Navio de Pesquisa Hidroceanográfico "Vital de Oliveira" realiza rodízio e manutenção de boias meteoceanográficas

Notícias
quinta-feira, 1 Novembro, 2018
Boia do Projeto “Pirata” lançada pelo Navio de Pesquisa
Hidroceanográfico “Vital de Oliveira”
 
O Navio de Pesquisa Hidroceanográfico (NPqHo) "Vital de Oliveira" realizou, no período de 16 a 30 de outubro, o rodízio e a manutenção de quatro boias meteoceanográficas em apoio ao Projeto “Pirata” (Prediction and Research Moored Array in the Tropical Atlantic), que é uma iniciativa de instituições científicas do Brasil, Estados Unidos e França.
 
O Projeto “Pirata” tem por instrumento uma rede de boias fixas que coletam e disseminam, por satélite, dados meteorológicos e oceanográficos, desde a superfície até a profundidade de 500 metros. Oito dessas boias têm sua manutenção sob a responsabilidade brasileira.
 
Nessa etapa da Comissão, denominada “Pirata BR-XVIII”, estão sendo substituídos os sensores e revitalizadas as estruturas de suporte das quatro boias localizadas mais ao norte. Uma delas está a mais de 1.100 milhas náuticas da costa do Brasil, o que equivale cerca de 1770 quilômetros, permitindo a continuidade da coleta de dados de fundamental importância para estudos sobre as interações entre o oceano e a atmosfera no Atlântico Tropical.