Complexo Aeronaval inicia a produção de máscaras para a família naval

O Complexo Aeronaval de São Pedro da Aldeia iniciou, nessa semana, a produção de máscaras de proteção para distribuir aos seus militares e toda a Família Naval, estimando-se uma produção semanal de 2.000 unidades.

O efetivo empregado está divido entre as Organizações Militares subordinadas à Força Aeronaval, utilizando toda a estrutura de maquinário existente para a formação de novos profissionais, especializados em Manobras e Equipagens de Aviação (RV), bem como aquela existente nas oficinas de RV dos Esquadrões e da Base Aeronaval de São Pedro da Aldeia. Militares dessa especialidade são, usualmente, os responsáveis pela manutenção dos macacões de voo, coletes de voo e pequenos reparos.

A iniciativa de produção contribui com o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia que recebeu o nome de Operação COVID-19.

Militares do Complexo Aeronaval durante a produção das máscaras de proteção

Processo de confecção das máscaras de proteção para a Familia Naval de São Pedro da Aldeia