Como os genes influenciam o seu tratamento médico?

Enviado em: 18/11/2019

Você já se questionou por que certa dose de um determinado remédio funciona perfeitamente para uma pessoa, mas, para outra, a mesma quantidade não faz efeito algum? Ou sobre o porquê de algumas pessoas apresentarem efeitos colaterais a um medicamento, enquanto outras não?

Afinal, o que é capaz de influenciar a eficácia e a segurança dos remédios utilizados nos mais diversos tratamentos? O que é capaz de definir se um remédio vai funcionar em determinada pessoa ou não?

Os seus genes podem ser a resposta! A ciência que estuda o efeito dos genes sobre a resposta aos medicamentos chama-se Farmacogenética, na qual fatores genéticos são associados, por exemplo, à falha ou ao sucesso de um tratamento, assim como ao desenvolvimento ou não de reações adversas pelo paciente.

Certamente que a genética do indivíduo não é a única variável influenciadora, contudo, alguns marcadores genéticos são altamente associados a respostas específicas de pacientes devido ao uso de um medicamento.

Um dos principais exemplos é o do alelo HLA-B*5701, uma variável do gene Antígeno Leucocitário Humano B, o HLA-B. Esse alelo está fortemente associado a reações adversas ligadas ao uso do Abacavir, um dos medicamentos utilizados no tratamento anti-HIV.

O impacto deste alelo é tão grande na segurança do tratamento do HIV que o sistema público de saúde brasileiro, o SUS, disponibiliza, desde 2018, o exame genético para identificar a presença ou não do HLA-B*5701 em pacientes para os quais tenha sido recomendado o uso do Abacavir.

A partir dos conhecimentos gerados nas pesquisas da área de Farmacogenética, criou-se a ideia de medicina personalizada, na qual cada indivíduo terá um tratamento baseado no seu próprio DNA, eliminando o conceito de que exista uma “dose padrão” de determinado remédio.

Em um futuro ideal (mas, não tão distante), será possível ter um banco de dados do perfil genético dos pacientes. Com base nessas informações, a dose do medicamento a ser administrada será personalizada para cada indivíduo, de maneira que os tratamentos médicos sejam seguros e eficazes, contribuindo ainda mais para a saúde e o bem-estar de todos.


GM (T) Tailah Bernardo de Almeida
Bióloga – Especialidade Genética



Saiba mais em: