Marinha assume a Guarda do Monumento Nacional aos Mortos da Segunda Guerra Mundial, em mês de aniversário da vitória na Batalha Naval do Riachuelo

Momento em que o Comandante da Guarda da MB assume a guarda do MNMSGM


     Em 5 de junho, a Marinha do Brasil (MB) assumiu a Guarda do Monumento Nacional aos Mortos da Segunda Guerra Mundial (MNMSGM), no Aterro do Flamengo, Rio de Janeiro (RJ), com uma cerimônia em alusão ao mês de aniversário da vitória na Batalha Naval do Riachuelo.

     A solenidade foi presidida pelo Comandante do 1º Distrito Naval e contou com a presença de autoridades e representações da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro (EB) e da Força Aérea Brasileira (FAB). Também prestigiaram o evento os escoteiros do 123º Grupo Escoteiro do Mar Almirante Saldanha e do 90º Grupo Escoteiro do Mar Suboficial Amélio Azevedo Marques, além de convidados e cidadãos civis.

 

 

Guarda formada durante a cerimônia


     Na cerimônia, realizada no mausoléu do MNMSGM, após as devidas honras aos ex-Combatentes da Segunda Guerra Mundial, os Comandantes das guardas da MB e do EB simbolizaram a passagem da guarda.
 

 

Militares realizam a cerimônia abrindo o mês de celebrações em homenagem ao aniversário da vitória na Batalha Naval do Riachuelo


     Para garantir a segurança do MNMSGM, as Forças Armadas se revezam na guarda, mensalmente, sendo que em junho, agosto e outubro são realizadas cerimônias no primeiro domingo do mês.