PNBOIA

PNBOIA

Acesso ao Mapa

   Obter e disponibilizar à comunidade, dados meteorológicos e oceanográficos, nas áreas oceânicas de interesse do Brasil, com os seguintes objetivos específicos:

  1. Manter uma rede de boias meteoceanográficas de fundeio;

  2. Manter uma rede de boias de deriva;

  3. Ampliar a sua rede de coleta de dados a partir das necessidades na coleta de dados; e

  4. Operacionalizar um sistema de transmissão, processamento e divulgação dos dados.

 

       CRIAÇÃO DO PROGRAMA

       O PNBOIA foi implementado a partir de dois subprogramas complementares de boias, em face da extensa área de responsabilidade do Brasil, de acordo com a Organização Meteorológica Mundial (OMM), para efeito de monitoramento e previsão do tempo, assim como os fenômenos meteorológicos e oceanográficos e dos regimes climáticos observados no Brasil:

  1. Boias de deriva (sistema de coleta de dados lagrangeano): uma rede de derivadores rastreados por satélite, que deverão cobrir grande parte do Atlântico Sul e Tropical. Parâmetros coletados: temperatura da superfície do mar, corrente superficial, pressão atmosférica e vento na superfície do mar.
  2. Boias de fundeio (sistema de coleta de dados eulereano): uma rede de boias de fundeio fixas rastreados por satélite, que deverão cobrir grande parte do Atlântico Sul e Tropical, com o objetivo de monitorar fenômenos atmosféricos, tais como linhas de instabilidade, ciclones tropicais, ondas de Leste, zonas frontais, ciclones extra-tropicais, além de dados oceanográficos sobre correntes, ondas de Kelvin e Rossby equatoriais e distribuição de temperatura e salinidade. Parâmetros coletados pelos sensores das boias: temperatura da superfície do mar, corrente superficial, pressão atmosférica, direção e intensidade do vento de superfície, temperatura do ar, umidade relativa do ar, radiação solar, perfil vertical de temperatura do mar, condutividade (salinidade) e direção, altura e período das ondas.

 

        Clique Aqui para acessar o Plano Nacional de Trabalho do PNBOIA.

 

Acesso ao Mapa

  A coleta de dados através do programa implica no aperfeiçoamento dos serviços de meteorologia e oceanografia do Brasil, beneficiando diretamente os seguintes setores: Defesa Civil; Agricultura; Zona Costeira; Recursos Vivos; Validação de Dados de Satélites; Atividades da Indústria do Petróleo e de Meio Ambiente; Instalações Offshore; Portos e Estruturas Costeiras; Transportes Marítimos; Segurança da Navegação e Salvaguarda da Vida Humana no Mar. O programa contribui diretamente para as seguintes atividades:

 

  • Descrever e entender a variabilidade e previsibilidade do sistema climático em diferentes escalas espaço-temporais;
  • Fornecer dados para a previsão numérica de tempo e clima;
  • Descrever e prever as condições de meteorologia marinha e da superfície do oceano de forma que qualquer operação no mar possa ser eficiente e segura;
  • Detectar e avaliar a importância dos efeitos das mudanças climáticas nas condições oceânicas;
  • Fornecer dados para preservar e restabelecer ecossistemas, costeiros e marinhos e para programas de gerenciamento costeiro;
  • O gerenciamento de recursos marinhos para o uso sustentável; e
  • Melhorar a previsão e a pronta resposta a catástrofes naturais, decorrentes de fenômenos meteorológicos marinhos extremos.

Acesso ao Mapa

  • SECIRM - Secretaria da Comissão Interministerial de Recursos do Mar
  • CHM - Centro de Hidrografia da Marinha
  • INPE - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais
  • FURG - Fundação Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • IOUSP - Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo
  • MMA - Ministério do Meio Ambiente
  • IEAPM - Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira
  • PETROBRAS - PETROBRAS

Acesso ao Mapa

  • 1996: Constituição de um grup especial de trabalho formado por especialistas da área de meteorologia e oceanografia para preparar as diretrizes para o programa nacional de boias no Brasil;
  • 1997: Apresentação do documento final do Programa Nacional de Boias (PNBOIA) para o Comitê Executivo do Programa Piloto para o GOOS Brasil. Este documento foi aprovado pelo governo na 133ª Sessão da Comissão Interministerial para os Recusos do Mar, em 30 de abril de 1997, por meio da Resolução n°001/97;
  • 9-maio-1997: Durante a segunda Sessão Extraordinária da Comissão Executiva para o GOOS Brasil o PNBOIA tornou-se uma atividade oficial do Program Piloto GOOS Brasil;
  • 10-out-1998: Aprovação da criação do Subcomitê de Gerenciamento do Programa Nacional de Boias (PNBOIA) pela Secretaria da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar (SECIRM). A Diretoria de Hidrografia e Navegação (DHN) foi designada para coordenar todas as atividades referentes ao desenvolvimento do PNBOIA;
  • 27-dez-1999: O Centro de Hidrografia da Marinha (CHM) passou a coordenar as atividades ligadas ao PNBOIA;
  • Dezembro 1999: Aquisição da primeira boia do PNBOIA;
  • Agosto de 2000: Lançamento da primeira boia do PNBOIA, na costa do Rio Grande do Sul;
  • 2009: aquisição de 4 novas boias para o PNBOIA, com a expansão da rede para toda região SUL/SUDESTE, com o lançamento de boias em Santa Catarina, Santos e Cabo Frio;
  • 2010 e 2011: Aquisição de mais três boias novas;
  • 2012: Expansão da rede de boias para o o nordeste brasileiro, com lançamento de boias na Bahia e em Pernambuco;
  • 2013: Incorporação ao PNBOIA da boia do Projeto SIODOC, do IEAPM, que ficou fundeada até o ano de 2015 na região costeira de Cabo Frio;
  • Setembro de 2014: Lançamento de uma nova boia do PNBOIA na baía de Guanabara;
  • Outubro de 2015: Lançamento de uma nova boia do PNBOIA na região costeira do Espírito Santos; e
  • Novembro de 2016: Lançamento de uma nova boia do PNBOIA na região costeira do Ceará. Após este acontecimento, o Programa Nacional de Boias atingiu o seu recorde operacional, com 9 boias em operação simultânea ao longo da costa brasileira.

Acesso ao Mapa

 

PRINCIPAIS DOCUMENTOS RELACIONADOS AO PNBOIA

 

Plano Nacional de Trabalho (PNT) do PNBOIA

Manual de Controle de Qualidade do PNBOIA

Relatório sobre eventos de vandalismo nas boias do PNBOIA

Histórico de Operação das boias do PNBOIA

Indicadores de desempenho das boias do PNBOIA

 

ARTIGOS E TRABALHOS UTILIZANDO DADOS DO PNBOIA

 

Adissi, F. 2016. A contribuição de derivadores oceânicos e simulações numéricas de correntes marinhas e ventos em apoio ao planejamento territorial: o caso da Baía de Guanabara (Dissertação - Mestrado em Engenharia Urbana e Ambiental);

Alcántara-Carrió, J., Sasaki, D.K., Mahiques, M.M., Taborda, R.; Souza, L. A. P. 2017. Sedimentary constraints on the development of a narrow deep strait (São Sebastião Channel, SE Brazil) (Artigo - Geo-Mar Lett);

Assireu, A. T.; Rosa, R. R.; Vijaykumar, N. L.; Lorenzzetti, J. A.; Rempel, E. L.; Ramos, F. M.; Abreu Sá, L. D.; Bolzan, M. J. A.; Zanandrea, A. 2002. Gradient pattern analysis of short nonstationary time series: an application to Lagrangian data from satellite tracked drifters (Artigo - Physica D);

Berti, S.; Santos, F.A. ; Lacorata, G.; Vulpiani, A. 2011.  Lagrangian Drifter Dispersion in the Southwestern Atlantic Ocean (Artigo - J. Phys. Oceanogr.);

Campos, R.M.; Alves, J.H.G.M.; Guedes Soares, C.; Guimaraes, L.G.; Parente, C.E.  2018. Extreme wind-wave modeling and analysis in the south Atlantic ocean (Artigo - Ocean Modelling);

Candella, R. N.; Souza, S. M. L. 2013. Ondas oceânicas extremas na costa sul-sudeste brasileira geradas por ciclone com trajetória anormal em maio de 2011 (Artigo - Revista Brasileira de Meteorologia);

Candella, R. N. 2016. Rogue waves off the south/southeastern Brazilian coast (Artigo - Nat Hazards);

Cardoso, D. H.; Dourado, M. 2014. Modelagem unidimensional da camada limite oceânica durante a passagem de uma frente fria na região da confluência Brasil-Malvinas. (Artigo - Revista Brasileira de Meteorologia);

Contestabile, P.; Ferrante, V.; Vicinanza, D. 2015. Wave Energy Resource along the Coast of Santa Catarina (Brazil) (Artigo - Energies);

da Rocha, R.P.; Sugahara, S.; da Silveira, R. B. 2004. Sea Waves Generated by Extratropical Cyclones in the South Atlantic Ocean: Hindcast and Validation against Altimeter Data (Artigo - Weather and Forecasting);

Dalanhese, L. A. 2017. Climatologia de ondas no Atlântico Sul com base em observações do programa PNBOIA e dados reanalisados do modelo Wavewatch III (Dissertação - Mestrado em Engenharia de Biossistemas);

Dalanhese, L. A.; Sarmento, T. L.; Belem, A. L. 2017. Teleconexões entre o El Niño Oscilação Sul e o modo anular austral em eventos extremos de onda nas regiões oceânicas Sul e Sudeste do Brasil. (Paper - 6º Simpósio de Gestão Ambiental e Biodiversidade);

Domingues, E. C.; Schettini, C. A. F.; Truccolo, E. C.; Oliveira Filho, J. C. 2017. Hydrography and currents on the Pernambuco Continental Shelf (Artigo - RBRH);

França, G. B.; Paes, R. C. O. V. ; Oliveira, A. N. ; Ruivo, B. C. ; Sartori Neto, A. 2013. Daily Blended Microwave and Infrared Sea Surface Temperature Composition (Artigo - Revista Brasileira de Geofísica);

França, G. B.; Carvalho, W. S. 2004. Sea surface temperature GOES-8 estimation approach for the Brazilian coast (Artigo - International Journal of Remote Sensing);

Gomes, M. S. S. 2018. Proposta de uma metodologia para utilização de energia eólica offshore no litoral Sudeste do Brasil (Dissertação - Mestrado em Engenharia de Produção);

Guimarães, R. C.; Oleinik, P. H.; Kirinus, E. P.; Lopes, B. V.; Marques, W. C. 2017. An overview of the Brazilian continental shelf wave energy potential (Paper - XXXVIII Iberian Latin-American Congress on Computational Methods in Engineering);

F Hochleitner, CM Paiva, OC Rotunno Filho 2005. Validação da Estimativa da Temperatura da Superfície do Mar via Dados do Satélite GOES-8 utilizando dados “in-situ” do projeto PNBOIA (Resumo estendido - XII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto);

Junior, G. R. P.; França, G. B.; De Faria Peres, L. 2018. Avaliação do Erro dos Algoritmos de Estimativa da Temperatura da Superfície do Mar Utilizando Dados MODIS Durante Eventos de Ressurgência na Costa de Cabo Frio, RJ. (Paper - Anuário do Instituto de Geociências – UFRJ);

Kirinus, E. P.; Oleinik, P. H.; Costi, J.; Marques, W. C. 2018. Long-term simulations for ocean energy off the Brazilian coast (Artigo - Energy);

Krueger, C. P.; Huinca, S. C. M.; Leandro, D. ; Viski, A. R. 2012. Inovações tecnológicas do Laboratório de Geodésia Espacial de Hidrografia (LAGEH) (Paper - IV Simpósio Brasileiro de Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação);

Marin, F. O. 2015. Tomografia Acústica Oceânica por Tempo de Percurso Modal em Águas Rasas (Tese - Doutorado em Engenharia Oceênica);

Matos, L. A. 2016. Estudo Paramétrico de Sistema de Ancoragem para o Equipamento Oceanográfico Navis  (Monografia - Bacharelado em Engenharia Naval e Oceânica);

Melo Franco, E.; Romeu, M. A. R.; Hammes, G. R. 2010. Condições extremas de agitação marítima ao largo de
Rio Grande a partir do modelo WW3 (Paper - 4º Seminario e Workshop em Engenharia Oceânica);

Moratelli, S.; D’Aquino, C. A. 2016. Análise exploratória dos dados de ventos, ondas e radiação solar para o Farol de Santa Marta (Paper - 5º Simpósio de Integração Científica e Tecnológica do Sul Catarinense );

Moura, R.; Souza, R. B.; Marone, E. 2011. Estudo do campo de velocidade de correntes superficiais no Oceano Atlântico Sul a partir de dados de boias de deriva (Artigo - Revista Ambiente e Água);

Moura, 2011. Caracterização da Corrente Sul Atlântica a partir de derivadores rastreados por satélite (Dissertação - Mestrado em Sistemas Costeiros e Oceânicos);

Oliveira, B. A. 2017. Variabilidade do clima de ondas de Santa Catarina-Brasil utilizando o modelo Wavewatch III (Dissertação - Mestrado em Oceanografia);

Pegorelli, C.; Dottori, M.; Fortes, J. F. 2018. Evaluating the gravity wave energy potential off the Brazilian coast (Artigo - Brazillian Journal of Oceanography);

Pereira, H.P.P., Violante-Carvalho, N., Nogueira, I.C.M.; Babanin, A.; Liu, Q.; Pinho, U. F.; Nascimento, F.; Parente, C. E. 2017. Wave observations from an array of directional buoys over the southern Brazilian coast (Artigo - Ocean Dynamics );

Pereira, H.P.P; Nascimento, F.; Parente, C.E. 2013. Análise dos dados de ondas do PNBOIA-Boia Axys, Rio Grande do Sul (Publicação interna - Laboratório de Instrumentação Oceanográfica (COPPE/UFRJ));

Pereira, P. S.; Nogueira Neto, A. V. 2010. Caracterização do clima de ondas ao largo da costa de Pernambuco a partir de dados da PNBOIA Recife (Resumo estendido - XI Simpósio sobre Ondas, Marés, Engenharia Oceânica e Oceanografia por Satélite);

Pezzi, L. P.; Souza, R. B.; Quadro, M. F. L. 2015. Uma Revisão dos Processos de Interação Oceano-Atmosfera em Regiões de Intenso Gradiente Termal do Oceano Atlântico Sul Baseada em Dados Observacionais (Artigo - Revista Brasileira de Meteorologia);

Poças, J. S. 2011. Avaliação dos espectros de onda obtidos por radar de abertura sintética (SAR) para os litorais de Florianópolis/SC e Rio Grande/RS (Dissertação - Mestrado em Sensoriamento Remoto);

Ribeiro, J.; Leitão, J. C.; Penteado, A. F.; Ribeiro, R. B.; Leitão P.; Silva, A. 2017. Previsão operacional de suporte à entrada e saída de navios no Porto de Santos – SP (Resumo estendido - 9as Jornadas Portuguesas de Engenharia Costeira e Portuária);

Romeu, M.A.R.; Fontoura, J.A.S., Melo, E. 2015.  Typical scenarios of wave regimes off Rio Grande do Sul, southern Brazil. (Artigo - Journal of Coastal Research);

Salcedo-Castro, J., da Silva, N. P., de Camargo, R., Marone, E.,Sepúlveda, H. H. 2018. Estimation of extreme wave height return periods from short-term interpolation of multi-mission satellite data: application to the South Atlantic, (Artigo - Ocean Science);

Sánchez, A. S.; Rodriguez, D. A.; Kalid, R. A.; Torres, E. A. 2017. Potencial energético das ondas na costa brasileira   (Artigo - Revista Brasileira de Energia);

Sánchez, A. S.; Rodriguez, D. A.; Fontes, R. M.; Martins, M. F.; Kalid, R. A.; Torres, E. A. 2018. Wave resource characterization through in-situ measurement followed by artificial neural networks' modeling (Artigo - Renewable Energy);

Sarmento, T. L. 2017. Correção do campo de vento modelado sobre a Metarea V com base em observações de boias oceanográficas (Monografia - Bacharelado em Engenharia de Recursos Hidricos e do Meio Ambiente);

Servain, J.; Busalacchi, A. J.; McPhaden, M. J.; Moura, A. D.; Reverdin, G.; Vianna, M.; Zebiak, S. E. 1998. A Pilot Research the Tropical Moored Array in Atlantic (PIRATA) (Artigo - Bulletin of the American Meteorological Society);

Shadman, M.; Estefen, S. F.; Rodriguez, C. A.; Nogueira, I. C. M. 2018. A geometrical optimization method applied to a heaving point absorber wave energy converter (Artigo - Renewable Energy);

Silva, A. J. V. C.; Cataldi, M.; Dragaud, I. C. D. V. 2016. Avaliação do potencial de geração eólica offshore na região costeira dos municípios de Cabo Frio e Arraial do Cabo, estado do Rio de Janeiro (Resumo estendido - XIV ENEEAmb);

Venancio, K. K. 2018. Evolução hidromorfodinâmica da região da Ponta da Praia em Santos – SP, no período entre 2009 e 2017  (Dissertação - Mestrado em Engenharia Civil);

Viski, A. R., Werlich, R. M. C., Krueger, C. P., Huinca, S. C. M., Leandro, D., Bleninger, T. B.; Fernandes, C. V. S. 2011. Prototypes of monitoring devices for water levels and currents in coastal waters. (Artigo - Journal of Coastal Research);

Zotto, C. J.; Krusche, N. 2005. Fluxos de Calor na Camada Limite Atmosférica Marinha: Aplicação à Dispersão dos Componentes Voláteis de uma Mancha de Óleo (Paper - 3° Congresso Brasileiro de P&D em Petróleo e Gás).