G151 NApOc Iguatemi

 

Datas:
Lançamento: 04 de Junho de 2011
Incorporação: 09 de Julho de 2018

Características:
Deslocamento: 1.943 t (carregado).
Dimensões: 63,40 m de comprimento, 56,53 m entre perpendiculares, 5,80 de boca moldada, 5,5 m de calado de navegação e pontal de 6,80m..
Propulsão: 02 Motores Yanmar 8N280EV, 200kW.
Combustivel: 680 toneladas.
Tração Estática: 90 toneladas.
Eletricidade: 04 Geradores Caterpillar C18DITA, sem neutro, 631 kVA, 425 kW, 60Hz, 697A, 440V.
Velocidade: máxima de 13,5 nós.
Raio de Ação: 8.000 milhas à 10 nós.
Armamento: 02 Metralhadoras 12,7 mm (0,50 pol) e 02 Metralhadoras 7,62 mm.
Sensores: 02 Radares de Navegação Tipo Furuno – Modelos FR-2115 e FAR-2117.
Código Internacional de Chamada: PWIG.
Tripulação: 28 Militares, sendo 5 Oficiais e 23 Praças.

Histórico

O G 151 Navio de Apoio Oceânico Iguatemi, teve seu processo de aquisição, juntamente com as demais classes “Mearim”, no final de 2016, por meio de reuniões entre o Comando de Operações Navais (ComOpNav), a Diretoria de Gestão de Programas (DGePM) e a Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON).

Inicialmente, a intenção era arrendar três rebocadores para a Marinha. Após uma averiguação minuciosa no mercado, realizada pela EMGEPRON, para verificar quais navios do tipo Anchor Handling Tug Supply (AHTS) estariam disponíveis, verifcou-se a existência de 147 embarcações, porém nenhuma delas atendia aos requisitos apresentados pelo Setor Operativo.

Em novo estudo realizado, foram alterados os requisitos de maneira a permitir a continuidade do processo. Foi realizado um pregão eletrônico internacional para aquisição de três navios, sob a responsabilidade da EMGEPRON. A vencedora do certame foi a empresa norueguesa Deep Sea Shipowing, com os AHTS “Sea Stoat”, “Sea Vixen” e “Sea Fox”. Cabe destacar que a obtenção dos Navios de Apoio Oceânico (NApOc) “Mearim”, “Iguatemi” e “Purus” foi decorrente de um inédito processo de compra por oportunidade para a Marinha do Brasil, realizada pela EMGEPRON.

O nome “Iguatemi” origina do tupi-guarani, que significa “rio que dá voltas, sinuoso”, importante rio do estado do Mato Grosso do Sul, afluente da margem direita do Rio Paraná. Outros três navios da MB receberam esse nome, uma Canhoneira, Torpedeira e uma Corveta da Classe Imperial Marinheiro, incorporada à Armada, em 01AGO1955. A Mostra de Desarmamento da Corveta “Iguatemi” ocorreu em 09AGO1995.

O NApOc “Iguatemi” está apto a desempenhar as seguintes tarefas: apoio logístico móvel, patrulha e inspeção naval, busca e salvamento – “Search and Rescue” (SAR) e minagem, na área do Comando do 4º Distrito Naval.

Foi incorporado em 09 de Julho de 2018.

Relação de Comandantes

Comandante Período
CC Ricardo Frambach Fernandes 09/07/2018