EAMCE promove “Um dia de Marinheiro e Fuzileiro Naval para pessoas com deficiência”

    A Escola de Aprendizes-Marinheiros do Ceará (EAMCE), por meio do Núcleo de Assistência social (NAS), e com apoio das Voluntárias Cisne Branco (VCB) e da Associação de Veteranos do Corpo de Fuzileiros Navais (AVCFN), promoveu no dia 19 de dezembro um dia de Marinheiro e Fuzileiro Naval aos filhos dos militares da ativa e veteranos atendido pelo Programa de Atendimento Especial – Pessoa com Deficiência (PAE).
   O evento contou com uma programação bem diversificada. Teve início com a participação dos usuários do PAE no cerimonial à Bandeira, seguida pela visitação ao Navio de Pedra e à Sala de Simulação Tática, na qual puderam assistir a uma aula de navegação e de operações militares. Posteriormente, os participantes foram divididos em dois grupos para realização das oficinas de camuflagem com os Fuzileiros Navais e de nós marinheiros. Ao término das oficinas, os usuários puderam realizar atividades lúdicas (pintura e desenho) enquanto seus responsáveis participavam de uma roda de conversa sobre educação inclusiva, coordenada pela professora Ana Célia Lopes Cavalcante, especialista no tema.
   A atividade foi finalizada com a entrega de presentes (cuidadosamente pensados para respeitar os limites e valorizar as potencialidades de cada usuário do PAE) arrecadados na Campanha de Natal organizada pelas VCB, seguida de um café de confraternização.
   Participaram do evento cerca de 50 pessoas, dentre usuários e familiares. Atualmente o PAE executado pelo NAS da EAMCE contabiliza 57 usuários em efetivo atendimento, sendo esse um dos programas prioritários para a Assistência Social da Marinha do Brasil.