Comandante da Marinha participa de Operação no mar, embarcado na Fragata “Independência”

O Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques, esteve a bordo da Fragata “Independência”, durante operação realizada entre 16 e 19 de junho, envolvendo o lançamento de armas por meios operativos da Marinha do Brasil.

Comandante da Marinha (à esq.) no passadiço da Fragata “Independência”, acompanha a operação.

“Foi uma enorme satisfação estar a bordo de um navio novamente, presenciar o êxito do planejamento e da execução das atividades programadas, a integração dos Setores do Material e Operativo da Marinha, e constatar o profissionalismo, a tenacidade e o esmero de todos os militares envolvidos”, afirmou.

 

Comandante da Marinha, ao lado do Comandante de Operações Navais e do Comandante em Chefe da Esquadra, se prepara para o início de mais um Exercício Operativo

 

Na ocasião, vários Sistemas de Armas da Marinha foram testados, com destaque para o lançamento, com sucesso, de quatro bombas por caça AF-1, no casco da antiga Corveta “Inhaúma”; e para o Míssil Ar-Superfície (MAS) Penguim, que atingiu o alvo após disparo realizado pela aeronave Seahawk (SH16) Guerreiro 37.

 

Resultado de impactos de bombas lançadas pela aeronave AF-1, que atingiriam o local do reparo de mísseis Exocet caso o navio estivesse em operação

A Operação contou com a participação do Navio Doca Multipropósito “Bahia”, da Fragata “Independência”, da Corveta “Barroso”, do Navio de Apoio Oceânico “Purus”, do Navio Patrulha Oceânico “Apa”, do Submarino “Tupi” e das aeronaves Esquilo (UH-12), Super Cougar (UH-15) e Seahawk (SH-16).