Brasão do CIAB

Abas primárias

 

HERÁLDICA

O Distintivo para o Centro de Instrução e Adestramento de Brasília foi aprovado pela Portaria nº 0022 de 01 de outubro de 1997 do Secretário-Geral da Marinha,de acordo com o desenho abaixo.

Seguem-se a descrição e a explicação do Distintivo:

     Brasão CIAB

     Descrição:

Num escudo boleado, encimado pela coroa naval e envolto por elipse feita de cabo de ouro terminado em nó direito, em campo de azul, postos em roquete:
dois fuzis de ouro, passados em aspa, com âncora superposta do mesmo metal;
remo e croque de ouro, passados em aspa, com fateixa sobreposta do mesmo metal e livro aberto e encadernado de prata carregado de pena de ouro, disposta em barra;
chefe de verde carregado de três colunas de prata, disposta em faixa e unidas pelas pontas laterais de seus flancos.

     Explicação:

No campo de azul esmalte clássico da Marinha, os fuzis e a âncora constituem o distintivo do Corpo de Fuzileiros Navais;
a fateixa, o remo e o croque evocam os instrumentos utilizados pelos Marinheiros nas fainas diárias, e o livro aberto com pena simboliza a instrução ministrada pelo Centro às praças da MB,
as três colunas arquitetônicas de prata, típicas de Brasília, à mesma reportam-se como sede da OM, localizada no interior do país, situação a que alude o verde do chefe.