Diretoria-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha transfere Sede para São Paulo

Autoridades militares e civis participaram do evento

No dia 18 de julho, a Diretoria-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha (DGDNTM) transferiu sua Sede do Rio de Janeiro para a cidade de São Paulo, localizada no Complexo do Centro Tecnológico da Marinha (CTMSP), no campus da Universidade de São Paulo (USP).

Entre os fatores que balizaram essa transferência, salienta-se a existência de importantes centros de produção de alta tecnologia; de parcela significativa da Base Industrial de Defesa nacional e; de relevante parque acadêmico com seus núcleos de pesquisa e laboratórios de reconhecimento internacional, mas sobretudo devido à importância política institucional do Estado de São Paulo no seio do nosso País, razões pelas quais a Alta Administração Naval decidiu manter, permanentemente, um representante do Almirantado na maior cidade do Brasil.

Para o Diretor-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológicoda Marinha, Almirante de Esquadra Petronio Augusto Siqueira de Aguiar, a DGDNTM está comprometida em pesquisar, desenvolver e adotar produtos e serviços com tecnologias nacionais.

Reitero o compromisso do Setor de Ciência, Tecnologia e Inovação da Marinha do Brasil em colaborar com a Comunidade Científica, Indústria e Governo, visando assegurar o emprego eficaz de tecnologia nacional capaz de proteger e preservar as riquezas e as dimensões continentais da “Amazônia Azul”, mas que também se materializa em préstimos sociais e desenvolvimento socioeconômico para os brasileiros”.

O evento contou ainda com a presença do Secretário Naval de Segurança Nuclear e Qualidade, Almirante de Esquadra Flávio Augusto Viana Rocha; do Reitor da Universidade de São Paulo, Carlos Gilberto Carlotti Junior; do Superintendente do Instituto de Pesquisa Energéticas e Nucleares (IPEN), Wilson Aparecido Parejo Calvo; do Diretor do Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo, Vice-Almirante (EN) Guilherme Dionizio Alves; do Comandante do 8º Distrito Naval, Vice-Almirante Marco Antonio Ismael Trovão de Oliveira; do Diretor da Escola Politécnica da USP, Reinaldo Giudici; da Diretora do IPEN, Isolda Costa; do Diretor-Presidente da Amazul, Vice-Almirante (RM1) Newton de Almeida Costa Neto, além de demais autoridades civis e militares.

 

 

Descerramento da placa alusiva à nova Sede