PRIMEIRA SESSÃO PLENÁRIA DE 2021

TRIBUNAL MARÍTIMO REALIZA PRIMEIRA SESSÃO PLENÁRIA DE 2021

 

 

Primeira Sessão Plenária de 2021.

   

     O Tribunal Marítimo (TM) realizou, nesta terça-feira dia 9 de fevereiro, a primeira sessão plenária de julgamento do ano de 2021. Conduzida pelo Vice-Almirante Wilson Pereira de Lima Filho, Juiz-Presidente, a sessão de nº 7.465 ocorreu no formato presencial, cumprindo todos os protocolos sanitários emanados pelos órgãos responsáveis, de forma a evitar a Covid-19.

     Na abertura, Almirante Lima Filho relembrou a resiliência da tripulação do TM diante da pandemia e reforçou que os cuidados continuam. “Ultrapassamos com serenidade e firmeza o ano de 2020, lamentando as inúmeras vidas perdidas durante este triste período da história da humanidade. Esta Corte transformou dificuldades em oportunidades, introduzindo uma série de alterações, ajustou as velas e seguiu adiante, inclusive com a adoção de sessões por videoconferência. Contudo, as preocupações com a pandemia prosseguem e o TM segue tomando todas as medidas preventivas estipuladas pelas autoridades sanitárias”.

    Estiveram presentes na sessão o Diretor da Procuradoria Especial da Marinha (PEM), Vice-Almirante (RM1) Domingos Savio Almeida Nogueira, integrantes do TM, além de representantes da comunidade maritimista, inclusive patronos que labutam na Corte Marítima.

     Superação em 2020. Diante da pandemia, a “Corte Marítima”, de forma pioneira, realizou a primeira sessão por videoconferência no dia 22 de abril do ano passado, garantindo a manutenção dos julgamentos, posteriormente intercaladas sessões presenciais e por videoconferência.

     Nesse ano desafiador foram julgados 1.573 processos. Desses, 890 foram arquivados e 939 representações foram recebidas. As atividades relacionadas ao Registro de Embarcações e Registro Especial Brasileiro também se mantiveram e superaram as estatísticas dos anos anteriores, demonstrando, assim, o quanto a força de trabalho se manteve empenhada mesmo em tempos difícies.

 

 

Na sessão de abertura, reforçados os cuidados com a Covid-19.