Por que fazer o Colégio Naval?

O Colégio Naval (CN) é a instituição de ensino médio da Marinha do Brasil (MB). Podem ingressar, através de concurso, rapazes com idade entre 15 e menos de 18 anos com o ensino fundamental completo.

Fazer parte dessa instituição é o sonho de muitos jovens, como Diego Botelho de 15 anos, Matheus Amaral e Lucas Nascimento da mesma idade.

Diego tem se preparado para o concurso desde os 13 anos de idade. Esse objetivo ganhou mais força quando conversava com seu primo, que atualmente está no último ano da Escola Naval.

“Tive vontade de ingressar na Marinha quando eu e meu primo conversávamos sobre o Colégio e a Escola Naval. Na verdade, o desejo aumentou ainda mais quando ele me incentivou, porque desde 2016 eu já estava me preparando para o concurso”, conta Diego.

A dedicação de Diego para passar no concurso é notável, pois ele estudou todos os dias em um curso preparatório. Durante a semana seu horário de estudos era das 8 horas da manhã até as 19 horas. Nos sábados saía às 17 horas do curso e domingo tinha aula de reforço, que terminava ao meio-dia.

“Eu sempre estudo a matéria até entender, mesmo que dure 40 minutos ou quatro horas. Abri mão de jogos durante um tempo e mantive o foco nos estudos”, revela o candidato.

O que motiva Diego a estudar para o concurso é saber que o CN é um colégio de excelência acadêmica.  “O Colégio Naval pode me proporcionar um futuro brilhante, além da estabilidade financeira”, conta ele.

Ele tem o apoio de toda a sua família para ingressar no Colégio Naval e quando se imagina fardado dentro do CN surgem vários sentimentos.

“Vem a sensação de dever cumprido, orgulho dado aos meus pais e todos que me apoiaram e que todo o esforço foi recompensado”.

Outro jovem que tem o mesmo sonho de estudar no CN e, posteriormente, ser um Oficial da MB é Matheus Amaral.

“O concurso é muito difícil e precisa de muita dedicação. É o meu sonho desde pequeno ingressar na Marinha”, menciona.

Ele estudou todos os dias no curso preparatório na parte da manhã e no período da noite, estudava mais quando chegava em casa. Aos finais de semana, fazia projeto de resolução de questões do curso. “A minha dedicação aos estudos era diária, para conseguir uma das 190 vagas oferecidas”, conta Matheus.

Essa admiração pela Marinha do Brasil cresceu ainda mais quando seu irmão mais velho ingressou no CN. Ele serviu de inspiração para Matheus, que na época tinha sete anos. “Meu objetivo pelo Colégio Naval é por inspiração no meu irmão que fez o CN, ingressou na Escola Naval e agora é Segundo-Tenente”, diz.

Matheus tem todo o apoio da família e inclusive do seu irmão, que o incentivou tanto. “Aprendizados intelectual e moral para a vida são os diferenciais que o Colégio e a MB como um todo proporcionam. Quando me imagino fardado, sinto orgulho de mim mesmo por ter realizado um grande sonho”, comenta o candidato.

Lucas Nascimento é outro jovem que deseja estudar no CN e desde muito pequeno sonha em seguir uma carreira militar. Foi seguindo esse sonho que entrou para um curso preparatório, conheceu o Colégio Naval e as oportunidades que a Marinha do Brasil oferece.

“Desde a minha infância, vislumbro a carreira militar e vi nesse concurso uma forma de realizar esse sonho. Ter disciplina e ordem são essenciais para a vida e eu percebi que o Colégio Naval proporciona isso”, conta. 

Ele se dedicou bastante aos estudos para alcançar o seu sonho. No curso, ficava entre os três primeiros da sua turma e sempre tinha uma classificação alta. A tarde ele ia para o curso preparatório.

“Na parte da noite, revisava todo o conteúdo do dia e fazia exercícios da matéria antes de dormir. Meu objetivo é sempre dar o meu máximo em tudo o que faço e, para isso, eu dedico grande parte dos meus dias estudando”, menciona ele.

Lucas tem o apoio de toda a sua família para realizar o seu sonho e já se imagina fardado. “Quando me imagino dentro da Marinha, tenho a esperança em servir ao nosso país pois vejo o trabalho das forças armadas como sendo crucial”.

Conheça mais sobre o curso

Os alunos do CN realizam o ensino médio, sendo reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC) e também estudam o ensino Militar-naval. Além das diversas disciplinas ministradas, os alunos estudam Língua Inglesa, Língua Espanhola e Informática.

Durante seus estudos, os alunos recebem benefícios como uma ajuda de custo de cerca de R$1 mil mensais, aquisição de uniformes, assistência médico-hospitalar, religiosa e psicológica, entre outros.

Por Camila Spínola (Estagiária de Jornalismo)