Instituto de Pesquisas da Marinha promove XIII Encontro de Tecnologia em Acústica Submarina

De 06 a 08 de novembro, o Centro Tecnológico da Marinha no Rio de Janeiro (CTMRJ), por meio do Instituto de Pesquisas da Marinha (IPqM), promoveu o XIII Encontro de Tecnologia em Acústica Submarina (XIII ETAS), na Universidade Federal Rio de Janeiro (UFRJ). O evento foi uma realização da Diretoria-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha (DGDNTM) e fez parte de um projeto que busca o aprimoramento tecnológico, oriundo da aplicação do conhecimento científico, em áreas estratégicas da Marinha do Brasil (MB), dentre elas a de Acústica Submarina. O XIII ETAS, que teve como objetivo propiciar o intercâmbio entre integrantes da comunidade científica, da Marinha do Brasil e de empresas na área de Acústica Submarina e seus segmentos, dando ênfase aos aspectos de especial interesse à MB, foi organizado em parceria com o Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (COPPE/UFRJ).


Foto oficial com os participantes do evento

 

O XIII ETAS contou com a participação de representantes de organizações que constituem o meio acadêmico e o setor produtivo, que pesquisam ou atuam em atividades de Acústica Submarina. Foram apresentadas mais de 20 palestras e trabalhos sobre temas relacionados à formação de feixes, propagação acústica, classificação de contatos, detecção de novidade, monitoramento de paisagem acústica, transdutores acústicos e etc. O Diretor do IPqM, CMG (EN) José Vicente Calvano, fez a abertura do evento com uma apresentação do Instituto. E o Sr. Luiz Alexandre de Araújo Guerra, da Petrobras, proferiu a palestra de Abertura intitulada Desafios e Inovações no Monitoramento do Oceano em Plena Era Digital.

O Encontro abordou temas como: Engenharia de Equipamentos Acústicos Submarinos; Geoacústica; Oceanografia Acústica; Posicionamento Acústico; Propagação Acústica Submarina; Processamento de Sinais Acústicos Submarinos; e Sistemas Sonar.


Sr. Alexandre Guerra proferindo a palestra de abertura

 

Nesta edição da reunião científica, foi realizado também o III Workshop – PMPAS que é um Projeto de Monitoramento da Paisagem Acústica Submarina da Bacia de Santos, conduzido pela PETROBRAS, para atender às solicitações do IBAMA no âmbito do processo de licenciamento ambiental da Etapa 2 do pré-sal. O Projeto foi subdividido no IPqM em quatro áreas de coordenação, sendo elas: Área 1 (Observatório Submarino); Área 2 (Processamento de Sinais); Área 3 (Modelagem); e Área 4 (Banco de Dados).

O evento contou com o patrocínio das empresas Baker Hughes, do Grupo GE, e do Prooceano; A Sociedade Brasileira de Acústica (SOBRAC) e a Eletrobrás Eletronuclear apoiaram o evento.