Navio Hidrográfico “Sirius” conclui a Comissão Levantamento Hidrográfico da Barra de Paranaguá

Notícias
sexta-feira, 31 Maio, 2019
Base surface da carta náutica 1820 do levantamento realizado
 
O Navio Hidrográfico "Sirius" concluiu a Comissão Levantamento Hidrográfico da Barra de Paranaguá, realizada entre os dias 12 de março e 29 de maio. A comissão teve como objetivo contribuir para a atualização cartográfica náutica da região da Barra de Paranaguá, litoral do estado do Paraná, bem como os demais documentos de auxílio à navegação relacionados à região, como o Roteiro Costa Sul, em conformidade com o III Plano Cartográfico Náutico Brasileiro.
 
O Porto de Paranaguá é um importante centro de comércio marítimo do Brasil, movimentando diversos tipos de cargas, como a soja, farelo, milho, sal, açúcar, fertilizantes, contêineres, congelados, derivados de petróleo, álcool e veículos.
 
A nova edição da carta náutica da região de Paranaguá trará mais segurança ao navegante. Para realizar a medição das profundidades da área, a carta náutica 1.820 foi divida em 337 linhas horizontais, totalizando mais de 11 mil quilômetros de sondagem percorridos pelo navio.
 
Além da sondagem propriamente dita, o “Sirius” realizou dez pesquisas de perigo por toda a região. Entende-se por perigo toda pedra, banco, recife, casco soçobrado, ou qualquer acidente geográfico ou objeto que obstrua a livre navegação. Também foi realizada a coleta de 15 amostras de fundo marinho, importantes para a definição do tipo de solo na região.
 
A estação maregráfica do Canal da Galheta, localizada na Ilha do Mel, foi ocupada, mantendo-a em pleno funcionamento durante todo o levantamento hidrográfico, a fim de obter as informações sobre a maré.
 
Além das tarefas atinentes ao levantamento, foram realizadas a busca da embarcação pesqueira “Odemar II”, submersa ao sul da ilha Queimada Grande-SP; a localização e o reboque de duas boias meteoceanográficas à deriva do Programa Nacional de Boias (PNBOIA); e a localização de dois módulos da plataforma P-71 da Petrobras, localizada a cem quilômetros do litoral do estado de Santa Catarina.
 
Após quase três meses de trabalho, 57 dias de mar e 7.164 milhas náuticas navegadas, o NHi “Sirius” finaliza mais um dos mais de 120 levantamentos hidrográficos já realizados, no Brasil e no exterior, contribuindo para a segurança da navegação da “Amazônia Azul”.
 
Navio Hidrográfico Sirius