Embaixador do Brasil no Chile participa de Passagem de Comando do Navio Polar

Notícias
domingo, 24 Fevereiro, 2019
Embaixador do Brasil no Chile, Carlos Duarte, sendo
entrevistado pela mídia local
 
No dia 14 de fevereiro, foi realizada a passagem de Comando do Navio Polar “Almirante Maximiano” na cidade de Punta Arenas, no Chile. Participou dessa cerimônia o Embaixador do Brasil no Chile, Carlos Duarte.
 
Conhecedor e entusiasta dos temas afetos ao mar, ele serviu por duas vezes da Missão do Brasil junto à Organização das Nações Unidas, em Nova Iorque. Assim, teve a oportunidade de travar estreito contato com a proposta brasileira para a delimitação exterior da plataforma continental, dentro do Programa de Levantamento da Plataforma Continental.
 
A troca de comando, também, foi prestigiada por autoridades chilenas, como o Cônsul Honorário do Brasil, o Presidente do Instituto Antártico Chileno, os Chefes dos Estados-Maiores da 3ª Zona Naval e da IV Brigada Aérea e o Comandante do navio hidrográfico “Cabrales”. Além deles, estiveram presentes o Cônsul da Espanha no Chile e o Comandante do navio oceanográfico espanhol “Hespérides”.
 
A passagem de comando, normalmente, acontece em território brasileiro, mas foi realizada durante o transcurso da XXXVII Operação Antártica (OPERANTAR) para se adequar à faixa de comando estabelecida. O navio prosseguirá na OPERANTAR, sob o comando do Capitão de Mar e Guerra João Candido Marques Dias.
 
Embaixador do Brasil no Chile, Carlos Duarte, (ao centro) acompanhado do Comandante do Grupamento de Navios Hidroceanográficos, do Comandante empossado do navio,  do Comandante exonerado e do Adido Naval do Brasil no Chile