NOTÍCIAS

Museu Naval, da DPHDM, é palco do
III Seminário Internacional de Turismo Militar


A Diretoria do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha (DPHDM) recebeu, em 7 de novembro de 2019, no Museu Naval, o III Seminário Internacional de Turismo Militar (SITM). Visando difundir o conhecimento científico a respeito do Turismo Militar, com base em pesquisas em nível de graduação ou pós-graduação, o evento reuniu representantes dos meios acadêmico, militar e civil, instituições culturais, alunos dos cursos de Turismo e entusiastas pelo tema.


Público lotou o auditório do Museu Naval para assistir
as discussões e reflexões sobre turismo militar no III SITM


Com programação ampla, o SITM permitiu ao público refletir sobre o desenvolvimento do Turismo Militar e discutir como deve ser o caminho a percorrer por este turismo histórico-cultural, que conjuga lazer, conhecimento e patrimônio cultural a serviço da história do País. A conferência de abertura, sobre os “Caminhos percorridos pelo Turismo Militar na Espanha”, foi ministrada pelo professor doutor José Manuel Hernández-Mogollón, da Facultad de Empresa, Finanzas y Turismo, que integra a Universidad de Extremadura, na Espanha.

Diretor do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha, o Vice-Almirante (RM1) José Carlos Mathias falou sobre “Acessibilidade em Museus Militares”, em especial os equipamentos culturais da Marinha do Brasil (MB) sob administração da DPHDM, no Rio de Janeiro. Na apresentação, abordou, entre outras questões, as limitações de adaptações espaciais visando à acessibilidade, de modo a não descaracterizar a “experiência marinheira” na visitação a um navio de guerra; e que soluções têm sido implementadas pela diretoria para atender este público com necessidades especiais, como visitas mediadas adaptadas a diferentes tipos de deficiência.


Diretor da DPDHM, o Vice-Almirante (RM1) Mathias discorreu
sobre a questão da acessibilidade nos equipamentos culturais da MB


Além do professor Hernández-Mogollón e do Vice-Almirante (RM1) Mathias, o primeiro dia do seminário contou com a presença do Diretor do Museu Aeroespacial (MUSAL), Brigadeiro do Ar R/1 Luiz Carlos Lebeis Pires Filho; do Chefe da Seção de Patrimônio e Planejamento Cultural, da Diretoria do Patrimônio Histórico e Cultural do Exército (DPHCEx), Coronel Marcelo de Mello Ribeiro; e dos professores doutores Carlos Alberto Lidizia e João Evangelista Dias Monteiro, da Faculdade de Turismo e Hotelaria, da Universidade Federal Fluminense (UFF); entre outras autoridades ligadas ao turismo.

No dia seguinte, 8 de novembro, o III SITM prosseguiu suas atividades com uma visita técnica, pela manhã, ao Centro de Estudos de Pessoal e Forte Duque de Caxias, do Exército Brasileiro, no Leme, Zona Sul carioca. À tarde, os especialistas discutiram em mesas-redondas sobre diversas questões relacionadas ao turismo militar, como patrimônio cultural, destinos turísticos, negócios e pesquisa científica.