Escola Naval realiza Cerimônia de Declaração de Guardas-Marinha

Cerimônia de Declaração de Guardas-Marinha
Cerimônia de Declaração de Guardas-Marinha

No dia 07 de dezembro, os Aspirantes da Turma Almirante Protógenes foram declarados Guardas-Marinha em cerimônia presidida pelo Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, com a presença do Ministro da Defesa, do Comandante da Marinha, do Comandante do Exército, do Comandante da Aeronáutica, além de outras autoridades.

Neste dia, 205 Aspirantes, dentre os quais um oriundo do Senegal, receberam suas Espadas, símbolo do Oficial de Marinha, após quatro anos de formação acadêmica e militar-naval.

O patrono da turma, Almirante Protógenes Pereira Guimarães assentou praça de Aspirante na Escola Naval em 1891 e foi declarado Guarda-Marinha em 1895. Após diversas e importantes comissões, incluindo a Primeira Guerra Mundial, foi Ministro da Marinha entre 1931 e 1935. É o patrono da Aviação Naval.

Durante o evento, foram homenageados os Guardas-Marinha de 1969, componentes da Turma Almirante Grenfell, que há 50 anos também receberam suas espadas.