O Apoio logístico na Antártica - Operantar XL

PROANTAR

Em apoio à 40ª edição da Operação Antártica (Operantar XL), foi realizada, no Navio de Pesquisa Hidroceanográfico "Vital de Oliveira", a fase embarcada do Curso Expedito de Equipe de Manobra de Helicópteros e Crache a Bordo (C-EXP-EQMAN-A), para equipes do Navio Polar “Almirante Maximiano” e do Navio de Apoio Oceanográfico “Ary Rongel”.

O adestramento integrou a preparação da tripulação que seguirá, no segundo semestre, para o continete gelado.

Instrutores do Centro de Instrução e Adestramento Aeronaval Almirante José Maria do Amaral Oliveira (CIAAN) conduziram os exercícios nas proximidades da Ilha Rasa, situada ao largo da entrada da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro.

A qualificação desses militares é fundamental para a manutenção dos estudos do Continente Antártico. A maior compreensão dos fenômenos ambientais e a influência que exercem sobre o clima possibilitam, por exemplo, perceber a incidência de chuvas e seus impactos no agronegócio, responsável por 25% do PIB do Brasil.

A contribuição da Marinha para apoio logístico e, consequentemente, continuidade da pesquisa na Antártica, vai além de promover o crescimento científico-tecnológico do país, auxiliando também o desenvolvimento econômico e socio-ambiental nacional.

O Apoio logístico na Antártica - Operantar XL