Navio de Assistência Hospitalar “Tenente Maximiano” encerra participação na Operação Celeiro II-2017

O Navio de Assistência Hospitalar “Tenente Maximiano” encerrou a sua participação na Operação Celeiro II no dia 07 de abril. Foram realizados 195 atendimentos médicos e 159 odontológicos, distribuídos 7223 medicamentos, cerca de 8 kg de roupas e brinquedos, livros e revistas do projeto “Barca do Saber” além de kits odontológicos para as às populações ribeirinhas residentes nas localidades de Cáceres, Fazenda Jatobazinho e Santo Antônio das Lendas, no rio Paraguai e Porto Jofre no rio Cuiabá. Face as comunidades estarem à margem do Rio Paraguai e Cuiabá e o acesso por via terrestre tem, por vezes, uma maior dificuldade, ou é inexistente, as famílias ribeirinhas veem no “Navio da Esperança do Pantanal”, como é conhecido o NAsH, como uma das poucas formas de receberem atendimento. Para a professora e coordenadora da ONG Panthera Brasil, localizada em Porto Jofre, Suélen Cristina, “A assistência médica e odontológica realizada pelo navio da Marinha do Brasil, possibilita a chegada de cidadania à população ribeirinha, favorecendo aqui na nossa região mais de 100 pessoas”, relatou a professora.