Instrutores da CPPR ministram aulas práticas para a qualificação de Policiais Militares

Instrução a bordo de lanchas da Polícia Ambiental

A bordo de lanchas da Polícia Ambiental, policiais da corporação receberam orientações de instrutores da Capitania dos Portos do Paraná (CPPR). A aula prática, realizada no mês de abril, fez parte do Curso Especial para Tripulação de Embarcações de Estado no Serviço Público, voltado a servidores de organismos públicos extra-Marinha.

Nas aulas, os policiais foram orientados por um professor do Departamento de Ensino da CPPR. No percurso, os condutores receberam instrução sobre segurança da navegação, sinalização marítima, regras para condução, entre outros.

Para o Tenente Marcel Elias dos Santos, do Batalhão de Polícia Ambiental– Força Verde, o conhecimento adquirido no curso será aplicado em todo o Paraná. “Muitas de nossas atividades são realizadas com o uso de embarcações, tanto no litoral quanto em outras regiões do Estado. O curso é importante porque adquirimos o conhecimento que será útil em nossas operações”, declarou.

As ações da Força Verde no Paraná ocorrem, por exemplo, no Rio Iguaçu, desde a região metropolitana de Curitiba, até Foz do Iguaçu, além dos rios Paranapanema, Ivaí e Tibagi. “Nosso propósito é que mais policiais participem do curso oferecido pela Marinha, em função da quantidade e da qualidade de informações repassadas”, completou o Tenente Marcel.

Habilitação

O curso promovido pela CPPR é gratuito e habilita navegadores para conduzir pequenas embarcações (com até 8 metros de comprimento), empregadas na navegação interior (realizada em águas abrigadas, tais como lagos, lagoas, baías, rios e canais). No total, são 40 horas de atividades teóricas e práticas, com disciplinas como: legislação, manobras, segurança e sobrevivência pessoal, comunicações, meteorologia, navegação, entre outras.

Nos últimos dois anos, a CPPR capacitou militares do Corpo de Bombeiros e do Exército Brasileiro, além de colaboradores da Faculdade de Ciências e Letras de Paranaguá, do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis. Funcionários da Prefeitura de Guaraqueçaba, da Companhia Paranaense de Energia e da Companhia de Saneamento do Paraná também já foram qualificados pelo mesmo curso.