Page 12 - Nomar 947
P. 12

Exercícios garantiram o intercâmbio operacional das aeronaves a bordo do NAM "Atlântico"


          mos atingir todos os grupos de pilotos   da Defesa, acreditam que isso agrega   infiltração  de  tropa  em  navio,  resgate                    Suboficial (ET) Wesley Falk, controlador Aéreo Tático
          dos esquadrões do EB e da FAB e mais   capacidade às nossas Forças Armadas   no mar e também a realização de eva-
          o nosso, talvez não fosse possível man-  operando aqui no navio”, avaliou.  cuação aeromédica, e tiro sobre alvo à
          ter a qualificação de todos os pilotos.   Esse intercâmbio operacional das   deriva. Isso inclui as aeronaves em um
          Vamos  conseguir  qualificar  a  primeira   aeronaves proporcionará às Forças   cenário de operações de guerra naval
          leva e agregar alguns pilotos à medida   Armadas maior sinergia, ampliando ca-  e de um possível emprego de ações
          que incorporamos outros. Chegará um   pacidades operativas e conhecimento   subsidiárias da Marinha”, disse o Co-
          momento que será o nosso limite, tan-  no que tange às atividades aéreas con-  mandante. O Primeiro-Tenente Aviador
          to  para  manter  a  qualificação,  quanto   juntas com os navios da Esquadra em   Fernandes do 3º/8º Grupo de Aviação
          para qualificar novos. Mas cada Força   movimento.                  confirma que essa missão tem extrema
          Singular sabe da rotatividade de seus   O Capitão de  Fragata Rodrigo  Fer-  importância para as Forças envolvidas.
          militares. Isso indica que esse tipo de   nandes Domingues, piloto da aeronave   “É uma oportunidade ímpar para trei-
          comissão deve acontecer com frequên-  UH-15  (Pégasus)  da  Marinha,  afirma   nar as táticas, técnicas e procedimen-
          cia para manter a qualificação e incor-  que essa é uma oportunidade de re-  tos que são de particularidades tanto
          porar  novos  pilotos  não  qualificados.   passar conhecimento a respeito das   da FAB, como da MB e do EB, visando
          Estamos estudando como compatibili-  operações aéreas  embarcadas para   ao  aumento da  operabilidade  de cada
          zar as duas coisas. Tudo isso vai exigir   os  oficiais  e  praças  da  FAB  e  do  EB.   Força, principalmente no que tange a
          um esforço grande, mas a Marinha e as   “Além das atividades de pouso, desen-  distâncias mais longínquas da costa”,
          demais forças, junto com o Ministério   volvemos outras demonstrações como   ressaltou.



          12 12                                                             NOMAR | SETEMBRO-OUTUBRO 2021 | Nº 947
   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17