CEFAN realiza cerimônia de abertura do 38º Campeonato Mundial Militar de Judô

     A cerimônia realizada no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN) nesta quarta-feira, dia 07, marcou a abertura do 38º Campeonato Mundial Militar de Judô. Presidida pelo Diretor-Geral de Navegação, Almirante de Esquadra Leonardo Puntel, o evento reuniu autoridades civis e militares, atletas nacionais e internacionais e celebrou o aniversário do Conselho Internacional do Esporte Militar (CISM), que em 2018 completou 70 anos promovendo a amizade por meio do esporte.

     Dezenove países, representados por cerca de 200 judocas militares, formaram na pista de atletismo para a cerimônia de abertura. Em discurso, o representante oficial do CISM, Coronel Walter Jander de Andrade, relembrou a criação da entidade, logo após a 2ª Guerra Mundial, e enalteceu as regras inspiradas na Declaração Universal dos Direitos Humanos. “A Declaração e o Estatuto do CISM têm pelo menos três pontos em comum. Primeiro: promover o desenvolvimento de relações amigáveis entre nações. Segundo: rejeitar qualquer tipo de distinção, como raça e cor. E terceiro: ensinar e educar a geração dos jovens para promover o respeito por estes direitos”.

     O Presidente da Comissão Desportiva Militar do Brasil, General de Divisão Jorge Antonio Smicelato, expressou o orgulho do Brasil e do Ministério da Defesa em sediar a competição esportiva, que apresenta características típicas da profissão militar e exige de seus praticantes atributos como preparo físico, disciplina, preparação técnica e lealdade com o adversário, além de exaltar o respeito mútuo. “Em nome do CISM, solicito que possamos exercitar o respeito mútuo e a empatia acima de tudo, antes mesmo do desempenho desportivo. Que nesta semana possamos ser exemplos da aplicação de nosso lema - Amizade através do esporte - num mundo conturbado, em que os militares são referência de civilidade, de dedicação à Pátria e, cada vez mais, de respeito humanitário”.

     O Diretor-Geral de Navegação declarou aberta a competição e, ao final da cerimônia, as delegações desfilaram ao som do Hino da Divisão Naval em Operações de Guerra, relembrando o ano do centenário do Armistício da 1ª Guerra Mundial.

     Promovido pelo CISM e organizado pelos Ministérios da Defesa e do Esporte e pela Marinha do Brasil, o Campeonato Mundial de Judô acontece até o dia 10 de novembro no ginásio poliesportivo Amazônia Azul, no CEFAN, com entrada gratuita ao público.