NOTÍCIAS

Biblioteca Rotativa, da DPHDM, empresta 700 livros para navios da MB em comissão em 2019


Visando fomentar a leitura e estimular a construção do conhecimento, a Diretoria do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha (DPHDM) fechará o ano de 2019 com um total de 700 livros emprestados para navios da Marinha do Brasil em comissão, por meio de seu serviço de Biblioteca Rotativa.


Comandante do PHM Atlântico, Capitão de Mar e Guerra Giovani Corrêa (à esq.),
recebeu a equipe da Biblioteca Rotativa e seu acervo de livros para empréstimo


Já receberam as “caixas culturais” — cada uma com 140 títulos, de variados gêneros da literatura brasileira e estrangeira, bem como de estudos próprios ao “homem do mar” — o Porta-Helicópteros Multipropósito (PHM) Atlântico, nau capitânia da Esquadra brasileira; e o Navio-Escola (NE) Brasil, em sua XXXIII Viagem de Instrução de Guardas-Marinha (XXXIII VIGM); ambos em julho.


Livros da Biblioteca Rotativa fazem sucesso entre os Guardas-Marinha
da Turma “Almirante Saboia”, na XXXIII VIGM do NE Brasil


Em agosto, foi a vez da Corveta Barroso, cumprindo a Operação Líbano XVIII como capitânia da Força-Tarefa Marítima (FTM) da Força Interina das Nações Unidas do Líbano (UNIFIL); e do Navio Hidroceanográfico Taurus. E, em setembro, o Navio Polar Almirante Maximiano, que irá integrar a 38ª Operação Antártica (OPERANTAR XVIII), receberá a última caixa de livros.

Serviço de extensão da Biblioteca da Marinha, a Biblioteca Rotativa remonta ao século XIX. Ela tem origem na criação da própria Biblioteca da Marinha, em 1846, cujo decreto facultava estabelecer, por meio de regulamento (instituído mais tarde, em 1854), “bibliotecas parciais” nos navios para fins de instrução e recreação.