Navios polares passam por manutenção no AMRJ antes da OPERANTAR XLII

 

28/09/2023

 

 

O Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ) realizou, no dia 1º de setembro, a desdocagem do Navio de Apoio Oceanográfico (NApOc) “Ary Rongel” (H44). Diversos serviços de manutenção foram feitos na etapa de docagem no Dique Almirante Régis. Ainda no AMRJ, o Navio Polar (NPo) “Almirante Maximiano” (H41) passa por Período de Manutenção Geral (PMG) no cais norte.

 

As atividades executadas no NApOc “Ary Rongel” e no NPo “Almirante Maximiano” fazem parte da preparação dos navios para a 42ª Operação Antártica (OPERANTAR XLII), com início previsto para 8 de outubro.

 

Os principais trabalhos realizados no "Ary Rongel", sob a supervisão do AMRJ, foram tratamento e pintura das obras vivas, linha d'água, obras mortas, costado, amarras, superestrutura, casaria e mastro de vante; reparo estrutural no paiol de amarras; tratamento/pintura dos TQs de O.C, lastro e aguada; revisão anual dos Motores de Combustão Principais de Bombordo (BB) e Boreste (BE); revisão do Motor de Combustão Auxiliar (MCA); revisão dos thrusters 1, 2 e 3; entre outros.

 

Também no dia 1º foi efetuada a desdocagem do Navio Hidroceanográfico (NHo) "Cruzeiro do Sul" (H38), cujos principais serviços executados incluíram tratamento e pintura das obras vivas, linha d'água e obras mortas; revisão geral do GEP; retirada dos thrusters 1, 4 e 5 para revisão; retirada da linha de eixo para substituição do Simplex; substituição das vedações das pás do hélice; sondagem das obras vivas e obras mortas; e retirada dos antigos Motores de CA 1 e 2.

 

Já no PMG do "Almirante Maximiano" destacam-se as revisões de 4.000h do MCP BB, de 8.000h do MCP BE, de 4.000h de MCA e Gerador de Eixo de BE, assim como o reparo do thruster azimutal.