Mensagem de Fim de Ano da EMGEPRON

Ao nos aproximarmos do fim do ano de 2021, é oportuno fazermos uma reflexão sobre todos os desafios e superações pelas quais a EMGEPRON e todos nós nos defrontamos ao longo desse período, bem como a perseverança que reafirmou nossa firmeza de propósito em prosseguir em direção às mudanças necessárias para a melhoria dos resultados da Empresa. Assim como o ano anterior, o ano de 2021 demonstrou-se repleto de desafios de toda ordem nas suas mais diversas formas de conceito.



         A EMGEPRON, em continuidade às ações tempestivas, iniciadas em 2020, para o enfrentamento da Covid-19, concomitantemente à continuidade de suas atividades e manutenção dos postos de trabalho, empenhou-se em proporcionar aos seus colaboradores a possibilidade de exercer suas tarefas na modalidade de teletrabalho, ao mesmo tempo em que estabelecia protocolos sanitários rígidos para garantir a saúde de seus colaboradores que necessitassem trabalhar a partir das instalações físicas da Empresa, consoante às orientações das autoridades sanitárias, além de fornecer todo o apoio necessário para aqueles que foram alcançados pela Covid-19, valendo-se da sua própria estrutura corporativa, como medicina do trabalho, segurança do trabalho, assistência social e o custeio para a realização de cerca de 500 exames RT-PCR para Covid-19, entre outras.



        Nesse contexto, iniciamos o ano dando prosseguimento à execução de nossas atividades na modalidade de teletrabalho, compartilhando nossas tarefas laborais com o ambiente familiar, exigindo superação e adaptação de todos diante dos infortúnios da nova rotina. Recentemente, em função da queda do número de casos de Covid-19 e a consequente retomada à vida mais próxima da normalidade, exercendo nossas atividades totalmente presenciais, sem nos descuidarmos com as medidas de proteção sanitárias recomendadas pelas autoridades competentes.



Cabe destacar e agradecer a todos os colaboradores que contribuíram direta e indiretamente com o apoio às atividades na modalidade de teletrabalho e no apoio à saúde de nossa força de trabalho, fundamentais para a superação dos desafios e a conquista dos resultados da EMGEPRON no ano de 2021.



Não obstante aos cenários econômico-financeiro e sanitários desafiadores em que nos defrontamos em 2021, prosseguimos avançando e superando as dificuldades que se apresentaram ao longo do ano. Nesse sentido, no que se refere à condução dos Programas Estratégicos, a execução do Programa Fragatas Classe “Tamandaré” (PFCT) desenvolveu-se como planejado, junto à Sociedade de Propósito Específico (SPE) Águas Azuis, incluindo a obtenção de novas tecnologias na área de Sistema de Gerenciamento de Combate (CMS) e de Sistema Integrado de Gerenciamento da Plataforma (IPMS) e aumentando o nível de conteúdo local embarcado a partir da Base Industrial de Defesa Nacional.



Neste diapasão, no âmbito do Projeto do Navio de Apoio Antártico (NApAnt), em outubro de 2021, foram iniciadas as negociações junto ao Consórcio constituído pelo ESTALEIRO JURONG / SEMBCORP, por ter apresentado a proposta vencedora (BAFO), para aquisição por construção de 1 (um) navio de apoio antártico, a ser utilizado pela Marinha do Brasil na execução de atividades de apoio à pesquisa e de apoio logístico à Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF), dentro do Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR).



Em um dos nossos relevantes Eixos Estratégicos de negócios, a Economia do Mar, o ano de 2021 foi palco de importantes marcos. Foi instituída, por meio do Decreto nº 47.813, de 28 de outubro de 2021 do governo do Estado do Rio de Janeiro, com intensa participação da EMGEPRON, a Comissão Estadual de Desenvolvimento da Economia do Mar (CEDEMAR), vinculada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais (SEDEERI), que irá dispor sobre a estrutura da política pública de fomento e desenvolvimento da Economia do Mar e suas ações estratégicas, composição, competências e funcionamento.



Também foi sancionada pelo Governador do Estado do Rio a Lei nº 9.466, de 25 de novembro de 2021, que cria a Política Estadual de incentivo à Economia do Mar como estratégia de desenvolvimento socioeconômico do Estado do Rio de Janeiro.



Esses dois instrumentos legais, o primeiro no âmbito do executivo e o segundo no âmbito do legislativo estadual, proporcionam o fomento às atividades econômicas relacionadas à Economia do Mar, ao desenvolvimento do Cluster Tecnológico Naval do Rio de Janeiro (CTN-RJ) e  constituem-se em ferramentas que fortalecem nichos de mercado em que a EMGEPRON atua diretamente na prospecção de seus negócios, permitindo inferir que o ano de 2022 será um ano promissor e de intensa atividade da Diretoria Técnico-Comercial, angariando os recursos necessários para a sustentação da Empresa.



Também é digno de nota que, após 4 (quatro) anos decorridos desde a última concessão de reajuste salarial, em 2021, mediante intenso esforço e dedicação para atender as recomendações da Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (SEST) acerca dos limites e condições para a reposição salarial dos empregados e buscando melhor satisfazer as necessidades dos empregados apresentadas por seus representantes, foi assinado o Acordo Coletivo de Trabalho concedendo reajuste salarial, dentre outros benefícios.



Do exposto, diante de todos os desafios que a Diretoria Executiva, Conselho de Administração e os colaboradores se defrontaram, no aspecto pessoal e profissional, ao longo do ano de 2021, a Empresa manteve-se em sua trajetória rumo às metas estabelecidas, o que somente foi possível haja vista a dedicação, resiliência, esforço e comprometimento individual de cada membro da força de trabalho da EMGEPRON a quem cabe um oportuno e merecido agradecimento.



Diante desse contexto e de diversos exemplos de superação evidenciados ao longo dos dois últimos anos, em especial no ano de 2021, 2022 desponta como um ano que traz consigo expectativas de novas oportunidades de negócios e de desenvolvimento da Empresa, contribuindo para diversificar a carteira de clientes e alçar a EMGEPRON à condição de referência em negócios no âmbito da Economia do Mar, que sempre foi sua vocação natural.



        Soma-se a isso a esperança da superação da pandemia por Covid-19 e uma rápida retomada às condições de convívio social dentro na normalidade, permitindo a perfeita interação com amigos e familiares queridos.



        Um Feliz Natal, repleto de paz e harmonia, e um novo Ano de esperanças e realizações para todos, extensivos às respectivas famílias!

 

 EDESIO TEIXEIRA LIMA JUNIOR

Vice-Almirante (RM1-IM)

Diretor-Presidente



ASSINADO DIGITALMENTE

Português, Brasil

Notícias

EMGEPRON participou na segunda-feira, 29 de abril, no Palácio Guanabara, da primeira reunião que visa traçar estratégias para conscientização da importância da energia nuclear para o Rio de Janeiro e para o Brasil.

No dia 26 de abril, o Diretor-Presidente da EMGEPRON, Vice-Almirante (RM-1) Edesio Teixeira Lima Junior, recebeu, em Itajaí -SC, a visita do Secretá

Nesta terça-feira (02.04), a EMGEPRON iniciou sua participação na 5ª edição da LAAD Security and Defence, na cidade de São Paulo.