Marinha do Brasil entrega à Receita Federal mais de 60 toneladas de cigarros contrabandeados por embarcação

No dia 1º de março, a Marinha do Brasil concluiu a entrega, à Receita Federal, de 61,2 toneladas de cigarros, que foram apreendidas da embarcação “Brinco", no dia 20 de fevereiro. Apresada durante uma ação de patrulha naval, realizada pelo Navio Patrulha “Guaratuba” nas proximidades de Mangue Seco– BA, por transportar uma carga suspeita de 4.081 caixas de cigarros, sem documento fiscal, a embarcação foi escoltada ao Porto de Salvador, onde foi entregue, juntamente com a carga, às autoridades competentes para os procedimentos cabíveis.

Tanto a embarcação quanto a carga, no entanto, ficaram sob a guarda da Marinha do Brasil, desde a sua chegada à capital baiana. A partir do dia 23 de fevereiro, 13 caminhões do Centro de Intendência da Marinha em Salvador, escoltados por militares do Grupamento de Fuzileiros Navais de Salvador, realizaram a entrega da carga à Receita Federal, que procedeu à contagem e destinação do material.

Adicionalmente, a embarcação foi notificada pela Capitania dos Portos da Bahia, após constatação de que os tripulantes não possuíam habilitação para sua condução, bem como dois deles não possuíam documento de identificação.

O constante aprimoramento do Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul (SisGAAz) proporcionará, cada vez mais, ações de combate à ilícitos em nossas águas, em esforço integrado, em parceria com demais agências.