Projeto Piloto do SASM envia Oficial de Serviço Social ao POIT

Data da Notícia: 
01/01/2018

      A Primeiro-Tenente (RM2-T) Lucélia Ambrózio, Assistente Social do Serviço de Assistência Social da Marinha (SASM), foi destacada no Posto Oceanográfico da Ilha da Trindade (POIT), no período de outubro e dezembro de 2017, compondo o V Destacamento, como parte de uma experiência pioneira na Marinha do Brasil.
        A oficial ficou inserida nas fainas da Ilha da Trindade a fim de realizar um estudo social sobre o dia a dia dos militares e as consequências do afastamento para eles e para seus familiares. A Primeiro-Tenente (RM2-T) Lucélia Ambrózio falou sobre a importância do destacamento, por ser uma das responsáveis, no SASM, pelo Programa de Atendimento Integrado em Missões Especiais: “Passar todo esse tempo no POIT foi muito importante para obter subsídios para executar o Programa da melhor maneira, conhecendo e sentindo a vivência desses militares”. Além disso, a oficial levantou dados sobre a possibilidade do destacamento de mulheres na missão e a viabilidade da implementação do Projeto “SASM Itinerante”.
        A metodologia de trabalho utilizada foi a da vivência, da observação participante, da pesquisa de impactos e da aplicação de um roteiro de entrevistas realizado com toda a tripulação. Com essas avaliações, foi possível observar que o Serviço Social abriu a possibilidade do atendimento “in loco”, por meio de mediação e orientação, favoreceu novas dinâmicas nas relações e no convívio com o grupo, propiciou a reflexão sobre as relações interpessoais e condições de trabalho em ambientes de isolamento, e, também, trouxe um novo olhar sobre as questões que permeiam essa condição de trabalho para além das missões especiais.
        O Programa de Atendimento Integrado em Missões Especiais tem o propósito de minimizar as interferências de situações sociais, psicológicas e jurídicas adversas, decorrentes da necessidade de afastamento de militares e servidores civis, em Serviço Ativo, para desempenhar atividades profissionais em missões especiais. O POIT é uma das missões que exigem o afastamento do militar ou servidor civil por um período superior a 60 dias, e fica localizado na Ilha da Trindade, que é uma ilha vulcânica da Costa do estado do Espírito Santo, que junto com Martins Vaz, forma um arquipélago.