle, em Rio do Fogo-RN; bem como Unidade Básica de Saúde Maria Rufino de Souza, do Centro Clínico de Saúde e da Secretaria Municipal de Saúde, em Caiçara do Norte-RN.
 
Nas ações, foram empregados militares habilitados em estágios de capacitação, ministrados pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 3º Distrito Naval.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba é um dos dez Comandos Conjuntos ativados pelo Ministério da Defesa, em março deste ano, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do coronavírus no Brasil.
 
Militares realizam desinfecção em unidades de
saúde localizadas em Rio do Fogo-RN

 

Sargento da Marinha Beatriz Ferreira lidera ranking mundial de boxe

09/07/2020
 
Sargento Beatriz Ferreira
 
Com jabs, diretos e muito suor, a Terceiro-Sargento Beatriz Ferreira, atleta do Programa Olímpico da Marinha (PROLIM), se tornou uma das principais referências do boxe feminino brasileiro. Campeã Mundial, Campeã Pan-Americana, pódio em 24 das 25 competições disputadas nos últimos anos, Beatriz fez história mais uma vez aparecendo na primeira posição do ranking da Associação Internacional de Boxe Amador (AIBA) na categoria leve (60kg), em lista divulgada no dia 2 de julho. Na classificação, a atleta militar aparece com 2.150 pontos, 300 a mais do que a segunda colocada, a finlandesa Mira Potkonen, medalha de bronze nas Olimpíadas de 2016.
 
Quando vi que a lista tinha saído e que realmente estava liderando, veio a sensação de mais uma missão concluída. Fiquei muito feliz e sei que estou no caminho certo. Tive que lutar muito, tanto no ringue, como fora dele, mas posso falar que tudo valeu a pena, pois consegui chegar onde sempre almejei. Vou continuar lutando, com foco e com garra, para me manter nessa posição e conquistar outros ótimos resultados, agora muito mais animada e motivada”, afirmou a atleta de alto rendimento da Marinha.
 
Com essa pontuação, a Sargento se tornou a primeira atleta da história do Boxe Feminino brasileiro a conquistar a posição. Este não é seu primeiro grande feito. No Campeonato Mundial do ano passado, que aconteceu na Rússia, a atleta militar foi a primeira brasileira a ser eleita a melhor de um Campeonato Mundial de Boxe Feminino.
 
A militar da Marinha segue em busca da classificação para as Olimpíadas de Tóquio, com previsão para ocorrer em julho de 2021; mesmo com a pandemia da Covid-19, a atleta militar segue firme nos treinos, com o apoio do Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN), cumprindo os protocolos e as medidas de proteção de saúde previstos para o período, a fim de se preparar para o pré-olímpico das Américas, cancelado em março deste ano e ainda sem uma nova data prevista. “Temos que continuar treinando porque, a qualquer momento, o pré-olímpico poderá ser remarcado. Estou focada. Não importa quando nem onde. Quando acontecer, estarei pronta”, finalizou a atleta militar, agradecendo pelo apoio da Marinha do Brasil. “Quando entrei para a Força, fez toda a diferença. Pude me entregar mais, pois passei a contar com médicos, nutricionistas e fisioterapeutas, por exemplo. Sou muito grata por esse apoio”.
 
Na classificação, a atleta militar aparece com 2.150 pontos, 300 a mais do que a segunda colocada

 

Navio de Desembarque de Carros de Combate “Almirante Saboia” faz homenagem aos 40 anos de ingresso da mulher na Marinha do Brasil

09/07/2020
 
Tenente Fernanda Fonseca exerce a função de Oficial de
Lançamento e Pouso a bordo do G25
 
O Navio de Desembarque de Carros de Combate “Almirante Saboia” homenageou, no dia 7 de julho, a sua tripulante do sexo feminino, a Segundo-Tenente Fernanda Fonseca, em alusão aos 40 anos do ingresso da mulher nas fileiras da Marinha.
 
Ao longo dos seus mais de 500 dias embarcados no “Hippo da Esquadra”, a oficial proveniente da primeira turma de mulheres formadas na Escola Naval totalizou 116,5 dias de mar e 21.672,6 milhas navegadas pela Esquadra Brasileira, trazendo orgulho aos militares do Navio pela marca.
 
Tenente Fernanda Fonseca durante visitação pública no porto de Belém-PA

 

Marinha apoia entrega de doação de 400 cestas básicas, em Cotijuba-PA

08/07/2020
 
Militares da Marinha e membros da Cruz Vermelha e Sebrae
 
O Comando do 4º Distrito Naval apoiou, no dia 4 de julho, a Cruz Vermelha e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) na entrega de 400 cestas básicas a ribeirinhos da Ilha de Cotijuba-PA. A parceria teve o objetivo de contribuir com as famílias carentes que foram afetadas financeiramente e socialmente pela pandemia do novo coronavírus.
 
Para a realização do evento, foram utilizados os meios da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental, do Comando de Grupamento de Patrulha Naval do Norte e do Centro de Hidrografia e Navegação do Norte. Eles realizaram o transporte dos gêneros alimentícios e de material de limpeza, além de representantes das instituições do Sebrae e da Cruz Vermelha, saindo da cidade de Belém-PA em direção à Ilha.
 
Ribeirinhos ganham cestas básicas

Comando do 8º Distrito participa de ação de desinfecção preventiva do Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo-SP

08/07/2020
 
Militares em ação de desinfecção no Terminal Rodoviário Tietê
 
Sob coordenação do Comando Conjunto Sudeste, o Comando do 8º Distrito Naval com unidades do Exército realizaram, no dia 7 de julho, a desinfecção preventiva do Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo-SP.
 
A ação, fruto da interoperabilidade entre as Forças no estado de São Paulo, é conduzida dentro do contexto da Operação “Covid-19”, e contou com a participação de 70 militares oriundos de um Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais, Batalhão de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica de ARAMAR e unidades do Exército qualificados em Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica.
 
Ação de desinfeção realizada pelos militares
 

Marinha comemora os 40 anos de ingresso da mulher nas fileiras da Força

07/07/2020
Cerimônia realizada em Brasília-DF
 
Em comemoração ao 40º aniversário do ingresso da mulher nas fileiras da Marinha do Brasil (MB), foi realizada, no dia 7 de julho, a cerimônia alusiva à data, no Comando da Marinha, em Brasília-DF. O evento foi transmitido ao vivo pela página oficial da MB no YouTube.
 
A data remete à criação do Corpo Auxiliar Feminino da Reserva, ocorrido em 7 de julho de 1980, por iniciativa do então Ministro da Marinha, Almirante de Esquadra Maximiano Eduardo da Silva Fonseca. Pioneira, a MB foi a primeira entre as Forças Armadas brasileiras a admitir mulheres em seu efetivo, que compõe mais de oito mil integrantes. Desde então, a data histórica entrou para o calendário marinheiro, sendo celebrada nacionalmente.
 
Durante a cerimônia, o Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, ressaltou a trajetória das oficiais e praças na MB. ”As mulheres conquistaram seu espaço e, em 1985, pela primeira vez, uma mulher ingressava na Base Área Naval de São Pedro da Aldeia-RJ para ser precursora na realização de uma missão em aeronave militar. Cinco anos depois, em 1990, uma oficial embarcava no Submarino ‘Tupi’ para participar da avaliação operacional dos sistemas de bordo. Ainda nos anos 90, em 1997, após uma reestruturação de Corpos e Quadros, as mulheres ampliaram sua participação na Marinha e começaram a figurar nos processos seletivos para cargos de direção e comissões diversas, inclusive as permanentes no exterior. No alvorecer do século XXI, em 2001, a primeira mulher ingressou para o Curso de Formação de Sargentos Músicos do Corpo de Fuzileiros Navais. Durante esta última década, novas grandes conquistas foram alcançadas: em 2012, a Marinha promoveu a primeira mulher ao posto de Oficial-General, um marco significativo nessa bonita história; em 2014, as mulheres chegavam à Escola Naval para integrar o Corpo de Intendentes da Marinha e, poucos anos depois, em 2018, também passaram a ter opção de escolha pelo Corpo da Armada e de Fuzileiros Navais, completando, assim, o processo de inclusão das mulheres, em todos os corpos e quadros da Marinha”.
 
Participaram do evento o Chefe do Estado-Maior da Armada, Almirante de Esquadra Cláudio Portugal de Viveiros; o Secretário-Geral da Marinha, Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues; e o Chefe do Gabinete do Comandante da Marinha, Vice-Almirante Eduardo Machado Vazquez.
 
Representando a presença feminina na cerimônia, participaram a Capitão de Mar e Guerra (T) Ana Cláudia de Paula, militar da Marinha mais antiga servindo em Brasília; a Capitão de Mar e Guerra (RM1-S) Wanda Regina Da Silva, representante da 1ª Turma do Quadro Auxiliar Feminino de Oficiais; a Suboficial Leila Reis Cardoso, Suboficial-Mor do Estado-Maior Da Armada; e a Cabo Danielle Vicente Eduardo, militar mais moderna do Corpo Auxiliar de Praças servindo em Brasília.
 

 

2º Batalhão de Operações Ribeirinhas realiza descontaminação na Fundação Nacional de Saúde, em Belém-PA

07/07/2020
 
Marinha tem assistido diversos órgãos públicos no combate à Covid-19
 
No dia 2 de julho, o prédio da Fundação Nacional de Saúde, em Belém-PA, passou por descontaminação preventiva realizada pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica, do Comando do 4º Distrito Naval, nucleada no 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas.
 
A desinfecção teve como foco alojamentos, auditórios, salas administrativas, banheiros, guaritas, viaturas, além de áreas externas do prédio.
 
A Marinha, em coordenação com o Ministério da Defesa, presta apoio aos órgãos públicos para mitigar ao máximo os impactos causados pelo novo coronavírus no estado do Pará.

 

Capitania Fluvial de Santarém instala coberturas de eixos em embarcações

07/07/2020
 
cobertura de eixo na em embarcação tem o objetivo de prevenir acidentes de escalpelamento
 
A Capitania Fluvial de Santarém realizou, em Oriximiná-PA, a instalação gratuita de coberturas de eixos em 11 embarcações, a fim de prevenir acidentes de escalpelamento, no período de 25 a 30 de junho. Foram ministradas também 24 palestras em comunidades ribeirinhas do rio Trombetas, para 154 pessoas, sobre segurança do tráfego aquaviário, preservação do meio ambiente, uso de coletes salva-vidas e prevenção ao escalpelamento e à Covid-19.
 
Por meio das equipes de inspeção naval embarcadas na Agência Escola Flutuante “Ajuri III” e na Embarcação de Casco Semirrígido “Tucunaré II”, a Capitania reforça a conscientização da sociedade, levando informação e conhecimento à população e incrementando a mentalidade de segurança da navegação.
 
Militares da Capitania palestram para ribeirinhos na comunidade de Oriximiná-PA

 

Militares realizam capacitação e desinfecção em Centro de Assistência Geriátrica, em Goiás

07/07/2020
 
Instituição beneficiada pela ação acolhe, atualmente, 36 idosos
 
O Comando do 7º Distrito Naval, por meio do Grupamento dos Fuzileiros Navais de Brasília (GptFNB), realizou mais uma ação de combate ao novo coronavírus, no dia 2 de julho. A capacitação e desinfecção ocorreram no Centro de Reabilitação Geriátrica, Desenvolvimento Assistencial Social e Educacional (CRGDASE), em Valparaíso de Goiás-GO.
 
A ação foi organizada em duas frentes de trabalho: a desinfecção das áreas comuns da instituição, que, no momento, acolhe 36 idosos, e a capacitação de funcionários que atuam na higienização do local sobre as medidas preventivas e de combate à disseminação do vírus.
 
Ação incluiu doação de alimentos, agasalhos e material de limpeza e de higiene
 
Os militares também organizaram a doação de alimentos não perecíveis, produtos de limpeza, material higiênico, agasalhos e fraldas geriátricas, visando amenizar as dificuldades enfrentadas pelo CRGDASE, neste período de pandemia.
 
Essa ação realizada hoje, pela Marinha, é de suma importância, pois ajuda a sanar as necessidades da Instituição no enfrentamento desse vírus que é tão letal para esses idosos, que fazem parte do grupo de risco”, avaliou a assistente social Antônia Aparecida Albuquerque, porta-voz do CRGDASE.
 
As atividades atendem às ações coordenadas pelo Comando Conjunto Planalto, por meio do Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais Muralha Planalto/Covid-19, do qual fazem parte militares do GptFNB.
 

 

Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais realiza o exercício SUBEX-ART-I

07/07/2020
 
Exercício de Linha de Fogo
 
O Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais realizou o exercício SUBEX-ART-I, em São Pedro da Aldeia-RJ, no período de 29 de junho a 3 de julho, com uma Bateria de Obuseiros 105mm (BiaO105mm), com o apoio da Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, Batalhão Logístico de Fuzileiros Navais e da Policlínica Naval de São Pedro da Aldeia.
 
Foram empregados 82 militares, 12 viaturas operativas e 6 obuseiros 105 mm L-118 Light Gun, que têm a capacidade de bater alvos a até 17,2 quilômetros de distância.
 
Helitransporte do obuseiro 105mm L-118 Light
 
A 2ªBiaO105mm cumpriu adestramento de ocupação de posição de tiro, inclusive noturna, e missões de tiro simulado, bem como realizou o helitransporte de obuseiros 105mm L-118 Light Gun, por meio de aeronave UH-15 Super Cougar, do 2º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral.

 

Tribunal Marítimo realiza sessão solene virtual alusiva aos seus 86 anos

07/07/2020
 
Sessão solene virtual
 
Pela primeira vez em sua história, devido à pandemia causada pela Covid-19, o Tribunal Marítimo (TM) realizou, no dia 6 de julho, por sistema de videoconferência, uma sessão solene virtual em comemoração aos 86 anos de sua existência, completados no dia 5 deste mês. Presidida pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, o evento teve a participação de Almirantes, ex-presidentes e juízes do TM, representantes do setor judiciário e advogados que trabalham na “Corte Marítima Brasileira”.
 
Durante a sessão, o Juiz Attila Halan Coury, representando os juízes do TM, o Capitão-Tenente Francisco José Siqueira Ferreira, representando a Procuradoria Especial da Marinha, e Pedro Calmon Filho, representando os advogados que trabalham na “Corte Marítima”, enalteceram os 86 anos de atividades do TM em prol da Justiça e Segurança da Navegação. Após a cerimônia, foi inaugurado um quadro com uma pintura do Almirante Francisco Manoel Barroso da Silva, o Almirante Barroso, doado ao TM pelo Diretor da Divisão de Inquéritos sobre Acidentes e Fatos da Navegação, Capitão de Mar e Guerra (Refº-T) Elson de Azevedo Burity, pelo transcurso dos 86 anos de criação do Tribunal Marítimo. A obra de arte foi produzida a partir de azulejos pelo artesão maranhense Milton Machado Ramos.
 
Desde 22 de abril de 2020, de forma pioneira, as sessões plenárias estão sendo realizadas por videoconferência. Alinhado com o Comando da Marinha e na esteira do Poder Judiciário, o TM não parou, apenas ajustou as velas e segue trabalhando em prol da justiça e segurança da navegação. Desde a implantação de sessões virtuais em virtude da Covid-19, foram realizadas 20 sessões plenárias. Nesse período de um pouco mais de dois meses, foram apreciadas 98 representações e julgados 118 processos.
 
O Tribunal segue avançando, em consonância com a disrupção tecnológica característica da atualidade. Está em fase final de testes o sistema que permitirá o trâmite totalmente digital dos processos sobre acidentes e fatos da navegação, inclusive a realização de peticionamento eletrônico por advogados, ampliando o acesso à “justiça da navegação”, imprimindo maior celeridade aos processos e reduzindo custos.
 
Primeira sessão solene da história do TM realizada por videoconferência

 

2° Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral e o Corpo de Fuzileiros Navais realizam adestramento no Complexo Aeronaval

07/07/2020
 
Primeiro voo com OVN realiza transporte de tropa e carga
 
No período de 1 a 3 de julho, o 2° Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral (EsqdHU-2) e o Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) realizaram uma série de treinamentos com o objetivo de aprimorar a capacidade operacional das unidades envolvidas, como treinamento de transporte de carga, transporte de tropa com desembarque por fast rope e rapel, além do primeiro adestramento de operações aéreas assistidas por óculos de visão noturna (OVN) na Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia-RJ.
 
Destaca-se o pioneirismo do transporte de tropa do CFN pelo EsqdHU-2, utilizando OVN, além do balizamento da Zona de Desembarque empregando configuração infravermelha o que representa um incremento da capacidade operacional conjunta entre o CFN e a Aviação Naval.
 
Participaram dos treinamentos militares dos 1° e 2° Batalhões de Infantaria de Fuzileiros Navais, do Batalhão de Operações Especiais de Fuzileiros Navais e da Companhia de Apoio ao Desembarque. Foram realizadas operações aéreas com a aeronave UH-15 Super Cougar do EsqdHU-2 e UH-12 Esquilo do EsqdHU-1. Os voos com o emprego do OVN contaram com a participação do Comandante da Divisão Anfíbia, Contra-Almirante Pilar, e dos comandantes das unidades envolvidas, embarcados no UH-15
 
Durante o adestramento, foram cumpridos os procedimentos de prevenção à contaminação pelo novo coronavírus, estabelecidos pelo Comando em Chefe da Esquadra, com base nas diretrizes do Ministério da Saúde e da Diretoria de Saúde da Marinha.
 
Fuzileiros Navais em adestramento conjunto com a Aviação Naval

 

Militares da Unidade Médica da Esquadra completam três meses na Operação “Acolhida”

06/07/2020
 
Suboficial Verçoza durante atividades
no Núcleo de Produção e Divulgação da “Operação Acolhida”
 
Dois militares da Unidade Médica da Esquadra (UMEsq) estão atuando, desde março, no 8º Contingente da Operação “Acolhida” – Força-Tarefa Logística Humanitária, que acontece no estado de Roraima.
 
A operação é coordenada pelo Ministério da Defesa (MD) e tem como objetivo desempenhar atividades básicas que envolvam o acolhimento de imigrantes venezuelanos. Com a pandemia da Covid-19, a missão tornou-se mais complexa, sendo necessária a adoção de medidas sanitárias para o enfrentamento ao novo coronavírus, incluindo a construção da Área de Proteção e Cuidados no Hospital de Campanha da operação. E foi neste cenário que a participação dos militares da UMEsq se destacou.
 
A Capitão-Tenente, médica, Marieli Ferreira da Cunha foi designada para atuar na equipe de administração da construção do Hospital de Campanha, onde estão sendo atendidos imigrantes venezuelanos, povos indígenas, além da população da cidade. Atualmente, o hospital conta com 174 leitos, com equipes atuando na expansão para 782, dentre os quais, 70 leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Além das atribuições administrativas, a oficial atua como Cirurgiã-Dentista, com destaque em atendimento para pacientes com deficiência.
 
Para a Capitão-Tenente Marieli, participar da Operação “Acolhida” representa atuar em busca de um bem maior, que é salvar vidas. “Representar a Marinha na área de cuidados do hospital, com companheiros de farda, no combate ao novo coronavírus, tem sido nossa rotina de salvar vidas diariamente”.
 
Já o Suboficial Edson Cleber Verçoza Barbosa exerce a função de Chefe da subseção do Núcleo de Produção e Divulgação da “Acolhida”, onde é responsável por todas as fotografias e filmagens que são enviadas para divulgação nas redes sociais do Ministério da Defesa, da Fundação Nacional do Índio, além de diversos órgãos internacionais.
 
 
Sobre a Operação
A Força-Tarefa Logística Humanitária, criada no âmbito da “Operação Acolhida” e composta por militares das três Forças, vem executando a missão conjunta, interagências e de natureza humanitária, que visa oferecer condições dignas aos imigrantes oriundos da Venezuela em situação de vulnerabilidade social.
Atualmente, a operação mantém, com recursos do Ministério da Defesa, 13 abrigos, 2 centros de triagem, 1 alojamento de passagem, 1 centro de informação com guarda-volume e 1 posto avançado do hospital de campanha. As instalações são nas cidades de Boa Vista, Pacaraima-RR, e Manaus-AM.
 
Na missão, a Capitão-Tenente Marieli atua na administração da expansão do Hospital de Campanha e realiza atendimentos odontológicos
 

 

Batalhão “Humaitá” realiza adestramentos de manobras com helicópteros

06/07/2020
 
Exercício de Fast Rope
 
O 2º Batalhão de Infantaria de Fuzileiros Navais (Batalhão “Humaitá”) realizou, no período de 30 de junho a 2 de julho, adestramentos de manobras com helicópteros, na Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia-RJ. A atividade contou com o apoio dos 1º e 2º Esquadrões de Helicópteros de Emprego Geral.
 
Durante o exercício, 74 militares realizaram regras de segurança atinentes à atividade; embarque e desembarque de heliequipes; movimentos helitransportados; desembarque em zona de desembarque com assunção de zona de responsabilidade tática; e execução de técnicas de desembarque de helicópteros UH-12/13 e UH-15. Também foram executados rapel e de fast rope, com ênfase na requalificação de mestres de lançamento dos militares integrantes do Pelotão de Reconhecimento e Vigilância.
 
Militar durante rapel

 

Submarino “Tonelero” recebe plataforma auxiliar de elétrica

06/07/2020
 
Embarque do cradle de elétrica no submarino “Tonelero”
 
Em 29 de junho, foi realizado o embarque da plataforma auxiliar de gabinetes elétricos (cradle elétrico), montada no interior do Submarino “Tonelero”. O evento ocorreu nas instalações da Unidade de Fabricação de Estruturas Metálicas, em Itaguaí-RJ.
 
Os cradles são berços montados externamente ao submarino. Quando prontos e encaixados sequencialmente, conformam sua estrutura interior. A montagem durou cerca de 40 minutos e consistiu em uma complexa atividade industrial, por associar tarefas de manobra de peso - aproximadamente 30 toneladas - com as mecânicas e óticas de precisão, envolvendo uma média de 400 profissionais com elevada capacitação técnica.
 
Técnicos da Itaguaí Construções Navais finalizam com o embarque do cradle elétrico
 
O êxito do processo construtivo do Submarino “Tonelero”, em continuidade ao embarque do cradle mecânico há duas semanas, reitera a competência técnica da Marinha do Brasil e da Itaguaí Construções Navais na fabricação de meios navais de elevada complexidade tecnológica, evidenciando mais um avanço do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub).
 
O Prosub é o programa estratégico com maior nível de complexidade e arrasto tecnológico do Brasil, fazendo uso intensivo de recursos humanos das universidades, centros de pesquisa e laboratórios, contribuindo para a acumulação de competências tecnológicas e para a gestão de conhecimentos estratégicos reunidos nos nichos acadêmicos do País.

 

Comando Conjunto RN-PB realiza 792 inspeções navais com ações de conscientização sobre o novo coronavírus

06/07/2020
 
Em proveito de inspeções navais, militares da Capitania dos Portos do Rio Grande do Norte realizam ação de orientação sobre o novo coronavírus
 
As Capitanias dos Portos subordinadas ao Comando do 3º Distrito Naval realizaram, no período de março a junho, 792 inspeções navais nos cinco estados da área de jurisdição.
 
Durante o período, as equipes de inspeção naval das Capitanias dos Portos do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas fiscalizaram o tráfego aquaviário, com o propósito de garantir a salvaguarda da vida humana no mar e águas interiores, a segurança da navegação e a prevenção à poluição hídrica.
 
Em proveito das ações, os militares orientaram os tripulantes das embarcações fiscalizadas e integrantes das comunidades visitadas sobre as ações de enfrentamento ao novo coronavírus.
 
No decorrer da fiscalização, foram abordados assuntos como medidas de prevenção e de higiene, modos de transmissão do vírus e cuidados a serem tomados com os grupos considerados de risco.
 
Militares da Agência da Capitania dos Portos em Camocim inspecionam embarcações
 

 

Comando Conjunto RN-PB qualifica 320 agentes de desinfecção para enfrentamento ao novo coronavírus

06/07/2020
 
Comando Conjunto RN-PB realizou 15 estágios de capacitação em quatro estados
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba habilitou 320 agentes de desinfecção, de março a junho, em Estágios de Capacitação ministrados pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 3º Distrito Naval.
 
Como ação de prevenção e enfrentamento ao novo coronavírus, foram habilitados militares da Marinha e do Exército, além de integrantes de órgãos públicos municipais, estaduais e federais, entre outras instituições, nos estados do Rio Grande do Norte, da Paraíba, de Pernambuco e do Ceará.
 
Foram realizados 15 estágios de capacitação, promovidos nas cidades de Natal-RN, João Pessoa-PB, Recife-PE e Fortaleza-CE, contemplando instruções teóricas e práticas sobre a desinfecção de ambientes, material e pessoal.
 
Os agentes habilitados nas quatro cidades estão sendo empregados em ações de desinfecção em terminais rodoviários, ferroviários, portuários e aeroportuários, além de hospitais, unidades básicas de saúde, presídios, delegacias, prédios públicos e organizações militares.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba é um dos dez Comandos Conjuntos ativados pelo Ministério da Defesa, em março deste ano, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
 
Agentes de desinfecção foram capacitados para atuar na descontaminação
de ambientes, material e pessoal

 

Comando Conjunto RN-PB realiza desinfecções de estações ferroviárias da Grande Natal e em João Pessoa-PB

06/07/2020
 
Desinfecção da Estação de Trens de Natal-RN
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba realizou, nos dias 30 de junho e 1º de julho, ações de desinfecção em estações da Companhia Brasileira de Trens Urbanos localizadas em cidades da Grande Natal-RN e em João Pessoa-PB.
 
Como ação de prevenção e enfrentamento ao novo coronavírus, foram desinfectadas as estações de João Pessoa-PB, Natal, Parnamirim, Extremoz e Ceará-Mirim-RN, bem como de Veículos Leves sobre Trilhos utilizados no transporte de passageiros.
 
Foram empregados militares habilitados para a descontaminação de ambientes, material e pessoal, em estágios de capacitação ministrados pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 3º Distrito Naval.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba, composto por militares da Marinha, do Exército e da Força Aérea Brasileira, é um dos dez Comandos Conjuntos ativados, em março, pelo Ministério da Defesa, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
 
Militares durante desinfecção em estação da Companhia Brasileira
de Trens Urbanos em João Pessoa-PB

 

Comando Conjunto RN-PB realiza desinfecção de dez hospitais públicos e cinco unidades de saúde

06/07/2020
 
Hospital Walfredo Gurgel, referência no atendimento de urgência e emergência, recebeu ação de desinfecção de militares do Comando Conjunto RN-PB
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba realizou ações de desinfecção em dez hospitais públicos e cinco unidades de saúde, desde março, no âmbito da Operação “Covid-19”.
 
Foram desinfectados até o momento os Hospitais Paulina Targino, em Messias Targino-RN; Ministro Paulo de Almeida Machado, em Touros-RN; Manoel Lucas de Miranda, em Guamaré-RN; Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim-RN; bem como os Hospitais João Machado, Giselda Trigueiro, Maria Alice Fernandes, José Pedro Fernandes, Ruy Pereira dos Santos e Monsenhor Walfredo Gurgel, todos em Natal-RN.
 
Além disso, foram realizadas ações de desinfecção nas Unidades Básicas de Saúde dos bairros de Nossa Senhora de Nazaré, Bom Pastor e Felipe Camarão; na Unidade de Saúde da Família localizada no bairro das Quintas; e no Centro de Especialidades Integradas Leste, todos em Natal-RN.
 
Nas ações, foram empregados militares e servidores públicos habilitados em Estágios de Capacitação, ministrados pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 3º Distrito Naval.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba é um dos dez Comandos Conjuntos ativados pelo Ministério da Defesa, em março deste ano, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
 
Militares desinfectam Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim-RN

 

Comando Conjunto RN-PB desinfecta Vigilância Sanitária e Centro de Atendimento Socioeducativo

06/07/2020
 
Centro de Atendimento Socioeducativo foi desinfectado por militares habilitados para descontaminar ambientes, material e pessoal
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba realizou, nos dias 2 e 3 de julho, ações de desinfecção na Subcoordenadoria de Vigilância Sanitária do Rio Grande do Norte e no Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório, em Natal-RN.
 
Como ação de prevenção e enfrentamento ao novo coronavírus, foram empregados militares habilitados para a descontaminação de ambientes, material e pessoal, em Estágios de Capacitação ministrados pela Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 3º Distrito Naval.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba, composto por militares da Marinha, do Exército e da Força Aérea Brasileira, é um dos dez Comandos Conjuntos ativados, em março, pelo Ministério da Defesa, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
 
Militares realizam desinfecção de Subcoordenadoria
da Vigilância Sanitária em Natal-RN

 

Comando Conjunto Bahia realiza descontaminação no Colégio da Polícia Militar em Salvador-BA

06/07/2020
 
Equipe de Resposta NBQR atua na descontaminação do ambiente escolar militar
 
Militares da Equipe de Resposta Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (NBQR) do Grupamento de Fuzileiros Navais de Salvador, subordinado ao Comando do 2º Distrito Naval, realizaram, em 2 de julho, a descontaminação de áreas do Colégio da Polícia Militar (CPM), em Salvador-BA. Durante a ação, um efetivo de 15 militares foi empregado na ação.
 
O Colégio da Polícia Militar, localizado no bairro da Ribeira, está com suas atividades suspensas desde o início da pandemia, sendo mantida em operação apenas uma equipe administrativa. Para garantir a segurança de trabalho dos funcionários, a instituição adotou a descontaminação como uma medida preventiva, a fim de evitar a disseminação do novo coronavírus.
 
A iniciativa faz parte das ações do Comando Conjunto Bahia, formado pela Marinha, Exército e Força Aérea Brasileira, e visa apoiar as áreas de saúde e segurança pública em todo o estado da Bahia na mitigação dos efeitos da Covid-19.
 
Atuação dos militares durante descontaminação no Colégio da Polícia Militar

 

Marinha do Brasil atua na distribuição de kits de alimentação nas escolas de Aracaju-SE

06/07/2020
 
Militares da Capitania apoiam a entrega de kits de alimentação nas escolas
 
No período de 23 de junho a 1º de julho, pela terceira vez desde o início da pandemia da Covid-19, a Capitania dos Portos de Sergipe, em coordenação com o 28º Batalhão de Caçadores, do Exército, apoiou a distribuição de kits de alimentação para os estudantes da rede pública municipal de Aracaju-SE.
 
As ações tiveram como objetivo garantir a segurança do material e a organização dos locais de distribuição, evitando a aglomeração e possíveis situações de contaminação pelo novo coronavírus.
 

 

Comando Conjunto RN-PB transporta 204 toneladas de alimentos e material de higiene para campanhas de doação

06/07/2020
 
Militares das Forças Armadas apoiam campanha de
distribuição de alimentos em Natal-RN
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba transportou, de março a junho, 204 toneladas de alimentos e material de higiene, que foram distribuídos para famílias em situação de vulnerabilidade durante campanhas de doação do Governo do Rio Grande do Norte e da Prefeitura de João Pessoa-PB.
 
Em Natal-RN, militares da Marinha, do Exército e da Força Aérea Brasileira recolheram as doações realizadas por clientes de supermercados da região metropolitana de Natal-RN, transportando-as para armazenamento na Companhia Nacional de Abastecimento, de onde os alimentos e material de higiene foram entregues à população.
 
Enquanto isso, em João Pessoa, militares da Marinha e do Exército apoiaram a entrega de kits de alimentação em bairros e comunidades carentes da capital paraibana, que enfrentam os impactos socioeconômicos da pandemia do novo coronavírus.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba, composto por militares da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira, é um dos dez Comandos Conjuntos ativados, em março, pelo Ministério da Defesa, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
 
Militares da Capitania dos Portos da Paraíba em ação
de distribuição de alimentos em João Pessoa-PB

 

Centro Tecnológico do Corpo de Fuzileiros Navais recebe visita do Comandante da Marinha

03/07/2020
 
Comandante da Marinha visitou o CTecCFN na tarde do dia 29 de junho
 
O Centro Tecnológico do Corpo de Fuzileiros Navais (CTecCFN) recebeu, na tarde do dia 29 de junho, a visita do Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, acompanhado pelo Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais, Almirante de Esquadra (FN) Paulo Martino Zuccaro, e pelo Comandante do Material do CFN, Vice-Almirante (FN) Renato Rangel Ferreira.
 
Os Almirantes percorreram as instalações da Organização Militar (OM), uma das que, no contexto do combate à Covid-19, está à frente do trabalho de pesquisa e desenvolvimento de equipamentos de proteção individual e de dispositivos hospitalares voltados às unidades de saúde.
 
Na ocasião, o Comandante da Marinha visitou instalações do Centro, de onde, atualmente, saem diversos materiais e equipamentos úteis ao enfrentamento da pandemia, tais como, kits hospitalares, dispenser de álcool em gel, videolaringoscópios, itens de proteção em acrílico, além de máscaras em TNT e de acetato, do tipo face shield.
 
No Departamento de Ciência, Tecnologia e Inovação da OM, o Almirante Ilques pôde conhecer os protótipos que estavam à mostra no Laboratório 3D do Centro, que são o Helmet, de pressão positiva para oxigenação de pacientes sem intubação, e o R Kid, aparelho para proteção de profissionais da saúde contra a contaminação.
 
Durante o evento, os Almirantes visitaram, ainda, o projeto de ampliação do Centro de Intendência da Marinha em Parada de Lucas (CeIMPL), criado em janeiro deste ano e situado naquele mesmo complexo naval. O CeIMPL tem como propósito contribuir para a prontidão dos meios navais, aeronavais e de fuzileiros navais, assumindo a função de Órgão de Distribuição, tarefa até então exercida pelo próprio CtecCFN.
 
Na ocasião, o Almirante Ilques conheceu as instalações onde são produzidos equipamentos e dispositivos de combate à Covid-19
 

Comandante da Marinha visita o Comando do 2º Distrito Naval

03/07/2020
 
No Com2ºDN, o Comandante da Marinha visitou o Comando Conjunto Bahia
 
O Comando do 2º Distrito Naval (Com2ºDN) recebeu, no dia 2 de julho, em visita oficial, o Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, que esteve na capital baiana para acompanhar as atividades da Operação “Covid-19”.
 
Acompanhado do Comandante do 2º Distrito Naval, Vice Almirante André Luiz Silva Lima de Santana Mendes, ele conheceu as instalações do Comando Conjunto Bahia (CCJ-BA), formado pela Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e Força Aérea Brasileira, que visa apoiar as áreas de saúde e segurança pública em todo o estado da Bahia na mitigação dos efeitos da Covid-19. Na oportunidade, o Comandante da Marinha foi apresentado ao Chefe do Estado-Maior Conjunto Bahia e aos Chefes de Seção do Comando Conjunto da Operação “Covid-19”. Na sequência, no prédio do Comando, o AE Ilques participou do briefing da Operação “Grande Muralha”, juntamente com sua comitiva e com oficiais do Distrito.
 
Na ocasião, o Comandante da Marinha posou para uma fotografia com mulheres militares, em homenagem aos 40 anos de ingresso da mulher na Marinha, que será comemorado no próximo dia 7.
 
Em Salvador, o Comandante da Marinha posa para foto comemorativa aos 40 anos de ingresso da mulher na Marinha
 

Comandante da Marinha visita o Comando do 3º Distrito Naval

03/07/2020
 
Almirante Ilques acompanha funcionamento do Comando Conjunto RN-PB, no âmbito da Operação “Covid-19”
 
O Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, visitou, no dia 2 de julho, a sede e organizações militares subordinadas ao Comando do 3º Distrito Naval (Com3ºDN).
 
As atividades foram acompanhadas pelo Comandante do 3º Distrito Naval, Vice-Almirante Alan Guimarães Azevedo, e pelo Chefe de Gabinete do Comandante da Marinha, Vice-Almirante Eduardo Machado Vasquez.
 
A programação foi iniciada com a inauguração do Núcleo de Atendimento ao Idoso na Marinha, localizado no Complexo da Base Naval de Natal-RN, que prestará assistência aos usuários do Sistema de Saúde da Marinha com idade igual ou superior a 60 anos.
 
Na sequência, o Comandante da Marinha foi a bordo do Navio-Patrulha Oceânico “Araguari” e do Navio-Patrulha “Macau”. Antes de deixar o Complexo da Base Naval de Natal, o Almirante de Esquadra Ilques conheceu o terreno em que será construído o novo Hospital Naval de Natal.
 
A visita foi encerrada na sede do Com3ºDN, onde o Comandante da Marinha acompanhou o funcionamento do Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba, no âmbito da Operação “Covid-19”, e do Centro de Operações de Incidentes de Poluição por Óleo.
Almirante de Esquadra Ilques visita Navio-Patrulha Oceânico “Araguari”
 
Comandante da Marinha foi a bordo de navios subordinados ao Com3ºDN
 
Comandante da Marinha visita o NPaOc "Araguari" e inspeciona reparo do Motor de Combustão Principal de bombordo
 

Comandante da Marinha inaugura Núcleo de Atendimento ao Idoso na Marinha em Natal-RN

03/07/2020
 
NAIM atenderá usuários do Sistema de Saúde da Marinha em Natal-RN
 
O Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, inaugurou, no dia 2 de julho, o Núcleo de Atendimento ao Idoso na Marinha (NAIM) em Natal-RN, durante visita ao Comando do 3º Distrito Naval (Com3ºDN).
 
A inauguração do NAIM contou, ainda, com a presença do Comandante do 3º Distrito Naval, Vice-Almirante Alan Guimarães Azevedo; do Chefe de Gabinete do Comandante da Marinha, Vice-Almirante Eduardo Machado Vasquez; e do Diretor do Centro Médico Assistencial da Marinha, Contra-Almirante Marcelo Alves da Silva.
 
O Almirante de Esquadra Ilques destacou a relevância do serviço, que tem como objetivo prestar assistência aos usuários do Sistema de Saúde da Marinha com idade igual ou superior a 60 anos, frágeis ou em risco de fragilização.
 
Localizado no Complexo da Base Naval de Natal, o NAIM é constituído por quatro consultórios médicos, sendo dois para cardiologia, um para geriatria e um para clínica geral; um consultório multifuncional para enfermagem e fisioterapia; dois consultórios de psicologia; um salão multifuncional; e uma sala paraoficinas.
 
O atendimento será realizado por uma equipe multidisciplinar, com profissionais de saúde de diversas especialidades, a fim de prevenir agravos à saúde, controlar doenças crônicas e adiar perdas funcionais, contribuindo para a manutenção da autonomia e independência, bem como proporcionando qualidade de vida e bem-estar aos usuários da melhor idade.
 
 
Cerimônia de inauguração do NAIM em Natal-RN com a presença
do Comandante da Marinha
 
Descerramento da placa de inauguração do NAIM em Natal-RN
 

 

Comandante da Marinha e Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais visitam soldado ferido em serviço

03/07/2020
 
Soldado Maycon recebe visita do Comandante da Marinha e do Comandante-Geral do CFN
 
O Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, e o Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais, Almirante de Esquadra (FN) Paulo Martino Zuccaro, visitaram o Soldado Fuzileiro Naval Maycon Mateus Costa Teixeira, no dia 29 de junho.
 
Em outubro de 2019, Maycon foi gravemente ferido durante uma troca de tiros com criminosos que tentaram invadir, sem sucesso, a Base Naval de Val de Cães, organização militar subordinada ao Comando do 4º Distrito Naval, em Belém-PA. Por conta da extensão do ferimento, o militar acabou tendo uma das pernas amputadas e apresentou restrição de movimentos na outra.
 
Atualmente, em uma cadeira de rodas, Maycon se encontra em tratamento fisioterapêutico intensivo no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN), preparando-se para o recebimento de uma prótese e uma órtese temporárias, que permitirão a otimização de seu processo de reabilitação e possibilitarão usufruir, em breve, de equipamentos ortopédicos definitivos, de última geração, já em aquisição pela Marinha.
 
Complementando a fisioterapia, Maycon recebe assistência multidisciplinar, acompanhado por profissionais de educação física, visando seu condicionamento cardiorrespiratório, sendo também assistido por psicólogos, nutricionistas e por uma equipe ortopédica do Hospital Naval Marcílio Dias.
 
Além dos tratamentos que realiza, Maycon conta com o apoio da Marinha do Brasil em uma iniciativa de inclusão no esporte paralímpico, por meio do Projeto João do Pulo que, desde 2015, procura promover a reintegração social de militares que sofreram acidentes ou enfermidades que culminaram em deficiência física. O soldado Maycon já conheceu os outros atletas paralímpicos do CEFAN, teve aulas de natação e demonstrou grande aptidão para a modalidade de tiro esportivo.
 

Comando Conjunto RN-PB distribui 37 toneladas de alimentos para famílias beneficiadas pelo Profesp

02/07/2020
 
Militares realizam entrega de kits de alimentação para famílias beneficiadas pelo Profesp no Grupamento de Fuzileiros Navais de Natal-RN

O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba realizou, de março a junho, a distribuição de 37 toneladas de alimentos, equivalente a aproximadamente 2,5 mil kits de alimentação, para famílias beneficiadas pelo Programa Forças no Esporte (Profesp).
 
As ações foram realizadas nas organizações militares que possuem núcleos do Profesp na Grande Natal: Base Naval de Natal, Grupamento de Fuzileiros Navais de Natal e Estação Radiogoniométrica da Marinha em Natal, da Marinha do Brasil; e Ala 10, da Força Aérea Brasileira.
 
Para Ana Cristina Ferreira da Costa, mãe de uma integrante do Profesp, a doação dos alimentos representa esperança. “Meu sentimento é de gratidão, significa amor, pois muitas famílias são vulneráveis e dependem dessa ajuda. Espero que o Profesp continue ajudando nossas crianças”.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba, composto por militares da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira, é um dos dez Comandos Conjuntos ativados, em março, pelo Ministério da Defesa, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
 
Entrega de kits de alimentação na Base Naval de Natal-RN

Comando Conjunto RN-PB promove 43 campanhas de doação de sangue em quatro cidades

02/07/2020
 
As cidades de Natal-RN, Caicó-RN, João Pessoa-PB e Campina Grande-PB receberam campanhas de doação de sangue do Comando Conjunto RN-PB
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba promoveu, de março a junho, 43 campanhas de doação de sangue nas cidades de Natal-RN, Caicó-RN, João Pessoa-PB e Campina Grande-PB, em ação de enfrentamento ao novo coronavírus.
 
As ações contaram com a participação de 535 militares da Marinha, do Exército e da Força Aérea Brasileira. As doações foram realizadas com a finalidade de contribuir para o abastecimento dos bancos de sangue diante do cenário de isolamento social decorrente da pandemia da Covid-19.
 
O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba é um dos dez Comandos Conjuntos ativados pelo Ministério da Defesa, em março deste ano, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do coronavírus no Brasil.

Comando do 8º Distrito Naval coordena ação de desinfecção no município de Peruíbe-SP

02/07/2020
 
Militares em ação de desinfecção na Unidade de Pronto socorro 24h, em Peruíbe-SP
 
O Comando 8º Distrito Naval coordenou, em 30 de junho, em conjunto com o Exército Brasileiro (EB), a desinfecção preventiva de áreas de grande circulação no município de Peruíbe-SP. Foram contempladas espaços externos da rodoviária, Delegacia de Polícia Sede de Peruíbe, Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Unidade de Pronto socorro 24h e o ambulatório médico de especialidades.
 
A ação, fruto da interoperabilidade entre as Forças no estado de São Paulo, conduzida pelo Comando Conjunto Sudeste dentro do contexto da Operação “Covid-19”, foi realizada por um Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais e militares do EB, qualificados em defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica.
 
Militares em ação de desinfecção na Delegacia de Polícia, Sede de Peruibe-SP

1° Esquadrão de Helicópteros Atissubmarino realiza evacuação aeromédica a 150 milhas da costa

02/07/2020
 
Extração do tripulante do Navio Mercante Kapetan Sideris pelo guicho na aeronave
 
No dia 29 de junho, O 1° Esquadrão de Helicópteros Atissubmarino (EsqdHS-1) foi acionado para resgatar um tripulante com suspeita de malária, embarcado no Navio Mercante panamenho “Kapetan Sideris”. O resgate, com a aeronave “SH-16 Seahawk”, ocorreu a 150 milhas náuticas, aproximadamente 280 quilômetros da cidade de São Pedro da Aldeia–RJ, com a retirada do enfermo pelo guincho da aeronave.
 
Devido às distâncias envolvidas no deslocamento, foi necessário reabastecimento da aeronave em São Pedro da Aldeia, antes de demandar o destino final: o Aeroporto Santos Dumont, onde uma ambulância já aguardava para realizar o translado até a Unidade Médica especializada.
 
Durante o evento, foram cumpridos os procedimentos de prevenção à contaminação pelo novo coronavírus, estabelecidos pelo Comando em Chefe da Esquadra, com base nas diretrizes do Ministério da Saúde e da Diretoria de Saúde da Marinha, incluindo o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) pelos tripulantes e a descontaminação de todos os envolvidos no resgate e da aeronave, realizadas pela equipe da Unidade de Descontaminação Volante da Esquadra em São Pedro da Aldeia.
 
Transporte do enfermo a bordo da aeronave “SH-16, Seahawk”, com destino ao Rio de Janeiro

Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia prossegue com as atividades do Profesp com ensino a distância

02/07/2020
 
Videoaula no formato EAD para alunos do Profeps
 
A equipe de instrutores, professores, estagiários e coordenador do Programa Forças no Esporte (Profesp) da Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia (BaeNSPA) decidiu aplicar parte do conteúdo programático, e até algumas atividades físicas, aos alunos, por meio do ensino a distância (EAD). O objetivo é dar continuidade ao planejamento do calendário previsto para 2020 adequando-se às medidas de prevenção contra a propagação do novo coronavírus, que estabeleceu a suspensão das atividades para as crianças e adolescentes atendidos no Programa.
 
Foram disponibilizados aos alunos pequenos vídeos, com informações relacionadas às modalidades esportivas que são oferecidas no Profesp BaeNSPA; bem como preparatórios para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro e para o Instituto Federal Fluminense onde são contemplados os alunos do 9° ano; além de gincanas de matemática e português.
 
Foram disponibilizados também vídeos com orientações relacionadas à saúde física e emocional dos alunos, pais e/ou responsáveis. Atualmente, o Profesp BAeNSPA conta com 400 crianças da rede municipal de ensino de São Pedro da Aldeia-RJ.

Agência Naval de Segurança Nuclear e Qualidade promove I Workshop de Preparo e de Respostas a Emergências Nucleares e Radiológicas Navais

02/07/2020
 
Contra-Almirante (EN-RM1) Ruivo realiza a abertura e coordena as atividades do Workshop
 
A Agência Naval de Segurança Nuclear e Qualidade (AgNSNQ), subordinada à Diretoria-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha (DGDNTM), coordenou, nos dias 29 e 30 de junho, o “I Workshop de Preparo e de Respostas a Emergências Nucleares e Radiológicas Navais”, utilizando o canal de videoconferência Cisco Webex, em observância às medidas de enfrentamento à pandemia de Covid-19 em vigor.
 
O evento, que reuniu representantes do Sistema de Proteção do Programa Nuclear Brasileiro e setores da Marinha do Brasil, contribuiu para a ampliação de conhecimentos e para o planejamento de futuras iniciativas no que se refere à elaboração de normas, planos, protocolos e exercícios, norteados para o incremento da segurança nuclear naval.
 
A Lei nº 13.976, sancionada em 7 de janeiro de 2020, atribuiu competência ao Comando da Marinha para “promover o licenciamento e a fiscalização dos meios navais e suas plantas nucleares embarcadas para propulsão, por organização militar independente específica para esse fim, além do transporte de seu combustível nuclear”. Para a consecução de tarefas dessa magnitude, a Alta Administração Naval aperfeiçoa procedimentos para o estabelecimento da Autoridade Naval de Segurança Nuclear e Qualidade e sua respectiva estrutura organizacional.
 
Representantes de diversos setores participam do Workshop por videoconferência
 
A AgNSNQ foi criada para atuar como órgão técnico assessor e executor das decisões da ANSNQ, detendo as atribuições previstas na Lei nº 13.976/2020, dentre as quais destacam-se a coordenação do preparo e o acompanhamento das respostas a emergências nucleares e radiológicas de natureza naval, determinantes para os processos de licenciamento do futuro Submarino Convencional com Propulsão Nuclear, no âmbito do Programa Nuclear da Marinha.

Espaço de Acolhimento, em Belém-PA, recebe descontaminação preventiva contra novo coronavírus

02/07/2020
 
Áreas externas e internas foram desinfectadas
 
No dia 30 de junho, o Espaço de Acolhimento Esperança, no Distrito de Icoaraci, em Belém-PA, passou pela descontaminação preventiva da Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 4º Distrito Naval, nucleada no 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas.
 
A ação teve como foco dormitórios, banheiros, cozinha, refeitório, almoxarifado, além de áreas externas do prédio. Após o procedimento de descontaminação, o vírus foi eliminado das instalações e materiais, que puderam ser utilizados normalmente após trinta minutos.
 
A Marinha do Brasil, em coordenação com o Ministério da Defesa, presta apoio aos órgãos públicos para mitigar ao máximo os impactos causados pelo novo Coronavírus, causador da doença Covid-19.

Comando do 8º Distrito Naval realiza ação de desinfecção no Aeroporto Internacional de Guarulhos-SP

02/07/2020
 
Militares em preparação para ação de desinfecção no Aeroporto Internacional de Guarulhos
 
O Comando do 8º Distrito Naval realizou, no dia 1º de julho, com o Exército Brasileiro (EB), a desinfecção preventiva de áreas de grande circulação no Aeroporto Internacional de São Paulo, um dos maiores da América Latina, localizado no município de Guarulhos-SP.
 
Militares qualificados em Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica realizam ação de desinfeção no Aeroporto de Guarulhos-SP
 
A ação, fruto da interoperabilidade entre as Forças no estado de São Paulo, conduzida pelo Comando Conjunto Sudeste dentro do contexto da Operação “Covid-19”, foi realizada por 47 militares, sendo eles do Comando do 8º Distrito Naval, do Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais, Batalhão de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica de ARAMAR e militares do EB, qualificados em Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica
 

Capitania Fluvial de Santarém realiza ação de repressão ao desmatamento ilegal na Amazônia

01/07/2020
 
Militares da Capitania e agentes da Secretaria de Meio Ambiente
em ação de fiscalização em madeireiras
 
No contexto da Operação “Verde Brasil II”, que visa prevenir e reprimir delitos ambientais na Amazônia Legal, a Capitania Fluvial de Santarém (CFS), em conjunto a Secretaria Municipal de Meio Ambiente da Prefeitura de Terra Santa– PA, apoiou, em 25 de junho, a fiscalização de duas madeireiras da região e também para apuração de denúncias quanto à derrubada ilegal de árvores às margens do rio Inhamundá.
 
A equipe prestou apoio logístico, por meio de transporte até o local da denúncia, bem como exerceu ação de presença e fiscalização das embarcações que atuam no local, viabilizando as atividades de inspeção e checagem de denúncia pelas agentes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Terra Santa. Os agentes municipais constataram a derrubada ilegal de castanheiras.
 
As ações empregadas pela Marinha reforçam a conscientização da sociedade para o combate ao desmatamento ilegal e contribuem para a proteção e a preservação ambiental na região amazônica.
 
Militar da Capitania auxilia na fiscalização das instalações de madeireiras

 

Fuzileiros Navais do 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas realizam adestramento de rapel com aeronave

01/07/2020
 
Militares fazem treinamentos para atuarem
nas operações
 
O 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas realizou, no dia 25 de junho, adestramento de Fast Rope e Helocasting, técnicas de rapel, no Clube Aeronauta, em Outeiro-PA. A atividade visou ao aprimoramento profissional dos militares para atuarem em ações na Operação “Verde Brasil II”.
 
O adestramento contou com a participação de 46 militares do 2°BtlOpRib e apoio da Aeronave EC725 Super Cougar, do 1° Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral do Norte, além de dois mergulhadores do Grupamento de Patrulha Naval do Norte.
 
A Operação “Verde Brasil II”, ativada para cumprir o Decreto Presidencial n° 10.341, de 6 de maio de 2020, consiste no emprego das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem, em ações preventivas e repressivas contra delitos ambientais e levantamento e combate a focos de incêndio que eventualmente ocorram em áreas de fronteira, em terras indígenas, em unidades federais de conservação ambiental e em outras áreas dos estados da Amazônia Legal que requererem.
 
Adestramento contou com apoio de Aeronave Super Cougar do
1° Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral do Norte

 

Capitania Fluvial de Santarém realiza doação de cestas básicas a famílias ribeirinhas no Oeste do Pará

01/07/2020
 
Militares da Capitania realizam doação de cestas básicas
 
A Capitania Fluvial de Santarém realizou, em 29 de junho, doação de cestas básicas a 45 famílias ribeirinhas que moram na comunidade de Oiteiro, no município de Oriximiná-PA, cerca de 160 quilômetros da cidade de Santarém-PA. A ação foi apoiada pela Secretaria de Assistência Social do município.
 
A entrega das cestas básicas faz parte da campanha de doação de alimentos e materiais de higiene por militares da Capitania, incentivada pelo Comando do 4° Distrito Naval, que tem o propósito de atenuar as dificuldades enfrentadas pela população ribeirinha devido à pandemia do novo coronavírus.
 
Na ocasião, a equipe da Capitania também efetuou uma palestra na comunidade para transmitir noções sobre segurança da navegação, salvaguarda da vida humana, prevenção a poluição hídrica e conscientização quanto aos protocolos de enfrentamento da Covid-19.
 

 

Abrigos passam por descontaminação em Belém-PA

01/07/2020
 
A Marinha tem realizado diversas ações de descontaminação no Pará
 
Nos dias 28 e 29 de junho, a Casa Abrigo Emanuelle Rendeiro Diniz e o Abrigo Dulce Aciolli, em Belém-PA, passaram pela descontaminação preventiva da Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do Comando do 4º Distrito Naval.
 
A ação teve como foco a descontaminação de alojamentos, banheiros, refeitórios, cozinha e áreas externas dos centros de acolhimento, a fim de combater a propagação do novo coronavírus no estado do Pará.
 
A Marinha do Brasil, em coordenação com o Ministério da Defesa, presta apoio aos órgãos públicos para mitigar ao máximo os impactos causados pela Covid-19.
 

 

Comando Conjunto RN-PB apoia produção de 18 mil máscaras em parceria com Senai

01/07/2020
 
Máscaras foram doadas para órgãos que atuam na linha de frente do combate ao novo coronavírus
 
De abril a junho, o Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba apoiou a produção de 18 mil máscaras de proteção respiratória, de acrílico e de tecido, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial no Rio Grande do Norte (Senai-RN).
 
Durante três meses, foram empregados militares da Base Naval de Natal e do Centro de Intendência da Marinha em Natal, bem como do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira, que atuaram sob orientação de instrutores do Senai-RN nas unidades do Instituto de Inovação em Energias Renováveis e do Centro de Educação e Tecnologia Clóvis Motta.
 
As máscaras estão sendo distribuídas para comunidades carentes e abrigos, hospitais públicos e privados, bem como para órgãos de segurança pública e saúde que atuam na linha frente do combate ao novo coronavírus. O Comando Conjunto Rio Grande do Norte e Paraíba é um dos dez Comandos Conjuntos ativados pelo Ministério da Defesa, em março deste ano, no âmbito da Operação “Covid-19”, no combate aos impactos do novo coronavírus no Brasil.
Militares da Marinha do Brasil e do Exército Brasileiro foram empregados
na produção de máscaras