Amamente! Esse é o único ato que só você pode fazer por seu bebê

Enviado em: 31/07/2019

image

A amamentação é um processo essencial para a saúde do bebê. Vários estudos indicam que o aleitamento materno (como única forma de alimentação até o sexto mês de vida) pode evitar diversas mortes, além de ser fundamental para o crescimento e o desenvolvimento da criança.

O leite materno apresenta vitaminas, minerais, açúcares, proteínas e gorduras necessários para a alimentação saudável da criança. Além disso, possui vários fatores imunológicos contra doenças, tais como diarreias, infecções respiratórias e alergias. Nenhum outro alimento oferece tais benefícios!

O ato de amamentar possui inúmeras vantagens para os primeiros anos de vida do bebê. Entre elas, a saúde bucal. O processo de amamentação é muito importante para o bom desenvolvimento da região bucal, já que, durante a sucção do leite, há um estímulo para o bebê respirar pelo nariz e também exercitar a musculatura, resultando em um crescimento harmônico de toda a face (processo fundamental para a composição de uma correta dentição, além de estar relacionado ao desenvolvimento da musculatura da boca e ao posicionamento da língua).

Outro fator de extrema importância para que a amamentação tenha sucesso é a identificação precoce da anquiloglossia (língua presa) em recém-nascidos. Esse problema tem sido apontado como um dos fatores que podem interferir negativamente na amamentação, diminuindo a habilidade do recém-nascido para fazer uma pega e sucção adequadas, dificultando o estímulo à produção de leite e o esvaziamento da mama e causando dor nas mães durante a amamentação.

No Hospital Naval Marcílio Dias (HMND), o profissional capacitado para realizar a avaliação do frênulo lingual (teste da linguinha) é o fonoaudiólogo. Além disso, em conjunto com a equipe multidisciplinar, também é capacitado para orientar na amamentação, auxiliando no posicionamento do bebê e na pega adequada do seio materno.

Além de todos esses fatores, é importante frisar que a amamentação fornece uma experiência emocional única para a mãe e o bebê. Amamentar é o único ato que só a mãe pode fazer por seu bebê, criando uma única e poderosa conexão física e emocional.

Karina Branco
1T (RM2-S)
Conselho Editorial do Saúde Naval





Saiba mais em: