Sistema de Gestão de Qualidade ISO 9001

 

 

 

 

 

- A Capitania Fluvial Rio Paraná foi auditada e seu Sistema da Qualidade foi recomendado para a certificação, de acordo com a norma NBR ISO 9001:2015, abrangendo o seguinte escopo:
=> Qualificar e controlar a habilitação dos aquaviários e supervisionar o ensino profissional dos aquaviários em conformidade com as Normas da Autoridade Marítima para o Ensino Profissional Marítimo.

- Indicadores de Desempenho (IPG, IQG, ICP e ISP) (clique aqui).

- Contexto Organizacional (Clique aqui)

- As definições abaixo foram aprovadas, em 4 de setembro de 2009, pelo Capitão dos Portos do Rio Paraná, a fim de nortearem a implementação do Sistema de Gestão da Qualidade do Ensino Profissional Marítimo (EPM), da Capitania.

Politica da Qualidade

“Buscar a satisfação da comunidade aquaviária, na área de jurisdição desta Capitania, mediante um atendimento de excelência às suas necessidades, assegurando a estrita concordância com as normas vigentes e especificações estabelecidas, comprometendo-se com o atendimento aos requisitos e à melhoria contínua do Sistema de Gestão da Qualidade do Ensino Profissional Marítimo (EPM)”

 

Objetivos da Qualidade

1) Ministrar cursos do EPM que apresentem níveis de qualidade superior às expectativas dos

alunos;

2) Controlar a habilitação de Fluviários e de pescadores, propiciando atendimento que apresente elevado nível de qualidade;

3) Assegurar a satisfação do pessoal no ambiente para a operação dos processos e investir na capacitação profissional; e

4) Planejar e executar anualmente, atividades utilizando recursos financeiros, humanos, materiais, imateriais e tecnológicos, visando a melhoria dos processos, avaliando-os continuamente, com base na medição de indicadores apropriados.

 

Escopo

Qualificar e controlar a habilitação dos aquaviários e supervisionar o ensino profissional dos aquaviários, utilizando recursos tecnológicos atendendo a demanda da nossa jurisdição em conformidade com as Normas da Autoridade Marítima para o Ensino Profissional Marítimo.

 

Exclusões

Os seguintes itens da norma NBR ISO 9001:2015 não são aplicáveis ao processo do Ensino Profissional Marítimo (EPM) e nem à Capitania e foram excluídos:

a) 7.1.5 - Recursos de monitoramento e medição – Pelo Escopo da Certificação o item não procede porque no EPM não cabe utilização de equipamento de medição

b) Item 8.3 – por não contemplar atividades de projeto e desenvolvimento, haja vista todos os cursos ministrados na Escola de Fluviários de Foz do Iguaçu (EFFI) serem elaborados pela Diretoria de Portos e Costas (DPC), órgão responsável pela normatização e mantenedor dos cursos do EPM;

c) Item 8.5.1f – por não possuir dispositivo para validar os processos de produção, porque a Capitania trabalha na capacitação de Aquaviários que, após formados, não necessitam de avaliação ou monitoramento externo, haja vista os conhecimentos adquiridos no decorrer do curso são percebidos nos decorrer de suas atividades laborais.

 

Visão

Até o ano de 2022, ser uma Organização Militar reconhecida, pela comunidade aquaviária de sua área de jurisdição, como uma Capitania presente, referência na qualidade do atendimento aos

usuários, no efetivo emprego dos recursos alocados, e onde se trabalha com elevado espírito de equipe.

 

Missão

Qualificar e controlar a habilitação dos aquaviários e supervisionar o Ensino Profissional Marítimo(EPM) de aquaviários, em conformidade com as normas da autoridade marítima para o EPM