NApLogFlu Potengí

HISTÓRICO

          O Navio de Apoio Logístico Fluvial "POTENGÍ" foi construído em abril de 1938 nos estaleiros da firma N.Y.Scheeps Bouwerf "De Merwede", em Hardinxveld, Holanda, mediante contrato assinado entre o Ministério da Marinha e a firma Raja Gabaglia, do Rio de Janeiro, que serviu de intermediária, principal responsável e fornecedora do Navio.
            O navio foi entregue e incorporado a Marinha do Brasil no porto de Montevidéu, Uruguai, no dia 28 de junho de 1938, pelo aviso no 981 do entao Ministro da Marinha, Exmo Sr. Almirante-de-Esquadra HENRIQUE ARISTIDES GUILHEM. Sendo o seu primeiro Comandante o Ilmo Sr. Capitao-de-Corveta ARMANDO BELFORD GUIMARAES.

         O "Mastodonte do Pantanal", como é carinhosamente chamado pelos seus tripulantes, tinha por tarefa principal abastecer os Monitores "PARNAÍBA" e "PARAGUASSU", recém construídos no Arsenal de Marinha e incorporados a Flotilha de Mato Grosso. Como tarefas secundárias, o Navio abastecia unidades do Exército Brasileiro, apoiava o levantamento hidrográfico, realizava patrulhas fluviais e açoes cívico-sociais em apoio a populaçao ribeirinha. De dezembro de 1961 a setembro de 1962, o "Potengí" operou na Lagoa dos Patos realizando transporte de combustível de Porto Alegre até Canoas.

           Durante todos estes anos de operaçao o "MASTODONTE" operou nos rios: Paraguai (de cáceres até sua foz), Sao Lourenço, Cuiabá (até a cidade de Cuiabá), Paraná (até Foz do Iguaçu) e Rio do Prata, além de ter navegado na Lagoa dos Patos, como já citado anteriormente. Com isso, ele cobriu todos os trechos navegáveis das bacias dos rios Paraguai e Paraná, tendo feito até a data de 28 de junho de 2000, 2.206,5 dias de mar, com 6.051,35 milhas navegadas.