Escola de Aprendizes-Marinheiros do Ceará realiza evento para pessoas com deficiência

 
       A Escola de Aprendizes-Marinheiros do Ceará (EAMCE) promoveu, no dia 20 de setembro, o evento “Um Dia de Marinheiro para Pessoas com Deficiência”, com o apoio da Capitania dos Portos do Ceará (CPCE). A ação reuniu 200 crianças com deficiência e seus responsáveis e contou com diversas atividades recreativas com foco na rotina marinheira.
       A programação foi iniciada com o Cerimonial à Bandeira narrado seguido por desfile dos alunos da Turma Lima e com a presença do Comandante da EAMCE, Capitão de Fragata Alexandre Silva. Logo após, as crianças foram divididas em grupos para participar das oficinas de Nós, Apito, Musicoterapia, Psicomotricidade, Retinida, Equoterapia e Simulação de Navegação. As crianças também visitaram uma mostra de veículos aquáticos da CPCE e participaram de atividades com os Fuzileiros Navais, incluindo oficina de camuflagem.
       Em paralelo, ocorreu o Dia do Comandante do Corpo de Alunos, com competições entre equipes mistas formadas por atletas da EAMCE e paratletas, que disputaram medalhas nas modalidades de basquete, futebol e natação.
       O Comandante da EAMCE destaca a importância da integração da Marinha com as pessoas com deficiência: “Abrimos nossas portas para a sociedade. Foi um dia de alegria, inclusão, acolhimento e superação. Nossa intenção é realizar novas edições nos próximos anos”.
       O evento integra uma série de ações da Marinha do Brasil voltadas à efetivação da cidadania, utilizando a competência e habilidade da Força Naval para além de sua missão constitucional.