Comandante do Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos visita Marinha do Brasil

     “O Corpo de Fuzileiros Navais do Brasil e dos Estados Unidos veem o mundo de maneira semelhante, enfrentam os mesmos desafios e necessitam dessa cooperação mútua para a construção de um mundo melhor”. Essas foram as palavras do Comandante do Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos da América (CMC), General Robert Blake Neller, durante visita ao Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil, entre os dias 22 e 24 de agosto.

     Acompanhado de sua comitiva, o General Neller foi recepcionado pelo Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais, Almirante de Esquadra (FN) Alexandre José Bareto de Mattos, na manhã do dia 23 de agosto, na Fortaleza de São José da Ilha das Cobras, Centro do Rio, onde assistiu a uma apresentação da Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) e conheceu a sede do Comando-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais.

     Em seguida, em cerimônia realizada no Gabinete do Comandante da Marinha no Rio (GCM-Rio), o General Neller foi agraciado com a Ordem do Mérito Naval no grau de Grande-Oficial. Em suas palavras, o Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Eduardo Bacellar Leal Ferreira, ressaltou a importância do vínculo existente entre as duas instituições para o progresso do país: “Tenho a honra de dirigir-me a Vossa Excelência para reconhecer sua inegável contribuição ao incremento deste já fraterno e sincero relacionamento existente entre nossas Forças. Os avanços conquistados nas interações construídas são fruto da seriedade e da atenção que Vossa Excelência e seus antecessores sempre conferiram às necessidades e aos anseios do Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil”, destacou.

     Ainda no dia 23 de agosto, o CMC esteve no Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC), onde participou de palestra sobre o CFN e proferiu uma palestra sobre o Corpo de Fuzileiros Navais americano. Na ocasião, o General Neller e comitiva visitaram as atividades da UNITAS AMPHIBIOUS – exercício multinacional no contexto regional das Américas para cooperação e interoperabilidade na execução de operações anfíbias -, que estavam sendo realizadas no CIASC, e, em seguida, assistiram a um desfile de Unidade Anfíbia (UAnf), no Comando da Divisão Anfíbia.

     No dia 24, a comitiva conheceu o Centro de Instrução Almirante Milcíades Portela Alves (CIAMPA) e o Batalhão de Operações Especiais de Fuzileiros Navais, onde foi realizada reunião de trabalho entre a delegação visitante e representantes do CFN.

     O AE (FN) Alexandre ressaltou a grande importância do estreitamento dos laços entre os dois Corpos de Fuzileiros Navais para o constante desenvolvimento e aprimoramento das tropas brasileiras e americanas e para a contribuição de ambas as instituições para a estabilidade regional. O Comandante-Geral do CFN agradeceu, ainda, a “proveitosa visita do General Neller e sua comitiva à Marinha do Brasil e ao Corpo de Fuzileiros Navais”.