Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais é agraciado com a Medalha Mérito Tamandaré

     O Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais recebeu na manhã desta sexta-feira, 10 de maio, a Medalha Mérito Tamandaré, em cerimônia realizada na sede da Organização Militar, no Complexo Naval da Ilha do Governador.

     A solenidade foi presidida pelo Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais (CFN), Almirante de Esquadra (FN) Alexandre José Barreto de Mattos, e contou com a presença do antigo Comandante-Geral do CFN, Almirante de Esquadra (Refº-FN) Fernando Antonio de Siqueira Ribeiro, de Oficiais-Generais da ativa e da reserva e de antigos Comandantes e militares que já serviram na Unidade.

     Em seu discurso, o Almirante Alexandre assinalou que, ao longo de seus 56 anos de existência, o Batalhão vem se desenvolvendo como uma Unidade de características peculiares, constituída por militares altamente especializados, reflexo de uma diversidade de calibres incorporados em seu acervo ao longo das últimas décadas, incluindo obuseiros, morteiros e um Sistema de Artilharia de Foguetes de produção nacional, o Sistema ASTROS, como elevado patamar de tecnologia incorporada e que, segundo ele, em breve terá capacidade de lançamento de mísseis táticos de cruzeiro (projeto ainda em fase de estudo).

     - A atividade operativa de Artilharia, onde errar não é aceitável, em face dos elevados riscos envolvidos para as próprias guarnições das peças de Artilharia e para a tropa apoiada, produzem uma preciosidade no comportamento organizacional similar no aspecto administrativo e no padrão dos artilheiros, marca que sempre foi o diferencial desta Unidade – elogiou.

     O Comandante-Geral do CFN pontuou, ainda, que o Batalhão de Artilharia, com sua tripulação em constante adestramento, vem cumprindo as missões para as quais é designado de forma destacada. O AE Alexandre também lembrou que este reconhecimento é fruto do trabalho das várias gerações de Fuzileiros Navais que ali atuaram, deixando um importante legado para os artilheiros de hoje.

     - Sempre pautados nos valores essenciais do CFN: Honra, Competência, Determinação e Profissionalismo, os militares que aqui servem labutam diuturnamente para manter e aprimorar esse inegável e honroso legado. E, justamente por auferir tão importantes ações e resultados, que a imposição da Medalha Mérito Tamandaré a este Batalhão justifica-se, fruto do reconhecimento institucional por todos os feitos alcançados em sua gloriosa história -, concluiu.

     A medalha Mérito Tamandaré - Foi criada em 1957 para reconhecer as autoridades, instituições e personalidades civis e militares, brasileiras ou estrangeiras, que tenham prestado relevantes serviços, na divulgação ou no fortalecimento das tradições da Marinha do Brasil.