Agência Fluvial de São Félix do Araguaia apoia projeto ambiental de repovoamento de tartarugas no Rio Araguaia

Militares apoiaram no transporte e recolhimento dos ovos

Militares apoiaram no transporte e recolhimento dos ovos

 

    A Agência Fluvial de São Félix do Araguaia (AgSFAraguaia), Organização Militar subordinada ao Comando do 6 Distrito Naval (Com6DN), apoiou, nos dias 21 e 22 de setembro, a 1a fase da 5ª edição do projeto ambiental “Amigos da Natureza”, realizado na região Norte Araguaia com objetivo de repovoar e perpetuar a espécie tartaruga-da-amazônia no Rio Araguaia.

    Três militares e uma embarcação de apoio fluvial da AgSFAraguaia navegaram, juntamente com voluntários, 160 Km subindo o rio Araguaia, a procura de locais de desova de tartarugas para recolhimento dos seus ovos.

    No total, 400 ovos de tartaruga-da-amazônia foram recolhidos e levados para o encubadouro do projeto, instalado nas dependências do Batalhão de Polícia Militar de São Félix do Araguaia-MT. Neste local, os ovos são cuidados para que os filhotes possam nascer e atingir o tamanho ideal para serem soltos no rio.

    O biólogo e coordenador do projeto “Amigos da Natureza”, Francisco Assis Ribeiro Sousa, explicou que “na natureza, o índice de sobrevivência gira em torno de 2%. Considerando que a soltura desses filhotes ao rio é realizada com 30 dias de nascimento, numa fase em que os mesmos já estão bem mais ativos e em local onde os mesmos encontram esconderijo e alimentos, então o índice de sobrevivência chega a ultrapassar os 60%. Ou seja, em um ano fazemos o que a natureza levaria trinta”. O biólogo também ressaltou o apoio da Marinha do Brasil, “o engajamento da AgSFAraguaia é muito relevante, contribuindo para o desenvolvimento da conscientização ambiental, especialmente entre crianças e jovens”.