Câncer de Mama


O câncer de mama é a maior causa de morte por câncer nas mulheres em todo o mundo, com cerca de 520 mil mortes estimadas por ano. É a segunda causa de morte por câncer nos países desenvolvidos, atrás somente do câncer de pulmão, e a maior causa de morte por câncer nos países em desenvolvimento.

Sinais e Sintomas

Os sinais e sintomas do câncer podem variar, e algumas mulheres que têm câncer podem não apresentar nenhum destes sinais e sintomas. De qualquer maneira, é recomendável que a mulher conheça suas mamas, e saiba reconhecer alterações para poder alertar o médico.

O câncer de mama pode apresentar vários sinais e sintomas, como:

  • Nódulo único endurecido;
  • Abaulamento de uma parte da mama;
  • Edema (inchaço) da pele;
  • Eritema (vermelhidão) na pele;
  • Inversão do mamilo;
  • Sensação de massa ou nódulo em uma das mamas;
  • Sensação de nódulo aumentado na axila;
  • Espessamento ou retração da pele ou do mamilo;
  • Secreção sanguinolenta ou serosa pelos mamilos;
  • Inchaço do braço;
  • Dor na mama ou mamilo.

Diagnóstico e Prevenção

Toda mulher com 30 anos ou mais, mesmo sem início da vida sexual, deve procurar o ginecologista para realizar o exame clínico das mamas anualmente.
Toda mulher entre 40 e 69 anos deve fazer, pelo menos, uma mamografia a cada dois anos. Procure o ginecologista na Policlínica ou Ambulatório Naval, mesmo que não tenha sintomas. Um fator de risco é a hereditariedade. Portanto se um familiar, principalmente mãe, irmãs ou filhas, teve esta doença antes dos 50 anos, você deve estar mais atenta e procurar o ginecologista.

Consulte também a Cartilha da Mulher