Batimento de Quilha do segundo navio marca avanço no Programa Fragatas Classe Tamandaré

A Marinha do Brasil, a Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON) e a Sociedade de Propósito Específico (SPE) Águas Azuis realizaram a Cerimônia de Batimento de Quilha da Fragata Jerônimo de Albuquerque (F201), nesta quinta-feira (06/06), na thyssenkrupp Estaleiro Brasil Sul, em Itajaí – SC. A F201 é a segunda embarcação do Programa de Fragatas Classe Tamandaré (PFCT), considerado o mais inovador projeto de construção naval desenvolvido no Brasil, com mão de obra local e transferência de tecnologia, que prevê a construção de quatro navios.

A Cerimônia de Batimento de Quilha é um evento tradicional da construção naval que, no passado, consistia na finalização da primeira parte do navio, a quilha, a partir da qual eram edificadas as demais estruturas. A evolução da engenharia e o aperfeiçoamento nos processos de produção naval permitiram que nos projetos modernos, como o das Fragatas Classe Tamandaré, a construção seja feita por meio de blocos. Eles são montados separadamente e, depois, unidos dando forma ao navio. Nesse caso, o batimento é caracterizado pelo posicionamento do primeiro bloco construído, em seu local de edificação.

O evento teve a presença do Diretor-Geral do Material da Marinha, Almirante de Esquadra Edgar Luiz Siqueira Barbosa e os membros da Diretoria Executiva da EMGEPRON, entre outras autoridades e representantes das instituições envolvidas no PFCT.

O PFCT é uma parceria entre a Marinha do Brasil e a SPE Águas Azuis, formada pela thyssenkrup Marine Systems, Embraer e Atech, e gerenciado pela EMGEPRON. Desde a assinatura do contrato, em março de 2020, importantes avanços nas atividades construtivas foram alcançados, seguindo o cronograma estabelecido. A primeira Fragata, que dá o nome à classe, começou a ser construída em setembro de 2022, será lançada em agosto deste ano e entregue à Marinha no final de 2025.

 Fonte: DGMM /MB

 
 

 

Português, Brasil

Notícias

Em 11 de julho, na Escola Superior de Guerra (ESG), a EMGEPRON, representada pelo seu Diretor-Presidente, Vice-Almirante (RM1-IM) Edesio Teixeira, participou como convidado da solenidade de encerramento da turma de 2024 do Curso de Gestão de Recursos de Defesa (CGERD). 

A EMGEPRON, a Sociedade de Propósito Específico (SPE) Águas Azuis e a thyssenkrupp Estaleiro Brasil Sul (tkEBS) receberam, nos dias 10 e 11 de julho, no estaleiro tkEBS em Itajaí, o Presidente da COTECMAR
A EMGEPRON, a Sociedade de Propósito Específico (SPE) Águas Azuis e a thyssenkrupp Estaleiro Brasil Sul (tkEBS) receberam, nos dias 10 e 11 de julho, no estaleiro tkEBS em Itajaí, o Presidente da COTECMAR, e o Chefe de Material da Armada Nacional da República da Colômbia (ARC), com as respectivas comitivas.
 

Na última segunda-feira (08.07), a EMGEPRON recebeu a delegação da Armada da Colômbia e da estatal naval colombiana COTECMAR na sede da Empresa. A comitiva, composta pelo presidente da COTECMAR, Vice-Almirante Luis Fernando Márquez Velosa e o Diretor de Material da Armada, Contra- Almirante Walter Olmedo Wilches Carvajal, entre outros representantes, foi acompanhada pelo Diretor de Obras Civis da Marinha, Contra-Almirante Pedro Lima Silva Filho.