Dia Nacional de Luta contra o Reumatismo

reumatismo

O reumatologista recebe, com freqüência, pacientes que se queixam de dores nas juntas (como joelhos, ombros e punhos). Eles logo perguntam se estão com reumatismo e se esta é uma “doença de velho”.

É preciso explicar que o reumatismo, na verdade, não é uma doença, mas um termo geral que caracteriza cerca de 130 doenças capazes de afetar, principalmente, as articulações. As mais graves, chamadas colagenoses, podem interferir também nos sistemas respiratório, gastrointestinal e na pele, dentre outras partes do corpo.

Embora as colagenoses não escolham idade (sendo usual em pessoas com menos 40 anos) e demandem acompanhamento por especialista em Reumatologia, há o subgrupo de doenças “reumáticas” degenerativas composto por artrose/osteoartrite, bursites e tendinites que são mais frequentes com o avançar da idade. Elas ocorrem por excesso de carga e desgaste articular e após análise inicial, devem ser acompanhadas também por ortopedistas e clínicos gerais. Toda articulação que venha a ficar vermelha, quente, inchada, dolorosa e difícil de movimentar deve ser avaliada por um médico.

As boas notícias são que as doenças degenerativas são comuns e têm evolução benigna e lenta. Sendo assim, raramente comprometem a funcionalidade do paciente e tendem a se tornar um problema de menor gravidade. Até mesmo as doenças reumatológicas mais complexas, como artrite reumatóide, gota, lúpus eritematoso sistêmico, dermatopolimiosite, entre outras, já possuem hoje um tratamento eficaz.

Tomar os medicamentos prescritos na hora certa, realizar exercícios físicos e seguir as recomendações do seu médico podem fazer uma grande diferença no resultado final dos tratamentos.

A Clínica de Reumatologia do Hospital Naval Marcílio Dias oferece tratamento para pacientes portadores de colagenoses, além de serviço de avaliação de doenças osteometabólicas e acompanhamento para pacientes com osteoporose. Os profissionais de saúde do Sistema de Saúde da Marinha também são constantemente orientados quanto à profilaxia e tratamento de doenças reumatológicas de menor complexidade, afetas ao nível de atenção básica.

Solange Murta Barros
Capitão de Fragata (Md)
Chefe da Clínica de Reumatologia
Hospital Naval Marcílio Dias