CGCFN promove I Simpósio de Gestão de Ciclo de Vida do Corpo de Fuzileiros Navais

     O Comando-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais (CGCFN) promoveu, no dia 29 de novembro, o I Simpósio de Gestão de Ciclo de Vida (GCV) do CFN, no Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo, na Ilha do Governador – RJ. O evento inédito, organizado pelo CGCFN, teve como objetivo disseminar e fomentar a metodologia de GCV de Sistemas e Materiais de Emprego Militar pelas Organizações Militares do CFN e fortalecer a importância do GCV para a prontidão operacional dos meios.

     Na palestra de abertura do evento, o Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais, Almirante de Esquadra (FN) Alexandre José Barreto de Mattos, afirmou que o Corpo de Fuzileiros Navais busca constantemente soluções e conhecimentos que permitam otimizar o emprego de seus recursos, o que, para o setor de material, vai ao encontro dos conceitos empregados pela Gestão de Ciclo de Vida.

     - As boas práticas de gestão têm que ser a tônica de todos aqueles que administram recursos financeiros, materiais e pessoais. Os recursos sempre serão escassos, cabe ao gestor se alimentar de todas as ferramentas que possibilitem a efetividade do emprego, permitindo extrair o máximo daquilo que é disponibilizado -, salientou.

     No período da manhã, foram proferidas duas palestras, seguidas de um debate, encerrando as atividades no primeiro tempo. A primeira tratou da “Gestão do Ciclo de Vida de Sistemas de Defesa. A atuação do Ministério da Defesa”, proferida pelo Vice-Almirante (RM1-IM) Edesio Teixeira Lima Junior, do Centro de Apoio a Sistemas Logísticos de Defesa, do Ministério da Defesa. Em seguida, o Coronel R1 do Estado-Maior do Exército Clóvis Eduardo Godoy Ilha palestrou sobre “A Gestão do Ciclo de Vida de Sistemas e Materiais de Emprego Militar com Ênfase na Aplicação da Engenharia de Sistemas”.

     Na parte da tarde, o tema da terceira palestra foi “O novo paradigma da GCV e sua contribuição para a prontidão dos meios navais, aeronavais e de fuzileiros navais”, proferida pelos Intendentes da Diretoria de Gestão de Programas da Marinha Capitão de Mar e Guerra (IM) Luiz Henrique Rodrigues da Silva, pelo Capitão de Fragata (IM) André Luis de Almeida Côrtes e pelo Capitão-Tenente Engenheiro Rogério Comello Machado. A palestra “Uma abordagem ERP1 para a Gestão do Ciclo de Vida de Ativos Complexos”, proferida pelo engenheiro da Oracle, Mario Tonizza, encerrou o ciclo de palestras, seguida do último debate antes do encerramento do evento.