Comando Conjunto Oeste promove ação de descontaminação em Posto de Imigração na fronteira Brasil-Bolívia

Ação foi realizada nos prédios da Polícia Federal e Receita Federal

Ação foi realizada nos prédios da Polícia Federal e Receita Federal

 

O Comando Conjunto Oeste (C Cj Oeste) realizou, na tarde do dia 16 de abril, a descontaminação do Posto de Imigração Esdras, localizado em Corumbá-MS, na fronteira do Brasil com a Bolívia.

A ação foi realizada pelo Grupamento Operativo de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (GptOpDefNBQR), composto por 30 militares do Comando do 6º Distrito Naval (Com6ºDN) e do Exército Brasileiro (EB). O objetivo foi mitigar os impactos causados pelo novo coronavírus (COVID-19).

A descontaminação foi realizada na área externa e interna da Polícia Federal e da Receita Federal. Após, no pátio da Receita e, ao final, dos militares e materiais efetivamente empregados na ação.

O Chefe do Estado-Maior do Com6ºDN, Capitão de Mar e Guerra (FN) Alexandre José Gomes Dória, destacou que a ação é uma atividade necessária e preventiva no combate à COVID-19. “Sabemos que essa área registra grande trânsito de pessoas e de veículos. É mais um trabalho de medida protetiva e de apoio aos órgãos de Segurança e de Saúde Pública engajados nesse combate”, ressaltou.

 

Comando Conjunto Oeste

 

O Comando Conjunto Oeste, responsável pelos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, é um dos 10 Comandos Conjuntos das Forças Armadas, formados pela Marinha, Exército e a Aeronáutica, que estão reforçando, diariamente, as medidas de prevenção contra o coronavírus no Brasil.