Alunos do município de Anastácio-MS viajam para conhecer o Complexo Naval de Ladário

Crianças e adolescentes em frente ao prédio do Comando do 6º Distrito Naval

 

 

Na sexta-feira (10), 38 alunos e sete professores da Escola Polo Municipal Rural “Novo Progresso” e da Escola Estadual Maria Correa Dias, do município de Anastácio-MS, viajaram cerca de 300 quilômetros para conhecer o Complexo Naval de Ladário (CNLa).

O primeiro evento da visita foi uma palestra sobre “Como Ingressar na Marinha”, ministrada pelo Serviço de Recrutamento Distrital do Comando do 6º Distrito Naval (Com6ºDN). Em seguida, as turmas seguiram para o 4º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral (EsqdHU-4), onde tiveram a oportunidade de entrar e conhecer a aeronave comumente chamada de “Esquilo”.

Os visitantes, logo após, seguiram para o Comando da Flotilha de Mato Grosso (ComFlotMT) para conhecer a rotina e os compartimentos do Navio-Transporte Fluvial “Paraguassu”, embarcação que está no Brasil desde 1952. Ainda no âmbito das tradições navais, as crianças e os adolescentes visitaram a Sala de Memória “Tenente Maximiano”, local onde o Com6ºDN reúne peças históricas, como um dos primeiros motores do Monitor Parnaíba, navio reconhecido por sua longa trajetória no Brasil, tendo participado da 2ª Guerra Mundial, e subordinado ao ComFlotMT.

Na segunda-feira (13), o CNLa recebeu, também, a visita de alunos do Instituto Baruki de Educação e Cultura como parte da programação da 18ª Edição do Fórum Infantojuvenil do Pantanal, que neste ano tem como um dos temas “Clima, mudanças climáticas, causas e consequências”. Os 22 estudantes passaram a manhã conhecendo EsqdHU-4 e o Navio de Assistência Hospitalar NAsH “Tenente Maximiano”, navio empregado para prover assistência médico-hospitalar, odontológica e sanitária às populações ribeirinhas.