MISSÕES DE PAZ

GptOpFuzNav Apoio a DefCiv RS 1º ContMarinha ensina primeiros socorros a crinças desabrigadas Marinha e Exército retiram recipientes químicos no RS

UNAVEM-III
(United Nations Angola Verification Mission)
Em 08 de fevereiro de 1995, o Conselho de Segurança das Organizações das Nações Unidas autorizou o estabelecimento da Missão de Verificação das Nações Unidas em Angola (UNAVEM-III), com duração aproximada de seis meses, empregando militares de diferentes nacionalidades.

 

 

FIP
(Força Interamericana de Paz)
O Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) teve expressiva participação na Força Interamericana utilizada pela Organização dos Estados Americanos (OEA) na pacificação da República Dominicana, abalada por grave conflito político e social.

 

 

MOMEP
(Missão de Observadores Militares Equador-Peru)
A MOMEP foi criada em 10/03/95, para ser o órgão executor dos Ministérios das Relações Exteriores dos seis países envolvidos no Protocolo do Rio de Janeiro: Argentina, Brasil, Chile, Estados Unidos, Equador e Peru.

 

 

UNPREDEP / UNPROFOR / UNTAES
Principais Missões de paz conduzidas pela ONU na antiga república da Iugoslávia. Essas operações contaram com a presença de militares de 22 países, e o Brasil se fez representar através do envio de Observadores Militares (Obs Mil) da Marinha, do Exército e da Aeronáutica.

 

 

ATIVIDADES DE DESMINAGEM - OEA
Como membro de Organizações Internacionais, o Brasil promove campanhas de desminagem, com o apoio do Batalhão de Engenharia de Fuzileiros Navais (BtlEngFuzNav) de atividades de desminagem terrestre.

 

 

UNTAET / UNMISET
Missões de Paz conduzidas pela ONU no Timor Leste, que tem a participação de militares de 29 países. O Brasil enviou para essas missões Observadores Militares (Obs Mil) da Marinha, do Exército e da Aeronáutica.

 

 

MINUSTAH
(United Nations Stabilization Mission Haiti)
A Marinha do Brasil na United Nation Stabilization Mission Haiti - Operação MINUSTAH, instituída pelo Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas, atuou na operação desde o seu início, em 2004 até 2017.