Comando do 6º Distrito Naval

Corrida Rústica dos 150 Anos da Batalha Naval do Riachuelo atrai grande público

Como parte das comemorações alusivas aos 150 Anos da Batalha Naval do Riachuelo – Data Magna da Marinha, o Comando do 6º Distrito Naval, por meio do Grupamento de Fuzileiros Navais de Ladário, realizou no dia 21 de junho a tradicional Corrida Rústica.

Escola Municipal Almirante Tamandaré é beneficiada com reforma da Marinha nos 150 Anos da Batalha Naval do Riachuelo

Como parte da programação das comemorações dos 150 anos da Batalha Naval do Riachuelo – Data Magna da Marinha o Comando do 6° Distrito Naval entregou no dia 09 de junho a reforma das obras da Escola Municipal Almirante Tamandaré. A Ação Cívico Social contou com 40 militares que trabalharam durante quinze dias na reforma da Escola que atualmente possui 885 alunos.

150 Anos da Batalha Naval do Riachuelo: Comando do 6° Distrito Naval realiza Exposição e Atendimentos no Porto Geral

A Marinha do Brasil por meio do Comando do 6° Distrito Naval, realizou Exposição de Material nos dias 6 e 7 de junho no Sesc Corumbá, em homenagem aos 150 anos da Batalha Naval do Riachuelo – Data Magna da Marinha, celebrado no dia 11 de Junho.

Adidos de Defesa Estrangeiros visitam Comando do 6° Distrito Naval

O Comando do 6° Distrito Naval recebeu, no dia 28 de maio, a visita de 15 Adidos de Defesa e seus familiares, os quais representam os seguintes países: Alemanha; Chile; Coréia; El Salvador; Estados Unidos; Índia; Itália; Paraguai; Peru; Polônia; Portugal; Senegal; Suriname; Tailândia e Vietnã.

Demonstração de Operações Ribeirinhas e Apresentação de Bandas atrai público para o Porto Geral nos 150 Anos da Batalha Naval

Como parte das comemorações dos 150 Anos da Batalha Naval do Riachuelo, no dia 07 de Junho, a população presenciou uma Demonstração de Operações Ribeirinhas no Pantanal, seguida da apresentação da Banda de Música do Grupamento de Fuzileiros Navais, juntamente com a Banda Municipal Manoel Florêncio.

Navio-Transporte Fluvial “Paraguassu” homologa nova área de transferência para Operações Aéreas

No dia 29 de abril, o Navio-Transporte Fluvial “Paraguassu” suspendeu a fim de realizar uma comissão de voo operacional, ou seja, a primeira operação aérea utilizando a nova área de transferência na popa. Esta faina consagrou o empenho e esforço da tripulação do navio que,  mesmo com mais de 40 anos, buscou superar as tradicionais dificuldades constatadas em outras operações aéreas e incrementar a segurança, com o estudo minucioso que subsidiou a posterior proposta da referida homologação.